Saiba como e quando surgiu o ATP Finals, quem são os maiores campeões tanto em simples quanto em duplas e as regras do torneio

Imagine um torneio que coloca em disputa os 8 melhores tenistas da temporada. Essa competição já existe e é disputada todos os anos desde a década de 1970. É o ATP Finals!

Disputado anualmente, o torneio coloca em disputa direta os grandes destaques da temporada. É a hora de vermos quem se sobressai entre os grandes!

E mais do que apenas prestígio, o título do ATP Finals rende uma bela premiação. Em 2019, o campeão de simples, Stefanos Tsitsipas, embolsou US$ 2.228.000.

Esse é ou não é um motivo para os tenistas se esforçarem ainda mais para levar para casa o troféu? Até aqui, o maior campeão é Roger Federer. Mas Novak Djokovic vem se aproximando do suíço.

Quer saber quantos títulos eles têm? Fique com a gente e confira quem são os maiores vencedores, como foram todas as finais e todos os detalhes da história do ATP Finals!

Infográfico – ATP Finals: história, campeões e mais

ATP Finals

Como surgiu o ATP Finals?

O ATP Finals é a evolução de um torneio que surgiu em 1970. Originalmente, a competição era chamada Masters Grand Prix e fazia parte do Grand Prix Tennis Circuit. Esse torneio foi organizado pela International Lawn Tennis Federation (ILTF ) e reunia os melhores jogadores do circuito masculino. Porém, inicialmente, não contou para nenhum ponto no ranking mundial.

Em 1990, a Associação de Profissionais de Tênis (ATP) assumiu a organização do circuito masculino e substituiu o Masters pelo ATP Tour World Championship.

Os pontos do ranking mundial passaram a ser considerados, com um campeão invicto ganhando quase o mesmo número de pontos que ele ganharia em um dos quatro eventos Grand Slam.

Paralelamente, a ITF, que continuou como organizadora dos torneios do Grand Slam, criou um evento rival no final do ano conhecido como Grand Slam Cup. Essa competição foi disputada pelos 16 jogadores com os melhores recordes em competições de Grand Slam naquele ano.

Já em dezembro de 1999, a ATP e a ITF concordaram em interromper os dois eventos separados e criar um novo evento de propriedade conjunta, chamado de Tennis Masters Cup.

Surgimento do Tennis Masters Cup

Assim como acontece com o Masters Grand Prix e o ATP Tour World Championships, a Tennis Masters Cup foi disputada por 8 jogadores. Porém, o jogador que estivesse em oitavo lugar no ranking mundial da Corrida ATP Champion não tinha um lugar garantido.

Se um jogador que vencesse um dos quatro Grand Slams do ano terminasse a temporada classificado fora dos oito primeiros, mas ainda entre os 20 primeiros, ele será incluído na Copa Masters Cup em vez do oitavo jogador classificado.

Caso dois jogadores fora do top 8 vencessem os eventos do Grand Slam, o jogador com melhor colocação no ranking mundial ficaria com a última vaga na Tennis Masters Cup.

Em 2009, o Masters foi rebatizado como ATP World Tour Finals.

Você ama outros esportes além do Tênis? Aqui na Esportelândia também falamos sobre:

Como funciona o ATP Finals?

O ATP Finals (até 2008 Tennis Masters Cup e até 2017 ATP World Tour Finals) é disputado anualmente no final da temporada. A competição reúne os 8 jogadores mais bem classificados no ranking mundial de tênis da ATP.

Além do torneio de simples, também é disputada a versão de duplas. Participam as 8 melhores duplas da temporada.

As regras do ATP Finals não são as mesmas dos demais torneios do circuito da ATP. No torneio, em vez de fases eliminatórias, os 8 tenistas são divididos em dois grupos de quatro.

Cada tenista ou dupla joga contra os outros três do seu grupo. Assim, os dois jogadores ou duplas com os melhores resultados de cada grupo avançam para as semifinais.

Em confrontos eliminatórios, os vencedores das semifinais seguem para a final, que determinará o campeão do ATP Finals.

Além de uma premiação milionária, o torneio vale grande pontuação para o ranking da ATP. Saiba, em detalhes, como ela funciona a seguir!

Quantos pontos valem o ATP Finals?

Depois dos Grand Slams, o torneio que mais oferece pontos no ranking mundial masculino é o ATP Finals, que era chamado Tennis Masters Cup até 2008.

Se um tenista for campeão invicto, ele receberá 1.500 pontos no ranking da ATP. Ou seja, menos que um Grand Slam, mas de toda forma mais que qualquer outro torneio do circuito.

Mas essa pontuação é apenas se o título for de forma invicta, já que cada vitória em seu grupo na fase inicial vale 200 pontos. As semifinais valem mais 400 pontos e o triunfo na final outros 500. Lembrando que a primeira fase é disputada em dois grupos de quatro tenistas.

ATP Finals
ATP Finals reúne os 8 melhores tenistas da temporada

Onde é jogado o ATP Finals?

Até 2020, o ATP Finals acontecerá em Londres. Porém, um novo contrato para a realização do torneio já foi assinado e Turim, na Itália, será a sede da competição de tênis a partir de 2021.

Turim será sede do ATP World Finals até pelo menos 2025. O evento será jogado no piso coberto de Pala Alpitour, a maior arena da Itália.

Confira onde o ATP Finals já foi jogado!

Período Nome do Torneio Cidade Local Piso
2009 – 2020 ATP World Tour Finals Londres O2 Arena duro (coberto)
2005–2008 Tennis Masters Cup Xangai Qizhong City Arena duro (coberto (2008–2006)

carpete (2005)

2004–2003 Tennis Masters Cup Houston Westside Tennis Club duro
2002 Tennis Masters Cup Xangai SNIEC duro (coberto)
2001 Tennis Masters Cup Sydney Acer Arena duro (coberto)
2000 Tennis Masters Cup Lisboa Pavilhão Atlântico duro (coberto)
1999–1996 ATP Tour World Championships Hanover Hanover Fairground carpete (1996) e duro (coberto) (1997 a 1999)
1995–1990 ATP Tour World Championships Frankfurt Festhalle Frankfurt carpete
1989–1977 Masters Grand Prix Nova York Madison Square Garden carpete
1976 Masters Grand Prix Houston The Summit carpete
1975 Masters Grand Prix Estocolmo Kungliga tennishallen carpete
1974 Masters Grand Prix Melbourne Kooyong Stadium grama
1973 Masters Grand Prix Boston Boston Garden carpete
1972 Masters Grand Prix Barcelona Palau Blaugrana carpete
1971 Masters Grand Prix Paris Stade Pierre de Coubertin carpete
1970 Masters Grand Prix Tóquio Tokyo Metropolitan Gumnasium carpete

Qual tenista tem mais títulos do ATP Finals?

O maior vencedor da história do ATP Finals é Roger Federer, com 6 conquistas. O suíço foi campeão do torneio em 2003, 2004, 2006, 2007, 2010 e 2011.

Federer tem um título a mais que Novak Djokovic, Ivan Lendl e Pete Sampras, todos com 5 conquistas.

Curiosamente, Rafael Nadal, reconhecido como um dos maiores tenistas de todos os tempos, nunca foi campeão do torneio.

Em toda a história, 24 tenistas já foram campeões do ATP Finals. Em 2019, Stefanos Tsitsipas conquistou o título logo em sua primeira participação. Curiosamente, o grego poderia disputar o Next Gen ATP Finals, mas seguiu para a participação no torneio com os 8 melhores da temporada.

Confira, a seguir, quem são os grandes vencedores do ATP Finals!

Maiores campeões da história do ATP Finals

  • Roger Federer – 6 títulos
  • Novak Djokovic – 5 títulos
  • Ivan Lendl – 5 títulos
  • Pete Sampras – 5 títulos
  • Ilie Năstase – 4 títulos
  • John McEnroe – 3 títulos
  • Boris Becker – 3 títulos
  • Björn Borg – 2 títulos
  • Lleyton Hewitt – 2 títulos
  • Stan Smith – 1 título
  • Guillermo Vilas – 1 título
  • Manuel Orantes – 1 título
  • Jimmy Connors – 1 título
  • Stefan Edberg – 1 título
  • Andre Agassi – 1 título
  • Michael Stich – 1 título
  • Àlex Corretja – 1 título
  • Gustavo Kuerten – 1 título
  • David Nalbandian – 1 título
  • Grigor Dimitrov – 1 título
  • Nikolay Davydenko – 1 título
  • Andy Murray – 1 título
  • Alexander Zverev – 1 título
  • Stefanos Tsitsipas – 1 título

Veja abaixo uma tabela completa com todos os títulos e quando foram conquistados: 

Tenista País Títulos Temporadas
Roger Federer Suíça 6 2003, 2004, 2006, 2007, 2010, 2011
Novak Djokovic Sérvia 5 2008, 2012, 2013, 2014, 2015
Ivan Lendl Tchecoslováquia 5 1981, 1982, 1985, 1986, 1987
Pete Sampras Estados Unidos 5 1991, 1994, 1996, 1997, 1999
Ilie Năstase Romênia 4 1971, 1972, 1973, 1975
John McEnroe Estados Unidos 3 1978, 1983, 1984
Boris Becker Alemanha 3 1988, 1992, 1995
Björn Borg Suécia 2 1979, 1980
Lleyton Hewitt Austrália 2 2001, 2002
Stan Smith Estados Unidos 1 1970
Guillermo Vilas Argentina 1 1974
Manuel Orantes Espanha 1 1976
Jimmy Connors Estados Unidos 1 1977
Stefan Edberg Suécia 1 1989
Andre Agassi Estados Unidos 1 1990
Michael Stich Alemanha 1 1993
Àlex Corretja Espanha 1 1998
Gustavo Kuerten Brasil 1 2000
David Nalbandian Argentina 1 2005
Grigor Dimitrov Bulgária 1 2017
Nikolay Davydenko Rússia 1 2009
Andy Murray Reino Unido 1 2016
Alexander Zverev Alemanha 1 2018
Stefanos Tsitsipas Grécia 1 2019

Finais do ATP Finals que ficaram para a história

Alguns confrontos memoráveis marcaram as finais do ATP Finals. Para os brasileiros, sempre será marcante a vitória de Gustavo Kuerten, o Guga, sobre Andre Agassi em 2000, por triplo 6-4.

Novak Djokovic, por exemplo, já enfrentou Roger Federer em três finais do ATP Finals e foi campeão em todas elas.

Já Rafael Nadal chegou à decisão do torneio em duas oportunidades e perdeu para Federer e Djokovic.

Relembre agora quais foram todas as finais de simples da história do ATP Finals!

Todas as finais de simples do ATP Finals

Ano Campeão Vice-campeão Placar
2019 Stefanos Tsitsipas Dominic Thiem 6-7, 6-2, 7-6
2018 Alexander Zverev Novak Djokovic 6–4, 6–3
2017 Grigor Dimitrov David Goffin 7–5, 4–6, 6–3
2016 Andy Murray Novak Djokovic 6–3, 6–4
2015 Novak Djokovic Roger Federer 6–3, 6–4
2014 Novak Djokovic Roger Federer w.o.
2013 Novak Djokovic Rafael Nadal 6–3, 6–4
2012 Novak Djokovic Roger Federer 7–6, 7–5
2011 Roger Federer Jo-Wilfried Tsonga 6–3, 6–76, 6–3
2010 Roger Federer Rafael Nadal 6–3, 3–6, 6–1
2009 Nikolay Davydenko Juan Martín del Potro 6–3, 6–4
2008 Novak Djokovic Nikolay Davydenko 6–1, 7–5
2007 Roger Federer David Ferrer 6–2, 6–3, 6–2
2006 Roger Federer James Blake 6–0, 6–3, 6–4
2005 David Nalbandian Roger Federer 46–7, 116–7, 6–2, 6–1, 7–63
2004 Roger Federer Lleyton Hewitt 6–3, 6–2
2003 Roger Federer Andre Agassi 6–3, 6–0, 6–4
2002 Lleyton Hewitt Juan Carlos Ferrero 7–5, 7–5, 2–6, 2–6, 6–4
2001 Lleyton Hewitt Sébastien Grosjean 6–3, 6–3, 6–4
2000 Gustavo Kuerten Andre Agassi 6–4, 6–4, 6–4
1999 Pete Sampras Andre Agassi 6–1, 7–5, 6–4
1998 Àlex Corretja Carlos Moyá 3–6, 3–6, 7–5, 6–3, 7–5
1997 Pete Sampras Yevgeny Kafelnikov 6–3, 6–2, 6–2
1996 Pete Sampras Boris Becker 3–6, 7–65, 7–64, 11 6–7, 6–4
1995 Boris Becker Michael Chang 7–63, 6–0, 7–65
1994 Pete Sampras Boris Becker 4–6, 6–3, 7–5, 6–4
1993 Michael Stich Pete Sampras 7–63, 2–6, 7–67, 6–2
1992 Boris Becker Jim Courier 6–4, 6–3, 7–5
1991 Pete Sampras Jim Courier 3–6, 7–65, 6–3, 6–4
1990 Andre Agassi Stefan Edberg 5–7, 7–65, 7–5, 6–2
1989 Stefan Edberg Boris Becker 4–6, 7–66, 6–3, 6–1
1988 Boris Becker Ivan Lendl 5–7, 7–65, 3–6, 6–2, 7–65
1987 Ivan Lendl Mats Wilander 6–2, 6–2, 6–3
1986 Ivan Lendl Boris Becker 6–4, 6–4, 6–4
1985 Ivan Lendl Boris Becker 6–2, 7–64, 6–3
1984 John McEnroe Ivan Lendl 7–5, 6–0, 6–4
1983 John McEnroe Ivan Lendl 6–3, 6–4, 6–4
1982 Ivan Lendl John McEnroe 6–4, 6–4, 6–2
1981 Ivan Lendl Vitas Gerulaitis 56–7, 2–6, 7–66, 6–2, 6–4
1980 Björn Borg Ivan Lendl 6–4, 6–2, 6–2
1979 Björn Borg Vitas Gerulaitis 6–2, 6–2
1978 John McEnroe Arthur Ashe 56–7, 6–3, 7–5
1977 Jimmy Connors Björn Borg 6–4, 1–6, 6–4
1976 Manuel Orantes Wojtek Fibak 5–7, 6–2, 0–6, 7–61, 6–1
1975 Ilie Năstase Björn Borg 6–2, 6–2, 6–1
1974 Guillermo Vilas Ilie Năstase 7–66, 6–2, 3–6, 3–6, 6–4
1973 Ilie Năstase Tom Okker 6–3, 7–5, 4–6, 6–3
1972 Ilie Năstase Stan Smith 6–3, 6–2, 3–6, 2–6, 6–3
1971 Ilie Năstase Stan Smith Round robin
1970 Stan Smith Rod Laver Round robin

Vá além do mundo do Tênis! Confira também nossos outros conteúdos:

Finais de duplas do ATP Finals que ficaram para a história

O ATP Finals não reúne somente os melhores tenistas de simples. Todos os anos, as melhores duplas da temporada também se enfrentam no torneio.

Em toda a história, por duas vezes, a final de duplas do ATP Finals contou com a presença de um brasileiro. E, em ambas, foi Marcelo Melo quem representou o país.

Melo chegou à decisão de 2014, ao lado do croata Ivan Dodgic. A dupla do brasileiro foi derrotada pelos irmãos Bryan.

Uma nova chance de título para Marcelo Melo veio em 2017. Daquela vez, ele jogou com o polonês Lukasz Kobot. Infelizmente, mais uma vez, o brasileiro não alcançou o título, que ficou com a dupla formada pelo finlandês Henri Kontinen e o australiano John Peers.

Quer saber os resultados de todas as finais de duplas da história do ATP Finals? Bata conferir a lista abaixo!

Não se assuste ao não encontrar a dupla campeã de 2002. Não houve disputa do torneio naquele ano, assim como entre 1974 e 1971!

Todas as finais de duplas do ATP Finals

Ano Campeões Vice-campeões Resultado
2019 Pierre Hugues-Herbert

Nicolas Mahut

Michael Venus

Raven Klaasen

6-3, 6-4
2018 Mike Bryan

Jack Sock

Pierre-Hugues Herbert

Nicolas Mahut

5–7, 6–1, [13–11]
2017 Henri Kontinen

John Peers

Łukasz Kubot

Marcelo Melo

6–4, 6–2
2016 Henri Kontinen

John Peers

Raven Klaasen

Rajeev Ram

2–6, 6–1, [10–8]
2015 Jean-Julien Rojer

Horia Tecău

Rohan Bopanna

Florin Mergea

6–4, 6–3
2014 Bob Bryan

Mike Bryan

Ivan Dodig

Marcelo Melo

56–7, 6–2, [10–7]
2013 David Marrero

Fernando Verdasco

Bob Bryan

Mike Bryan

7–5, 36–7, [10–7]
2012 Marcel Granollers

Marc López

Mahesh Bhupathi

Rohan Bopanna

7–5, 3–6, [10–3]
2011 Max Mirnyi

Daniel Nestor

Mariusz Fyrstenberg

Marcin Matkowski

7–5, 6–3
2010 Daniel Nestor

Nenad Zimonjić

Mahesh Bhupathi

Max Mirnyi

7–66, 6–4
2009 Bob Bryan

Mike Bryan

Max Mirnyi

Andy Ram

7–65, 6–3
2008 Daniel Nestor

Nenad Zimonjic

Bob Bryan

Mike Bryan

7–63, 6–2
2007 Mark Knowles

Daniel Nestor

Simon Aspelin

Julian Knowle

6–2, 6–3
2006 Jonas Bjorkman

Max Mirnyi

Mark Knowles

Daniel Nestor

6–2, 6–4
2005 Michael Llodra

Fabrice Santoro

Leander Paes

Nenad Zimonjic

66–7, 6–3, 7–64
2004 Bob Bryan

Mike Bryan

Wayne Black

Kevin Ullyett

4–6, 7–5, 6–4, 6–2
2003 Bob Bryan

Mike Bryan

Michael Llodra

Fabrice Santoro

66–7, 6–3, 3–6, 7–63, 6–4
2001 Ellis Ferreira

Rick Leach

Petr Pala

Pavel Vizner

66–7, 7–62, 6–4, 6–4
2000 Donald Johnson

Piet Norval

Mahesh Bhupathi

Leander Paes

7–68, 6–3, 6–4
1999 Sebastien Lareau

Alex O’Brien

Mahesh Bhupathi

Leander Paes

6–3, 6–2, 6–2
1998 Jacco Eltingh

Paul Haarhuis

Mark Knowles

Daniel Nestor

6–4, 6–2, 7–5
1997 Rick Leach

Jonathan Stark

Mahesh Bhupathi

Leander Paes

6–3, 6–4, 7–63
1996 Todd Woodbridge

Mark Woodforde

Sebastien Lareau

Alex O’Brien

6–4, 5–7, 6–2, 7–63
1995 Grant Connell

Patrick Galbraith

Jacco Eltingh

Paul Haarhuis

7–66, 7–66, 3–6, 7–62
1994 Jan Apell

Jonas Bjorkman

Todd Woodbridge

Mark Woodforde

6–4, 4–6, 4–6, 7–65, 7–66
1993 Jacco Eltingh

Paul Haarhuis

Todd Woodbridge

Mark Woodforde

7–64, 7–65, 6–4
1992 Todd Woodbridge

Mark Woodforde

John Fitzgerald

Anders Järryd

6–2, 7–64, 5–7, 3–6, 6–3
1991 John Fitzgerald

Anders Järryd

Ken Flach

Robert Seguso

6–4, 6–4, 2–6, 6–4
1990 Guy Forget

Jakob Hlasek

Sergio Casal

Emilio Sánchez

6–4, 7–65, 5–7, 6–4
1989 Jim Grabb

Patrick McEnroe

John Fitzgerald

Anders Järryd

7–5, 7–64, 5–7, 6–3
1988 Rick Leach

Jim Pugh

Sergio Casal

Emilio Sánchez

6–4, 6–3, 2–6, 6–0
1987 Miloslav Mecir

Tomas Smid

Ken Flach

Robert Seguso

6–4, 7–5, 56–7, 6–3
1986 Stefan Edberg

Anders Järryd

Guy Forget

Yannick Noah

6–3, 7–6, 6–3
1985 Stefan Edberg

Anders Järryd

Joakim Nystrom

Mats Wilander

6–1, 7–6
1984 Peter Fleming

John McEnroe

Mark Edmondson

Sherwood Stewart

6–3, 6–1
1983 Peter Fleming

John McEnroe

Pavel Slozil

Tomas Smid

6–2, 6–2
1982 Peter Fleming

John McEnroe

Sherwood Stewart

Ferdi Taygan

6–2, 6–2
1981 Peter Fleming

John McEnroe

Kevin Curren

Steve Denton

6–3, 6–3
1980 Peter Fleming

John McEnroe

Peter McNamara

Paul McNamee

6–4, 6–3
1979 Peter Fleming

John McEnroe

Wojtek Fibak

Tom Okker

6–3, 7–6, 6–1
1978 Peter Fleming

John McEnroe

Wojtek Fibak

Tom Okker

6–4, 6–2, 6–4
1977 Bob Hewitt

Frew McMillan

Robert Lutz

Stan Smith

7–5, 7–6, 6–3
1976 Fred McNair

Sherwood Stewart

Brian Gottfried

Raul Ramírez

6–4, 5–7, 5–7, 6–4, 6–4
1975 Juan Gisbert

Manuel Orantes

Round robin
1970 Stan Smith

Arthur Ashe

Round robin

Agora que você já sabe tudo sobre a história do ATP Finals, aproveite para se aprofundar ainda mais no esporte com nossos outros conteúdos:

* Última atualização em 17 de novembro de 2019

Comentários

Salvar
47 Compart.
Compartilhar39
Twittar
Compartilhar
WhatsApp
Pin8