fbpx
Saiba quem são os tenistas que venceram os quatro principais torneios do tênis, Australian Open, Roland Garros, Wimbledon e US Open!

Na história do tênis, um fato é: para marcar o nome entres os maiores tenistas de todos os tempos é preciso ser vencedor em Grand Slams.

Ser campeão em Australian Open, Roland Garros, Wimbledon e US Open é um grande indicativo de quão talentoso é um tenista.

Se vencer o Grand Slam de tênis então, você terá certeza de que sua história jamais será esquecida!

Quer saber quem são os maiores vencedores entre homens e mulheres na história dos Grand Slams? Venha com a gente que te contamos os detalhes!

Infográfico: história e maiores campeões de Grand Slam de tênis

Maiores campeões de Grand Slam do tênis

O que é Grand Slam?

No tênis, o vencedor de um Grand Slam é aquele que é campeão  de um dos quatro principais torneios do circuito mundial: Australian Open, Roland Garros, Wimbledon e US Open.

Esses torneios são mais longos que os demais, valem mais pontos para o ranking mundial e também oferecem as maiores premiações.

Embora tenha sido o último Grand Slam a ser criado, o Australian Open é o primeiro da temporada e acontece em janeiro. Roland Garros é disputado entre maio e junho, enquanto Wimbledon acontece entre junho e Julho. Último do calendário, o US Open é realizado entre agosto e setembro.

Há regras similares entre essas competições, mas características marcantes, como a superfície em que são realizados os confrontos.

Australian Open e US Open são disputados em quadras de pisos duros. Já Roland Garros é o principal torneio do mundo em saibro, enquanto Wimbledon é disputado em quadras de grama.

Você ama outros esportes além do Tênis? Aqui na Esportelândia também falamos sobre:

Local, data e piso dos principais Grand Slams do tênis

TorneioLocal de disputaQuando é realizadoPiso
Australian OpenMelbourneJaneiroDuro
Roland GarrosParisMaio/JunhoSaibro
WimbledonLondresJunho/JulhoGrama
US OpenNova YorkAgosto/SetembroDuro

Como é o formato dos jogos dos Grand Slams?

Usualmente, os tenistas que disputam os Grand Slams são os mais bem colocados no ranking mundial, mas pode haver convites e há ainda aqueles que chegam à chave principal vindo do qualifying — etapas preliminares que classificam tenistas que não têm ranking suficiente para já entrarem na chave principal.

Ao contrário dos demais torneios do circuito mundial de tênis, os quatro Grand Slams têm jogos mais longos na chave masculina de simples. Nessas competições, as partidas são disputadas em melhores de cinco sets. Ou seja, o vencedor será aquele que ganhar 3 sets.

Na disputa do torneio feminino, assim como em duplas, são jogos de 3 sets, e os vencedores serão aqueles que ganharem 2 sets.

Mudanças nas regras de tie-break no último set

Uma das diferenças das regras de tênis aplicadas nos Grand Slams em relação aos demais torneios envolve o tie-break no quinto set. Atualmente, os quatro torneios têm regulamentos diferentes.

Em Roland Garros, ainda não há a previsão de tie-break no quinto set. Assim, o vencedor somente é definido quando algum tenista abre dois games de vantagem. Já os outros três Grand Slams têm regras que evitam que os jogos se tornem longas batalhas.

Enquanto o US Open já aplicava o tie-break no último set, Wimbledon e Australian Open mudaram essas regras para as edições de 2019, depois de verem tenistas extenuados após longos confrontos em quadra.

Jogos mais longos da história do tênis

Na edição do torneio de Wimbledon em 2010, o americano John Isner venceu o jogo mais longo da história do tênis.

Como Wimbledon não previa tie-break no quinto set, Isner precisou de 8 horas e 11 minutos para chegar à vantagem de dois games sobre o francês Nicolas Mahut, e encerrar o set com vitória de 70 a 68. O placar final do confronto foi 3 sets a 2, com parciais de 6-4, 3-6, 6-7 (7), 7-6 (3) e 70-68. A partida durou 11 horas e 5 minutos.

Em outubro de 2018, Wimbledon anunciou uma mudança em suas regras e, a partir de 2019, haverá a introdução do tie-break no quinto set. A disputa do game de desempate acontecerá se os jogadores chegarem ao empate por 12 a 12.

Na final de 2019, Roger Federer e Novak Djokovic inauguraram a nova regra de Wimbledon. O sérvio foi campeão com vitória por 3 a 2 e triunfo por 13 a 12 no tie-break do quinto set.

A regra de Wimbledon difere da aplicada no Australian Open. A partir da edição de 2019 do Grand Slam australiano, foi adotado um super tie-break no set decisivo (quinto para os homens e terceiro para as mulheres).

Assim, caso a última parcial de um jogo do Australian Open esteja empatada em games por 6 a 6, os tenistas disputam um tie-break de 10 pontos.

Regras de tie-break no último set dos Grand Slams

  • Australian Open: tie-break de 10 pontos após empate por 6 a 6
  • Roland Garros: não há tie-break no último set, e o jogo só termina quando há dois games de vantagem
  • Wimbledon: há tie-break quando o último set estiver empatado por 12 a 12
  • US Open: há tie-break no último set da mesma forma que nos sets anteriores

Quantos pontos no ranking ATP vale um Grand Slam?

Principais torneios do circuito mundial, os Grand Slams distribuem as maiores pontuações para os rankings da ATP (masculino) e WTA (feminino). Os campeões de Australian Open, Roland Garros, Wimbledon e US Open recebem 2 mil pontos. Já o vice-campeonato vale 1.200 pontos. Quem for eliminado na semifinal fica com 720 pontos.

Dessa forma, os Grand Slams valem o dobro dos torneios Masters 1000, os segundos mais importantes do circuito, que oferecem 1.000 pontos aos campeões.

Quais são as premiações dos Grand Slams de tênis?

Além de somar muitos pontos no ranking e conquistar prestígio no mundo do esporte, quem vence um Grand Slam de tênis embolsa uma bela quantia em prêmios.

A cada ano, os quatro principais torneios do circuito mundial anunciam aumento em premiações. Campeões dos torneios de simples masculino e feminino recebem mais que os vencedores de duplas.

Nas disputas mais recentes, os valores pagos em prêmios para os campeões dos torneios de simples foram:

  • Australian Open: 4,1 milhões de dólares australianos
  • Roland Garros: 2,2 milhões de euros
  • Wimbledon: 2,35 milhões de libras
  • US Open: 3,8 milhões de dólares

O que é o Grand Slam de tênis?

Os tenistas que vencem os quatro principais torneios do circuito mundial são considerados os campeões do Grand Slam de tênis. Entre homens e mulheres, são poucos os que conseguiram esse feito em uma mesma temporada.

Há tenistas que venceram os quatro Grand Slams consecutivos, mas iniciando a série de títulos em um ano e concluindo na temporada seguinte.

Já uma série de outros tenistas conseguiram vencer os quatro principais torneios de tênis, mas completaram o Grand Slam em diferentes anos. Esse feito é conhecido como “Career Grand Slam” (Grand Slam na carreira).

Há ainda no tênis um dos mais importantes feitos a serem alcançados por um tenista chamado de “Golden Grand Slam”. Para atingi-lo, o tenista precisa vencer Australian Open, Roland Garros, Wimbledon e Australian Open, além de ser campeão olímpico. Em toda a história, apenas a alemã Steffi Graf foi capaz de alcançar todas essas conquistas em um mesmo ano.

A seguir, você confere todos os grandes campeões de Grand Slam de tênis.

Tenistas que conquistaram o Grand Slam de tênis

Em toda a história do tênis, apenas cinco atletas conquistaram todos os quatro principais torneios em uma mesma temporada. Popularmente, esse feito é conhecido como o “verdadeiro Grand Slam”.

Os tenistas que venceram todos os Grand Slams em uma mesma temporada em torneios de simples são:

  • Donald Budge (1938)
  • Maureen Connolly (1953)
  • Rod Laver (1962 e 1969)
  • Margaret Court (1970)
  • Steffi Graf (1988)

Em duplas, essa relação conta com:

  • Frank Sedgman e Ken McGregor (1951)
  • Margaret Smith e Ken Fletcher (1963)
  • Martina Navratilova e Pam Shriver (1984)

Já três tenistas venceram todos os torneios de duplas dos Grand Slam em um mesmo ano, mas trocando de parceiros. Entre os que conquistaram esse feito está a brasileira Maria Esther Bueno. Esta lista é formada por:

  • Maria Esther Bueno (1960)
  • Owen Davidson (1967)
  • Martina Hingis (1998)

Vá além do mundo do Tênis! Confira também nossos outros conteúdos:

Tenistas que conquistaram os quatros torneios de Grand Slam consecutivos

Além dos tenistas que venceram todos os quatro principais torneios em uma mesma temporada, há aqueles que conquistaram Australian Open, Roland Garros, Wimbledon e US Open de forma consecutiva, mas iniciando em um ano e terminando a sequência na temporada seguinte.

Vale lembrar que o Australian Open passou a ser disputado em janeiro, efetivamente, a partir de 1987.

A lista de tenistas que alcançaram esse feito tem:

  • Martina Navratilova (1983-84)
  • Steffi Graf (1993-94)
  • Serena Williams (2002-2003) (2014-2015)
  • Novak Djokovic (2015-2016)

Martina Navratilova conquistou seis torneios de Grand Slam consecutivos. Já Steffi Graf tem ainda um “verdadeiro Grand Slam”, com todos os títulos no mesmo ano.

Lista de todos os tenistas que conquistaram o Career Grand Slam

Diversos tenistas conquistaram o Career Grand Slam. Ou seja, venceram Australian Open, Roland Garros, Wimbledon e US Open em diferentes anos.

  • Fred Perry
  • Don Budge
  • Rod Laver
  • Roy Emerson
  • Andre Agassi
  • Roger Federer
  • Rafael Nadal
  • Novak Djokovic

Abaixo uma tabela completa com os anos em que os títulos foram conquistados:

TenistaAustralian OpenRoland GarrosWimbledonUS Open
Fred Perry1934193519341933
Don Budge1938193819371937
Rod Laver1960196219611962
Roy Emerson1961196319641961
Andre Agassi1995199919921994
Roger Federer2004200920032004
Rafael Nadal2009200520082010
Novak Djokovic2008201620112011

Lista de todos as tenistas que conquistaram o Career Grand Slam

  • Maureen Connolly
  • Doris Hart
  • Shirley Fry Irvin
  • Margaret Court
  • Billie Jean King
  • Chris Evert
  • Martina Navratilova
  • Steffi Graf
  • Serena Williams
  • Maria Sharapova

Abaixo uma tabela completa com os anos em que os títulos foram conquistados:

TenistaAustralian OpenRoland GarrosWimbledonUS Open
Maureen Connolly1953195319521951
Doris Hart1949195019511954
Shirley Fry Irvin1957195119561956
Margaret Court1960196219631962
Billie Jean King1968197219661967
Chris Evert1982197419741975
Martina Navratilova1981198219781983
Steffi Graf1988198719881988
Serena Williams2003200220021999
Maria Sharapova2008201220042006

Tenistas vencedores do Golden Grand Slam

  • Steffi Graf (1988)
  • Andre Agassi (1992, 1994, 1995, 1996 e 1999)
  • Rafael Nadal (2005, 2008, 2009 e 2010)
  • Serena Williams (1999, 2002, 2003 e 2012)

Para conquistar o Golden Grand Slam, um tenista precisa vencer todos os quatro principais torneios do tênis mundial e ser campeão olímpico.

Vale lembrar que a história do tênis nas Olimpíadas foi interrompida entre 1924 e 1988.

Apenas Steffi Graf conquistou o Golden Grand Slam em um mesmo ano, em 1988. Os demais venceram os quatro torneios pela primeira vez e alcançaram a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos em diferentes anos.

Além de ter conquistado o Golden Grand Slam em simples, Serena Williams atingiu esse feito em duplas, jogando com sua irmã:

  • Venus Williams e Serena Williams (1999, 2000 e 2001)

Tenistas vencedores do Boxed Set

Se vencer o Golden Grand Slam é um grande feito, outra incrível conquista no tênis é vencer todos os quatro Grand Slams em simples, duplas e duplas mistas.

Somente três tenistas, todas mulheres, venceram Australian Open, Roland Garros, Wimbledon e US Open nesses três formatos:

  • Doris Hart
  • Margaret Court
  • Martina Navratilova

Tenistas vencedores do Década Slam

Para vencer o Década Slam, um tenista precisa ser campeão de ao menos um torneio de Grand Slam por temporada durante 10 anos.

  • Margaret Osborne duPont, em duplas (1941 a 1950)
  • Chris Evert, em simples (1974 a 1983)
  • Martina Navratilova, em duplas (1975 a 1984)
  • Steffi Graf, em simples (1987 a 1996)
  • Rafael Nadal, em simples (2005 a 2014)
  • Bob Bryan e Mike Bryan, em duplas (2005 a 2014)

Lista dos maiores vencedores de Grand Slam masculino

  • Roger Federer – 20 títulos
  • Rafael Nadal – 18 títulos
  • Novak Djokovic – 16 títulos
  • Pete Sampras – 14 títulos
  • Roy Emerson – 12 títulos
  • Bjorn Borg – 11 títulos
  • Rod Laver – 11 títulos
  • Bill Tilden – 10 títulos

Lista das maiores vencedoras de Grand Slam feminino

  • Margaret Court – 24 títulos
  • Serena Williams – 23 títulos
  • Steffi Graf – 22 títulos
  • Helen Wills Moody – 19 títulos
  • Martina Navratilova – 18 títulos
  • Chris Evert – 18 títulos
  • Billie Jean King – 12 títulos
  • Monica Seles – 9 títulos
  • Maureen Connolly – 9 títulos

Lista dos maiores campeões de Grand Slam (masculino e feminino)

  • Margaret Court – 24 títulos
  • Serena Williams – 23 títulos
  • Steffi Graf – 22 títulos
  • Roger Federer – 20 títulos
  • Helen Wills Moody – 19 títulos
  • Rafael Nadal – 18 títulos
  • Martina Navratilova – 18 títulos
  • Chris Evert – 18 títulos
  • Novak Djokovic – 16 títulos
  • Pete Sampras – 14 títulos
  • Roy Emerson – 12 títulos
  • Billie Jean King – 12 títulos
  • Bjorn Borg – 11 títulos
  • Rod Laver – 11 títulos
  • Bill Tilden – 10 títulos

A cada nova disputa de Grand Slam de tênis, mais nomes serão marcados na história do esporte.

Atualmente, Roger Federer, Novak Djokovic e Rafael Nadal brigam pelo posto de tenista com mais títulos de Grand Slam na história do tênis. Já Serena Williams tenta superar Margaret Court e ser a maior vencedora de todos os tempos. Na sua opinião, qual é o maior tenista da história

Agora que você já sabe tudo sobre a história dos Grand Slams de tênis, aproveite para se aprofundar ainda mais no esporte com nossos outros conteúdos:

* Última atualização em 12/08/2019

Ficha Técnica
Título
Grand Slam do tênis: o que é e os maiores vencedores da história
Resumo
No tênis, o vencedor de um Grand Slam é aquele que é campeão  de um dos quatro principais torneios do circuito mundial: Australian Open, Roland Garros, Wimbledon e US Open. Esses torneios são mais longos que os demais, valem mais pontos para o ranking mundial e também oferecem as maiores premiações.
Autor

Comentários

Salvar