John Isner, Ivanisevic, Pete Sampras, Federer… Saiba quem são os melhores sacadores da história do tênis e os recordistas de aces

Você sabe qual foi o saque mais rápido da história do tênis?

Em 2012, o australiano Samuel Groth, então 340º no ranking da ATP, acertou um ace a 263 km/h durante as oitavas de final do challenger de Busan, na Coreia do Sul, em jogo contra o bielorrusso Uladzimir Ignatik. 

Curiosamente, Groth foi derrotado por 2 a 0. Isso mostra que nem sempre os saques mais fortes levam tenistas a vitórias na ATP.

Pensando nisso, listamos aqui os melhores sacadores do tênis mundial, com jogadores que ainda permanecem em atividade e outros que já se aposentaram.

Fique com a gente e veja agora quem são os donos dos melhores serviços no circuito masculino de tênis!

Melhores sacadores da história do tênis

  • John Isner
  • Goran Ivanisevic
  • Roger Federer
  • Ivo Karlovic
  • Pete Sampras
  • Andy Roddick
  • Boris Becker
  • John McEnroe
  • Mark Philippoussis
  • Richard Krajicek

John Isner

John Isner melhores sacadores do tênis

  • Aces: 12.266
  • Aproveitamento de 1º serviço: 69%
  • Aproveitamento de pontos com 1º serviço: 79%
  • Aproveitamento de pontos com 2º serviço: 56%
  • Aproveitamento em games de saque: 92%

Em duelo da Copa Davis de 2016, John Isner sacou a 253 km/h. Foi o saque mais potente já registrado em um dos grandes torneios do circuito mundial — o que citamos no início deste texto, de Samuel Groth, aconteceu em um torneio Challenger.

Com 2,08 m de altura, Isner sempre foi reconhecido pelo saque potente. Mesmo o segundo serviço do norte-americano é disparado com uma força impressionante.

O bom serviço ajudou Isner a conquistar 15 títulos de simples na carreira, sendo o principal deles o Masters 1000 de Miami, em 2018.

No ranking da ATP, sua melhor colocação foi a 8ª colocação em julho de 2018.

Curiosamente, John Isner é protagonista do jogo mais longo da história do tênis. Na edição do torneio de Wimbledon em 2010, ele precisou de 8 horas e 11 minutos para chegar à vantagem de dois games sobre o francês Nicolas Mahut, e encerrar o quinto set com vitória de 70 a 68. 

O placar final do confronto foi 3 sets a 2, com parciais de 6-4, 3-6, 6-7 (7), 7-6 (3) e 70-68. A partida durou 11 horas e 5 minutos.

Goran Ivanisevic

Goran Ivanisevic melhores sacadores do tênis

  • Aces: 10.131
  • Aproveitamento de 1º serviço: 55%
  • Aproveitamento de pontos com 1º serviço: 82%
  • Aproveitamento de pontos com 2º serviço: 50%
  • Aproveitamento em games de saque: 86%

Se você teve a oportunidade de ver Goran Ivanisevic jogar, deve se lembrar de potentes saques com a canhota e muita raiva em momentos de pressão. Era comum ver o croata quebrar raquetes quando estava insatisfeito com o decorrer da partida.

No entanto, a força de Ivanisevic nos saques era o que mais impressionava em suas atuações. Antes mesmo de a bola atingir o ponto máximo de sua trajetória, ele a acertava com um movimento rápido, tornando a recepção uma missão extremamente difícil.

Em 1996, o croata registrou o recorde de aces numa temporada, com 1.477 pontos de saque. Esse número, entretanto, pode ser ainda maior, já que desconsidera os aces na Copa Davis e na Olimpíada de Atlanta.

Campeão de Wimbledon em 2001, Goran Ivanisevic foi o número 2 do mundo em 1994.

Roger Federer

Roger Federer melhores sacadores do tênis

  • Aces: 11.365
  • Aproveitamento de 1º serviço: 62%
  • Aproveitamento de pontos com 1º serviço: 77%
  • Aproveitamento de pontos com 2º serviço: 57%
  • Aproveitamento em games de saque: 89%

Apontado por muitos fãs e especialistas como o maior tenista de todos os tempos, Roger Federer é praticamente completo em todos os fundamentos. No saque, o suíço impressiona pela técnica.

A empunhadura eastern ajuda Federer a disfarçar qual será a direção de seu saque, complicando a vida do adversário e o deixando em larga vantagem para o restante do ponto.

Isso não é o bastante? Roger Federer tem o recorde de aces numa final de Grand Slam. Na decisão de Wimbledon em 2009, contra Andy Roddick, ele fez 50 pontos de saque.

O suíço é também o terceiro colocado na lista dos recordistas de aces do tênis masculino, atrás apenas de Ivo Karlovic e John Isner.

Ivo Karlovic

Ivo Karlovic melhores sacadores do tênis

  • Aces: 13.599
  • Aproveitamento de 1º serviço: 66%
  • Aproveitamento de pontos com 1º serviço: 83%
  • Aproveitamento de pontos com 2º serviço: 53%
  • Aproveitamento em games de saque: 92%

Se a discussão é sobre quais são os melhores sacadores da história do tênis, Ivo Karlovic tem de estar presente. Afinal, o croata é o recordista de aces no tênis em todos os tempos.

Até a paralisação do circuito mundial por conta da pandemia de Covid-19, Karlovic já havia feito 13.599 aces na carreira.

Compare as estatísticas com outros membros dessa lista e você verá que Karlovic se destaca também pelo percentual de games de saque que vencidos, com 92% de aproveitamento.

Ou seja, os adversários precisam ser muito pacientes para quebrar o serviço do croata. 

A potência do serviço ajudou Ivo Karlovic a chegar até a 14ª colocação no ranking da ATP e conquistar oito títulos de simples.

Pete Sampras

Pete Sampras melhores sacadores do tênis

  • Aces: 8.713
  • Aproveitamento de 1º serviço: 59%
  • Aproveitamento de pontos com 1º serviço: 81%
  • Aproveitamento de pontos com 2º serviço: 53%
  • Aproveitamento em games de saque: 89%

Pete Sampras conquistou seu lugar entre os melhores tenistas de todos os tempos com o jogo baseado no estilo “saque e voleio”.

Basicamente, o norte-americano sacava uma pancada com topspin e corria para a rede para definir o ponto.

Nos momentos de pressão, Sampras usava o saque como um trunfo para se recuperar e reassumir o controle da partida.

O saque ajudou a lenda norte-americana a conquistar 14 títulos de Grand Slams em quadras rápidas. Foram 7 conquistas em Wimbledon, 5 no US Open e duas no Australian Open.

Andy Roddick

Andy Roddick melhores sacadores do tênis

  • Aces: 9.068
  • Aproveitamento de 1º serviço: 65%
  • Aproveitamento de pontos com 1º serviço: 79%
  • Aproveitamento de pontos com 2º serviço: 56%
  • Aproveitamento em games de saque: 90%

O saque foi um dos principais atributos que ajudaram Andy Roddick a chegar ao topo do ranking da ATP em 2003.

Na semifinal da Copa Davis de 2004, o norte-americano chegou a sacar a 249,4 km/h, o que foi por cinco anos o recorde de saque mais veloz do tênis, até a marca ser quebrada por Ivo Karlovic.

Com 32 títulos na carreira, Roddick foi campeão do US Open de 2003 e conquistou cinco Masters 1000.

Vá além do Tênis! Confira também:

Boris Becker

Boris Becker melhores sacadores do tênis

  • Aces: 4.362
  • Aproveitamento de 1º serviço: 57%
  • Aproveitamento de pontos com 1º serviço: 79%
  • Aproveitamento de pontos com 2º serviço: 50%
  • Aproveitamento em games de saque: 86%

Ex-número 1 do mundo e membro do hall da fama do tênis, Boris Becker conquistou 6 Grand Slams na carreira, apoiando-se, principalmente, em seu saque. Não à toa, o alemão recebeu o apelido de “Boom Boom”.

Com backspin, o Becker conseguia fazer com que seu segundo serviço também fosse potente.

O alemão foi um dos maiores tenistas do estilo “saque e voleio” no final do século 20. 

John McEnroe

John McEnroe melhores sacadores do tênis

  • Aces: 10.131
  • Aproveitamento de 1º serviço: 55%
  • Aproveitamento de pontos com 1º serviço: 82%
  • Aproveitamento de pontos com 2º serviço: 50%
  • Aproveitamento em games de saque: 86%

Um dos tenistas mais polêmicos e enérgicos do circuito masculino em todos os tempos, John McEnroe tinha um estilo de saque único. Ele se encurvava para atingir a bola com a canhota, aplicando extraordinária velocidade e potência na raquete.

Ler o saque do norte-americano era praticamente impossível e isso o ajudou a conquistar quatro títulos em Wimbledon e outros quatro do US Open.

Entre os melhores duplistas de todos os tempos, John McEnroe também levou quatro conquistas em duplas tanto em Wimbledon quanto no Aberto dos Estados Unidos.

Dica da Esportelândia: o filme Borg x McEnroe, que retrata sua rivalidade com o sueco Bjorn Borg é um dos melhores filmes de esporte. 

Mark Philippoussis

Mark Philippoussis melhores sacadores do tênis

  • Aces: 6.696
  • Aproveitamento de 1º serviço: 58%
  • Aproveitamento de pontos com 1º serviço: 80%
  • Aproveitamento de pontos com 2º serviço: 50%
  • Aproveitamento em games de saque: 85%

O saque violento foi a principal característica de jogo do australiano Mark Philippoussis, ex-número 8 do mundo. 

Em duelo com Andre Agassi no torneio de Wimbledon de 2003, ele fez impressionantes 46 aces. Naquela edição, ele foi vice-campeão do Grand Slam inglês, perdendo a final para Roger Federer.

Em 1998, ele havia perdido a outra final de Grand Slam que disputou na sua carreira, diante do compatriota Patrick Rafter na decisão do US Open.

As lesões encurtaram sua carreira, mas não tiram seu lugar entre os melhores sacadores do tênis em todos os tempos.

Richard Krajicek

Richard Krajicek melhores sacadores do tênis

  • Aces: 7.648
  • Aproveitamento de 1º serviço: 58%
  • Aproveitamento de pontos com 1º serviço: 81%
  • Aproveitamento de pontos com 2º serviço: 51%
  • Aproveitamento em games de saque: 87%

Único holandês a ter sido campeão de um Grand Slam na história da ATP, Richard Krajicek usava o saque como ponto fundamental do seu jogo. Ao longo de sua carreira, ele venceu 87% dos games de saque.

Na lista de recordistas de aces da história da ATP, Krajicek aparece em décimo. Assim como ocorreu com Phillippoussis, o holandês, que foi número 4 do mundo em 1999, teve a carreira prejudicada por lesões.

Em 1996, Krajicek venceu o torneio de Wimbledon. Para isso, ele precisou eliminar Pete Sampras nas quartas de final. Aquela foi a única derrota do norte-americano no Grand Slam inglês entre 1993 e 2000.

Com Richard Krajicek, encerramos o top 10 dos maiores sacadores do tênis em todos os tempos. Nossa lista, como você deve ter percebido, não leva em consideração atletas da era amadora do esporte. Caso contrário, Bill Tilden poderia figurar por aqui.

Entre os tenistas da história recente, dois nomes merecem menção honrosa na lista dos grandes sacadores: Feliciano Lopez e Sam Querrey. Afinal, o espanhol e o norte-americano estão entre os 10 maiores recordistas de aces do tênis masculino. 

Sentiu falta de algum grande sacador na nossa lista? Aproveite o espaço dos comentários para deixar sua opinião.

Confira também quais são as 20 maiores rivalidades do tênis em todos os tempos e as 10 maiores partidas de tênis da história!

Comentários

Salvar
Compartilhar
Twittar
Compartilhar
WhatsApp
Pin