Confira o Guia da volta da NBA: o formato, o calendário do restante da temporada 2019/2020, e tudo sobre a "bolha" de Orlando

A pandemia do Coronavírus testou a capacidade de resposta de governos e instituições  de áreas diversas mundo afora. Entre elas, as organizações esportivas. Depois de meses, as competições de elite começam a retornar, com rígidos protocolos de saúde e calendários adaptados. Nesse embalo, montamos um Guia da volta da NBA.

Suspensa desde o dia 11 de março, a liga americana anunciou no dia 4 de junho o seu retorno. Os primeiros jogos acontecem no dia 30 de julho e a data do último confronto possível das finais ficou marcado para 13 de outubro.

Mas não espere a mesma NBA de sempre. Sem torcida, cumprindo rígidos protocolos de saúde, num formato diferenciado de classificação e com todo mundo uma verdadeira “bolha” viabilizada na Disney, em Orlando, o melhor basquete do mundo volta de um jeito diferente.

Será como a própria NBA definiu: “Um jogo totalmente novo”.

Como vai funcionar a volta da NBA

A NBA foi suspensa antes do fim do temporada regular, faltando mais ou menos 20 jogos de cada time a serem disputados. Com o fim do calendário marcado para outubro de 2020, seria impossível cumprir as de 300 partidas antes dos playoffs.

O esquema acordado então foi eliminar os times que já não tinham chances matemáticas de alcançar a fase final, reduzindo o campeonato de 32 para 22 franquias, e de aproximadamente 320 jogos para exatamente 88.

Cada um desses 22 times disputará 8 partidas cada, para definir os classificados aos playoffs e suas respectivas posições. Os confrontos marcados para o que estão chamando de Seeding Games foram selecionados a partir do calendário previsto antes da pausa e organizados para melhor andamento da competição.

A classificação de antes da pandemia se mantém. Portanto, aqueles que já tinham garantido vaga, como Lakers, Bucks, Clippers e cia, jogam “apenas” pelo seed, a posição na tabela.

Os 10 times que ainda lutam pelas quatro vagas restantes o fazem no esquema de sempre, cada um na sua conferência. São duas vagas para o Oeste e duas para o Leste.

Finalizadas as oito rodadas, ainda está prevista uma repescagem. Ela só acontecerá caso o time que terminou os Seeding Games em oitavo tenha quatro vitórias ou menos de vantagem sobre o nono colocado.

Se rolar, o Play-in tournament será em séries de melhor de dois. O nono só se classifica se vencer os dois jogos contra o oitavo.

Daí em diante, os playoffs acontecem normalmente, com 16 times, séries de melhor de sete, finais de conferência e a nossa querida NBA Finals.

Antes disso tudo, a Liga organizou um Scrimmage Schedule, que nada mais é que um torneio amistoso de intertemporada, com cada time fazendo três jogos cada. Esses jogos dificilmente serão televisionados aqui no Brasil.

Vá além do Basquete:

O calendário da NBA na volta da temporada 2019/2020

Agora que você entendeu melhor como será NBA depois da pandemia, veja direitinho o calendário na volta da temporada 2019/2020. Todos os jogos acontecem sem presença de torcida, é claro.

  • 22 de julho a 28 de julho – Scrimmage Schedule – amistosos de intertemporada
  • 30 de julho a 13 de agosto – Seeding Games -o restante da temporada regular
  • 15 e 16 de agosto (se necessário) – Play-in Tournament – a repescagem dos playoffs
  • 17 de agosto – Início dos Playoffs
  • 31 de agosto – Início das semifinais de conferência
  • 15 de setembro – Início das finais de conferência
  • 30 de setembro – Jogo 1 da NBA Finals
  • 13 de outubro – Jogo 7 da NBA Finals (se necessário)

Volta da NBA em Orlando

A adaptação da temporada regular foi uma maneira prática de adequar a competição ao novo calendário, mas é a maneira com que a liga lidou com os protocolos de saúde que tem sido a principal novidade. A NBA volta toda em Orlando, num esquema especial na Disney.

Para garantir um menor contágio do coronavírus, a Liga optou por reunir tudo que envolve o retorno em um só lugar, com um rígido controle de acessos e contatos entre os envolvidos. Essa operação tem sido chamada de “bolha da NBA”.

As propriedades da Disney foram escolhidas por conseguir atender as necessidades tanto de estadia como das atividades esportivas.

Os times, que chegaram em dias diferentes em Orlando, foram divididos em três hotéis de luxo localizados dentro do complexo da Disney: o Grand Destino, o Grand Florian e o Yatch Club.

Já os jogos serão disputados no ESPN Wide World of Sports Complex, uma atração do Walt Disney World Resort voltada aos esportes. As partidas acontecerão nos três ginásios de lá:

  • The Arena
  • Visa Athletic Center
  • HP Field House

Para treinar, as franquias terão as quadras de dois hotéis à disposição, a dos Grand Destino e a do Contemporary Hotel, que não receberá ninguém para estadia e foi reservado somente para esse fim.

Os protocolos de saúde da volta da NBA

Os protocolos de saúde da volta da NBA são baseados em dois pontos: o contato controlado entre os membros da bolha e a testagem diária.

Sim, estão previstos testes diários para absolutamente todos os presentes. Se houver um resultado positivo, a pessoa fica em quarentena no seu quarto de hotel por pelo menos sete dias e só é liberada quando o teste diário der negativo.

Pensando em jogadores que possam contrair o vírus, a NBA permitiu que os times inscrevessem dois jogadores substitutos, que podem ser usados em casos de resultados positivos no teste.

Quanto ao controle, a ideia é que aqueles hospedados no mesmo hotel tenham um contato “livre” entre si. Isto é, que possam participar das mesmas atividades, desde sem ir aos quartos uns dos outros.

Na hora da comida, quem for do mesmo time pode comer junto nos restaurantes dos hotéis, e quem quiser confraternizar com um rival, que o faça no lado de fora.

Os membros da bolha não são necessariamente proibidos de sair dela, mas qualquer um que furá-la tem de passar obrigatoriamente por um isolamento de pelo menos sete dias — o mesmíssimo protocolo de resultado positivo para a testagem diária.

Quais times vão participar da volta da NBA?

Serão 22 participantes disputando os Seeding Games. Doze já estão classificados para os playoffs, e os outros 10 disputam as quatro vagas restantes. Ao fim dos 88 jogos, os eliminados voltam para casa assim que cumprirem um último protocolo de saúde.

Classificados

Na briga

Como e onde assistir aos jogos da volta da NBA

O formato e o calendário podem ser novos, mas o esquema para assistir a NBA permanece o mesmo. Na TV fechada, ESPN e SporTV dividem a maior parte das transmissões. A Band passa jogos selecionados na TV aberta. Na internet, a VIVO tem a exclusividade de alguns confrontos, mas todas as partidas podem ser assistidas no NBA League Pass.

Agora que você está em dia com a volta da NBA, aproveite para conferir outros conteúdos sobre Basquete:

*Última atualização em 20 de julho de 2020

Comentários

Salvar
11 Compart.
Compartilhar11
Twittar
Compartilhar
WhatsApp
Pin