Saiba todos os detalhes da história de Pete Sampras, como ele chegou ao topo do ranking e quais foram os títulos conquistados em uma carreira brilhante!

Antes de Roger Federer, Rafael Nadal e Novak Djokovic comandarem o circuito mundial de tênis, o maior campeão da história dos Grand Slams da era aberta atendia pelo nome de Pete Sampras.

O norte-americano encerrou sua carreira em 2002, com 14 Grand Slams vencidos e mais de US$ 43 milhões somados em premiações.

Não é à toa que Sampras é considerado um dos maiores tenistas de todos os tempos.

Quer conhecer mais sobre a história de Pete Sampras? Então continue com a gente!

Infográfico: as conquistas de Pete Sampras

Pete Sampras

Quer compartilhar essa imagem no seu site ou blog? Basta copiar o código abaixo:

Quem é Pete Sampras?

Pete Sampras é considerado um dos maiores tenistas de todos os tempos. Ele iniciou sua carreira como profissional em 1988 e se aposentou em 2002. Ao longo de sua trajetória, ocupou o topo do ranking da ATP por 286 semanas, entre 1993 e 1998 — um recorde que só foi quebrado por Roger Federer.

Sampras conquistou 14 Grand Slams em sua carreira. Com um poderoso estilo de saque e voleio, foi campeão de Wimbledon em 7 oportunidades, levou mais 5 títulos do US Open e outros 2 do Australian Open.

Ao todo, Sampras conquistou 64 títulos de simples e 2 em duplas.

O norte-americano ajudou a equipe dos Estados Unidos a vencer a Copa Davis por duas vezes.

Quando e como Pete Sampras começou no tênis?

Pete Sampras nasceu em Washington DC, mas foi após a mudança de sua família para a Califórnia que, aos 7 anos, começou a jogar tênis.

O maior ídolo de Sampras era o australiano Rod Laver, vencedor de 11 Grand Slams em simples, 6 em duplas e 3 em duplas mistas.

Aos 16 anos, o norte-americano estreou como profissional, ao ser derrotado por Sammy Giammalva Jr., no US Pro Indoor. Apesar do revés em seu primeiro jogo, ao fim de 1988, ele já era o 97º no ranking da ATP.

Na temporada seguinte, Sampras venceu sua primeira partida em Grand Slams em Roland Garros. Já no US Open, foi o responsável pela eliminação do então atual campeão Mats Wilander na segunda rodada, mas acabou caindo nas oitavas de final.

Foi em 1990 que Pete Sampras conquistou seu primeiro título como profissional. Ele foi campeão do US Pro Indoor, na Filadélfia, depois de derrotar o compatriota Andre Agassi.

Também naquela temporada, Pete Sampras conquistou o primeiro dos 14 Grand Slams de sua carreira, com o título do US Open. Até ganhar o troféu do Aberto dos Estados Unidos, ele passou por Thomas Muster, Ivan Lendl e John McEnroe, antes de derrotar Agassi na decisão.

Pete Sampras e Andre Agassi na final do US Open de 1990
Com vitória sobre Agassi, Sampras foi o campeão mais jovem da história do US Open

Com 19 anos e 28 dias, Pete Sampras foi o campeão mais novo da história do US Open.

Confira, a seguir, quais foram os outros títulos da carreira do tenista norte-americano.

Quantas vezes Pete Sampras foi campeão?

Ao longo de sua carreira, Pete Sampras conquistou 64 torneios de simples, além de dois em duplas. Entre os 14 títulos de Grand Slams, ele foi heptacampeão de Wimbledon, pentacampeão do US Open e bicampeão do Australian Open.

O único Grand Slam que Sampras jamais venceu foi Roland Garros, no saibro. Com o estilo de jogo rápido, ele se destacou mais na grama e nos pisos duros.

Títulos de Pete Sampras

  • Australian Open: 2 (1994, 1997)
  • Wimbledon: 7 (1993, 1994, 1995, 1997, 1998, 1999, 2000)
  • US Open: 5 (1990, 1993, 1995, 1996, 2002)

Todas as finais de Grand Slam disputadas por Pete Sampras

ResultadoAnoCampeonatoOponentePlacar
Campeão1990US OpenAndre Agassi6–4, 6–3, 6–2
Vice1992US OpenStefan Edberg6–3, 4–6, 6–7(5–7), 2–6
Campeão1993WimbledonJim Courier7–6(7–3), 7–6(8–6), 3–6, 6–3
Campeão1993US OpenCédric Pioline6–4, 6–4, 6–3
Campeão1994Australian OpenTodd Martin7–6(7–4), 6–4, 6–4
Campeão1994WimbledonGoran Ivanišević7–6(7–2), 7–6(7–5), 6–0
Vice1995Australian OpenAndre Agassi6–4, 1–6, 6–7(6–8), 4–6
Campeão1995WimbledonBoris Becker6–7(5–7), 6–2, 6–4, 6–2
Campeão1995US OpenAndre Agassi6–4, 6–3, 4–6, 7–5
Campeão1996US OpenMichael Chang6–1, 6–4, 7–6(7–3)
Campeão1997Australian OpenCarlos Moyá6–2, 6–3, 6–3
Campeão1997WimbledonCédric Pioline6–4, 6–2, 6–4
Campeão1998WimbledonGoran Ivanišević6–7(2–7), 7–6(11–9), 6–4, 3–6, 6–2
Campeão1999WimbledonAndre Agassi6–3, 6–4, 7–5
Campeão2000WimbledonPatrick Rafter6–7(10–12), 7–6(7–5), 6–4, 6–2
Vice2000US OpenMarat Safin4–6, 3–6, 3–6
Vice2001US OpenLleyton Hewitt6–7(4–7), 1–6, 1–6
Campeão2002US OpenAndre Agassi6–3, 6–4, 5–7, 6–4

Quais são os recordes de Pete Sampras?

Alguns dos recordes conquistados por Pete Sampras acabaram sendo superados por outros tenistas, especialmente por Roger Federer. Veja, a seguir, algumas das marcas que foram estabelecidas pelo norte-americano.

  • 6 anos consecutivos com número 1 do mundo (1993, 1994, 199, 1996, 1997 e 1998);
  • 286 semanas no topo do ranking da ATP, marca superada apenas por Roger Federer;
  • 7 títulos de Wimbledon, um a menos que Federer na era aberta e que William Renshaw na era amadora;
  • 5 títulos de US Open, recorde na era aberta, ao lado de Jimmy Connors e Roger Federer;
  • Quarto maior vencedor de Grand Slams entre os homens, atrás somente de Roger Federer, Rafael Nadal e Novak Djokovic.

Quem foram os principais rivais de Pete Sampras?

Apontado por muitos como o maior tenista de todos os tempos, Roger Federer foi o responsável por tirar esse posto de Pete Sampras. Porém, a rivalidade entre os dois tenistas não durou muito.

Em toda a história, Sampras e Federer se enfrentaram apenas uma vez. O confronto entre os dois gênios do tênis aconteceu nas oitavas de final de Wimbledon, em 2001. O suíço levou a melhor com vitória por 3 sets a 2, com parciais de 7/6, 5/7, 6/4, 6/7 e 7/5.

Pete Sampras e Roger Federer
Pete Sampras e Roger Federer se enfrentaram uma única vez, em Wimbledon, com vitória do suíço

Os principais rivais de Sampras ao longo de sua carreira foram outros norte-americanos: Andre Agassi, Todd Martin, Jim Courier e Michael Chang. Contra os quatro compatriotas, Sampras levou vantagem:

  • Andre Agassi (20–14)
  • Todd Martin (18–4)
  • Jim Courier (16–4)
  • Michael Chang (12–8)

Os brasileiros Gustavo Kuerten e Fernando Meligeni não podem ser considerados grande rivais, mas impuseram derrotas a Pete Sampras.

Guga venceu o norte-americano na Masters Cup (atual ATP Finals), em 2000, depois de ter sido derrotado no Masters 1000 de Miami naquele mesmo ano e no ATP Tour World Championship de 1999.

Já Meligeni derrotou Pete Sampras no Masters 1000 de Roma, em 1999. Eles já haviam se encontrado no US Open de 1995, quando o norte-americano foi vitorioso no duelo pela primeira rodada.

Qual é o livro de Pete Sampras?

Quem quer conhecer mais sobre a história de Pete Sampras sob a visão do próprio ex-tenista tem uma ótima oportunidade na autobiografia “Mente de Campeão”.

Em seu livro, Sampras relata os desafios pessoais que enfrentou para se tornar uma lenda das quadras e todo o esforço para chegar a ser o número 1 do mundo e se manter no topo do ranking por quase 6 anos.

Entre 1988 e 2002, Pete Sampras construiu uma das carreiras mais brilhantes do tênis. Agora que você já conhece a história de um dos maiores tenistas da história, aproveite para saber mais sobre outros grandes esportistas:

Ficha Técnica
Título
Conheça Pete Sampras, um dos maiores tenistas da história
Resumo
Pete Sampras é considerado um dos maiores tenistas de todos os tempos. Ele iniciou sua carreira como profissional em 1988 e se aposentou em 2002. Ao longo de sua trajetória, ocupou o topo do ranking da ATP por 286 semanas, entre 1993 e 1998 — um recorde que só foi quebrado por Roger Federer.
Autor

Comentários

Salvar