X Games, World Cup Skateboarding, SLS… Saiba quais são os principais campeonatos de skate do mundo e seus maiores campeões

Quais são os principais campeonatos de skate do mundo? Para responder essa pergunta, certamente os X Games devem ser citados, mas há outras competições que merecem destaque.

A World Cup of Skateboarding coroa, anualmente, os campeões mundiais de skate. Sandro Dias, Bob Burnquist, Pedro Barros, Karen Jonz, Letícia Bufoni e Pamela Rosa já levaram o Brasil ao topo do pódio.

E não paramos nos X Games e na WCS… Fique com a gente para conhecer os principais campeonatos de skate do mundo!

Principais campeonatos de skate do mundo

  • X Games
  • World Cup of Skateboarding
  • Street League Skateboarding (SLS)
  • Tampa Pro
  • Dew Tour
  • Vans Park Series

X Games

Transmitido pela ESPN desde a década de 1990, o X Games é o mais conhecido entre todos os campeonatos de esportes radicais, colocando em disputa os maiores nomes dessas modalidades. 

No skate, são disputadas oe eventos de vertical, park masculino e feminino, street masculino e feminino, além de Big Air.

Algumas das principais manobras do skate foram apresentadas nos X Games, como o 900 de Tony Hawk. 

O skatista brasileiro Bob Burnquist é o maior medalhista da história dos X Games. Foram 14 ouros, 8 pratas e 8 bronzes, totalizando 30 medalhas. 

Relembre o inédito 900 de Tony Hawk nos X Games:

World Cup of Skateboarding (WCS)

A World Cup Skateboarding, ou Copa do Mundo de Skate, é uma organização internacional de skate que hospeda as etapas do campeonatos mundial de skate.

A ideia da WCS nasceu em 1993, com Don Bostick. Embora a indústria do skate estivesse em baixa, ele viu a necessidade de uma organização que englobasse mais do que apenas a América do Norte e fosse uma entidade que funcionasse para os melhores interesses dos skatistas. 

Após algumas conversas com Titus Dittman e Danielle Bostick, a WCS iniciou seu primeiro evento em Vancouver, no Canadá, com o Slam City Jam em maio de 1994.

Vários brasileiros, entre homens e mulheres, já foram campeões da WCS. Sandro Dias, o Mineirinho, levou o título em vertical em todos os anos entre 2003 e 2007, além de 2011.

Também no vertical, Bob Burnquist foi o campeão de 2000 e 2008, enquanto Karen Jonz foi tetracampeã.

Pedro Barros, Letícia Bufoni e Pamela Rosa estão entre os mais recentes campeões. Ele em bowl, e elas no street.

Entre os eventos que já fizeram parte do calendário da World Cup Skateboarding estão:

  • Breda (Holanda) – World Cup Breda
  • Graz (Áustria) – Graz Skate World Cup
  • Montreal (Canadá) – Jackalope
  • Moscou (Rússia) – World Cup Moscow
  • Orange (Estados Unidos) – Pool Party
  • Orange (Estados Unidos)  – Girls Combi Pool Classic
  • Palm Springs (Estados Unidos) – El Gato Classic
  • Paris (França) – Far’ N High
  • Praga (República Tcheca) – Mystic Sk8 Cup
  • Rotterdam (Holanda) – RTM Skateboard World Cup
  • Santa Barbara County (Estados Unidos) – Orchid Skatepark
  • Tallinn (Estônia) – Simple Session
  • Vigo (Espanha) – O Marisquino

Você ama outros esportes além do Skate? Aqui na Esportelândia também falamos sobre:

Street League Skateboarding (SLS)

A Street League Skateboarding é a primeira liga profissional de skate. Criada em 2010 por Rob Dyrdek, a competição reúne os amantes da modalidade mais praticada do mundo, o street.

Nessa competição, cada manobra é avaliada individualmente e não o conjunto todo, como é feito na maioria dos campeonatos de skate. Para classificar as manobras, Dyrdek desenvolveu um sistema de computação.

A SLS oferece a maior premiação em dinheiro entre todas as competições do mundo e cada etapa é disputada em uma cidade e/ou país diferente.

Em 2019, Nyjah Huston foi hexacampeão da Street League entre os homens. Já entre as mulheres, Pamela Rosa ficou com o título, logo à frente da também brasileira Rayssa Leal.

Letícia Bufoni e Kelvin Hoefler também já foram campeões mundiais da SLS, ambos em 2015.

Confira todas as voltas que deram o título da Street League de 2019 para Pamela Rosa:

Tampa Pro

Disputado em Tampa, na Flórida, o Tampa Pro é um campeonato profissional de skate da modalidade de street, realizado no Skatepark de Tampa, nos Estados Unidos. 

A cada ano, uma nova pista é projetada para a disputa, que é reconhecida por dar notoriedade a skatistas até então pouco conhecidos.

Luan Oliveira foi o primeiro brasileiro a vencer o Tampa Pro, com os títulos de 2013 e 2015.

Em 2019, Carlos Ribeiro se juntou à lista de campeões, garantindo uma vaga vitalícia na final do campeonato.

Confira a volta que deu o título do Tampa Pro a Carlos Ribeiro em 2019:

Lista de campeões do Tampa Pro

  • Carlos Ribeiro – 2019
  • Jagger Eaton – 2018
  • Louie Lopez – 2017
  • Shane O’Neill – 2016
  • Luan Oliveira – 2015
  • Nyjah Huston – 2014
  • Luan Oliveira – 2013
  • Torey Pudwill – 2012
  • Dennis Busenitz – 2011
  • Paul Rodriguez – 2010
  • Greg Lutzka – 2009
  • Greg Lutzka – 2008
  • Eric Koston – 2007
  • Greg Lutzka – 2006
  • Dennis Busenitz – 2005
  • Bastien Salabanzi – 2004
  • Tony Trujillo – 2003
  • Eric Koston – 2002
  • Kyle Berard – 2001
  • Kerry Getz – 2000
  • Gershon Mosley – 1999
  • Andrew Reynolds – 1998
  • Andrew Reynolds – 1997
  • Chris Senn ou Eric Koston – 1996
  • Mike Vallely – 1995

Dew Tour

Criada em 2005, o Dew Tour reúne esportes de verão e de inverno. No skate, são disputadas três modalidades: vertical, street e bowl.

Os participantes concorrem a medalhas e prêmios em dinheiro. 

Tricampeão olímpico no snowboard, Shaun White já foi campeão do Dew Tour tanto no snowboard quanto no skate vertical.

Confira as apresentações que deram o título a Shaun White no Dew Tour de 2010:


Vá além do mundo do Skate! Confira também nossos outros conteúdos:

Vans Park Series

O Vans Park Series é considerado o circuito mundial da modalidade Park. O campeonato foi criado em 2016 e coloca em disputa os melhores skatistas do mundo de transição em etapas nos Estados Unidos, no Brasil, na Europa e na Ásia.

Os campeões de cada etapa do Vans Park Series recebem o direito de competir na fase mundial realizada em setembro, em Xangai, na China, também conhecida como a grande final.

Em 2019, Isadora Pacheco, Letícia Gonçalves e Dora Varella foram as brasileiras mais bem colocadas no ranking feminino, apesar de terem ficado distantes da disputa pelo título.

Já no masculino, Luiz Francisco, Murilo Peres e Vinícius Kakinho foram os brasileiros que mais se destacaram.

A partir de 2020, uma das mais importantes competições de skate passará a ser a disputa dos Jogos Olímpicos. A edição de Tóquio marcará a estreia do esporte nas Olimpíadas.

Enquanto ficamos na expectativa para conferir o desempenho dos brasileiros nas próximas disputas dos principais campeonatos de skate do mundo, aproveite para alimentar sua paixão pelo esporte com outros conteúdos:

Comentários

Salvar
Compartilhar
Twittar
Compartilhar
WhatsApp
Pin