Saiba tudo sobre a origem do atletismo, a chegada ao Brasil, as provas disputadas nas principais competições e os recordes mundiais 

Quem é a pessoa mais rápida do mundo? E a mais forte? Qual atleta é capaz de saltar mais alto? Todas as respostas para essas perguntas estão em um esporte: o atletismo.

Considerado a prática esportiva mais antiga do mundo, o atletismo abriu as portas para a criação das Olimpíadas e motivou o crescimento de outras modalidades.

Ao redor de todo o planeta, muitos atletas de elite sonham com o momento em que vão se consagrar nas principais competições de atletismo e terem seus nomes marcados na história.

Independentemente de você ser atleta ou simplesmente fã de esporte, aqui é o lugar certo para você saber tudo sobre atletismo.

Venha com a gente e conheça a história do esporte, as modalidades, regras, principais competições e os recordes mundiais de atletismo!

História do Atletismo

O atletismo é a prática esportiva mais antiga humanidade e reúne três modalidades: corridas, saltos e lançamentos. Por contar com as habilidades atléticas básicas, é chamado de esporte-base. 

A história do atletismo começou na Grécia Antiga. 

Em 776 a.C. foi disputada a primeira Olimpíada da história. A prova consistia em uma corrida de aproximadamente 192 metros, que recebeu o nome de “stadium”. Coroebus foi o vencedor e se sagrou como o primeiro campeão olímpico da história. 

Com a invasão romana na Grécia, a prática do atletismo perdeu força até que, no ano 394 d.C., o imperador Teodósio aboliu os Jogos Olímpicos.

A volta do atletismo como um esporte moderno aconteceu na Inglaterra, no século 19. A partir da prática pelos ingleses, diversas outras nações aderiram ao esporte.

Em 1896, foi disputada a primeira edição da Olimpíada da Era Moderna, o que fortaleceu definitivamente o atletismo como uma das práticas esportivas mais difundidas em todo o mundo.

Responsável por gerir e organizar o esporte, a Federação Internacional de Atletismo (IAAF) foi fundada em 1912, em Londres. O surgimento da entidade colaborou para consolidar regras e aprimorar a organização de competições.

Como o atletismo chegou ao Brasil

Adhemar Ferreira da Silva campeão olímpico
Adhemar Ferreira da Silva foi o primeiro brasileiro a se sagrar campeão olímpico no atletismo

Em 1914, dois anos depois da fundação da IAAF, a Confederação Brasileira de Desportos (CBD) filiou-se à entidade. 

Em 1924, o Brasil participou pela primeira vez dos Jogos Olímpicos, com o envio de uma equipe para a disputa da primeira edição em Paris, na França. 

No ano seguinte, em 1925, foi instituído o Campeonato Brasileiro.

Os primeiros resultados de expressão mundial de atletas brasileiros foram alcançados por Adhemar Ferreira da Silva, na Olimpíada de Helsinque, em 1952.

Adhemar conquistou a medalha de ouro no salto triplo, em 23 de julho, três dias depois de José Telles da Conceição ganhar a de bronze no salto em altura. Aquelas foram as primeiras medalhas do Brasil no atletismo em Olimpíadas.

Atualmente, no Brasil, o atletismo é gerido pela Confederação Brasileira de Atletismo (CBAT), fundada em 1977.

A partir das três modalidades básicas do atletismo (corrida, salto e lançamento), foram desenvolvidas diversas formas de competição. Saiba mais sobre elas logo abaixo!

Modalidades do atletismo e regras

As competições do atletismo atualmente envolvem: 

  • arremessos e lançamentos; 
  • corridas rasas, com barreiras ou obstáculos;
  • marcha atlética;
  • provas combinadas;
  • revezamentos;
  • saltos.  

Entenda, a seguir, quais as modalidades praticadas em cada um desses “tipos de atletismo” e confira também as regras de todas as provas.

Arremessos e lançamentos

Darlan Romani no arremesso de peso
Brasileiro Darlan Romani é um dos principais atletas do arremesso de peso do mundo atualmente

Os arremessos e lançamentos no atletismo se dividem entre: dardo, disco, peso e martelo.

As competições são disputadas na parte interior do campo do estádio, por atletas de qualquer sexo, com variação de peso dos objetos usados. Quem registrar a maior distância de arremesso ou lançamento será o vencedor.

  • Arremesso de peso: a bola masculina pesa 7,26 kg, enquanto a feminina tem peso de 4 kg. 
  • Lançamento de disco: feito de metal, o disco pesa 2 kg nas competições entre homens e tem tamanho variável entre 21,9 e 22,1 centímetros. Na disputa feminina, o peso do disco é de 1 kg e o tamanho varia entre 180 e 182 mm. A área de lançamento tem diâmetro de 2,50 m.
  • Lançamento de dardo: nas disputas masculinas, o tamanho do dardo é de 2,60 m e o peso é de 800 g. Nas competições femininas, o dardo mede tamanho de 2,20 m, com peso de 600 g. O lançamento do objeto é feito entre duas linhas de 90 m de distância.
  • Lançamento de martelo: o martelo do atletismo é composto por por uma bola de ferro presa a uma alça com arame metálico. Esse objeto pesa 7,26 kg e tem comprimento de 120 cm na disputa masculina. Na competição feminina, pesa 4 kg.

Corridas

Usain Bolt recordista de 100 e 200 metros rasos no atletismo
O jamaicano Usain Bolt fez história no atletismo como recordista mundial dos 100 e dos 200 metros rasos

As corridas do atletismo são divididas entre rasas, com barreiras ou obstáculos. Há variações de percursos e, principalmente, de distâncias. A prova mais longa e tradicional é a maratona.

  • Corridas de curta distância: são as provas que definem os atletas mais rápidos. Praticadas em pistas ovais, podem ter 100, 200 ou 400 metros. Nessas disputas, os corredores são separados por raias de 1,22m de largura.
  • Corridas de meio fundo: são disputadas entre 800 e 1.500 metros. Os competidores não são obrigados a permanecer em suas raias, sendo permitido passar pelo espaço de outro competidor.
  • Corridas de fundo: são as corridas de longa distância, com percurso entre 5 mil e 10 mil metros.
  • Corrida com barreiras e obstáculos: podem ter distâncias de 100, 110, 400 ou 3 mil metros. Seu principal diferencial é a disposição de barreiras que devem ser saltadas pelos atletas.
  • Maratona: a mais tradicional prova do atletismo tem 42 quilômetros e 195 metros de distância e é praticada em ruas ou estradas.

Marcha atlética

Marcha Atlética
Marcha Atlética impõe grande desgaste físico aos atletas que não podem tirar os pés totalmente do chão

À primeira vista, a marcha atlética pode ser identificada como um tipo de corrida. Contudo, as regras determinam que os atletas não podem tirar os dois pés do chão ao mesmo tempo. Ou seja, o atleta tem de estar sempre em contato com o solo.

Além disso, o joelho da perna que dá a passada não pode ser flexionado até que seja realizado o movimento completo.

Caso um competidor deixe de tocar o solo em algum momento, ele será advertido. O acúmulo de três advertências resulta em eliminação.

Na marcha atlética, os homens competem em percursos de 20 e 50km. Já as mulheres têm somente a disputa de 20km.

Provas combinadas

Decatlo
Corridas com barreiras fazem parte das provas tanto do heptatlo quanto do decatlo

As provas combinadas do atletismo são aquelas que envolvem diferentes modalidades e testam o quão completo um atleta é. 

Há dois formatos de competição, um exclusivo para mulheres e outro praticado apenas pelos homens.

A modalidade feminina recebe o nome de heptatlo e engloba 7 modalidades: 

  • 100m com barreiras; 
  • salto em altura; 
  • arremesso de peso; 
  • 200m rasos; 
  • salto em distância; 
  • lançamento de dardo;
  • 800m rasos.

Já a prova masculina é o decatlo, com 10 modalidades:

  • 100m rasos; 
  • salto em distância; 
  • arremesso de peso; 
  • salto em altura; 
  • 400m rasos; 
  • 110m com barreiras; 
  • arremesso de disco; 
  • salto com vara; 
  • lançamento de dardo;
  • 1.500m rasos.

As provas de heptatlo e decatlo são disputadas ao longo de dois dias. Em cada prova, os competidores recebem pontuações de acordo com os resultados alcançados. Ao fim de todas as disputas, aqueles que somarem as maiores pontuações são os vencedores.

Revezamentos do atletismo

Revezamento 4x100 atletismo
Passagem do bastão é um dos momentos mais importantes do revezamento no atletismo

Os revezamentos do atletismo são as provas disputadas por equipes, formadas por quatro atletas. Há competições tanto masculinas quanto femininas, além dos revezamentos mistos, em que as equipe são compostas por dois atletas de cada sexo.

Os Jogos de Tóquio, em 2020, são a primeira edição das Olimpíadas em que há a disputa do revezamento misto 4 x 400 metros no atletismo.

Entre os tipos de revezamento, além do 4 x 400 metros, há o 4 x 100 metros. Nessas provas, cada atleta percorre um quarto da distância total (100 ou 400 metros) e deve fazer a passagem de um bastão para o próximo companheiro de equipe. 

Caso a passagem de bastão seja feita fora da área delimitada, a equipe será eliminada. Já se houver a queda do bastão, o atleta deve retornar para pegá-lo.

Saltos no atletismo

salto em altura
Atletas devem superar o sarrafo tanto no salto em altura quanto no salto com vara

Os saltos no atletismo são divididos entre os horizontais e os verticais. Nos dois formatos, há disputas masculinas e femininas.

Os saltos horizontais são o salto triplo e o salto em distância.

Já os saltos verticais são o salto em altura e o salto com vara.

  • Salto triplo: são realizados dois saltos antes do último salto em que o atleta cai dentro de uma caixa de areia. Cada competidor pode saltar três vezes durante as eliminatórias. Os 12 melhores são classificados para a final. Quem fizer o salto mais distante na decisão será o vencedor.
  • Salto em distância: após uma corrida até uma marca sinalizada no chão, os atletas saltam em direção a uma caixa de areia. A marca deixada na areia é usada para medir a distância. O atleta com melhor salto é o vencedor.
  • Salto em altura: o objetivo é ultrapassar um sarrafo sem derrubá-lo. A cada rodada, é determinada uma altura inicial. À medida em que os atletas ultrapassam a marca inicial, há o aumento de 3 centímetros para a próxima rodada. Para cada altura, os atletas têm três chances. Quem atingir a maior altura sem derrubar o sarrafo é o vencedor.
  • Salto com vara: os atletas utilizam uma vara flexível, entre 4 e 5 metros, para tentar superar um sarrafo e, em sequência, caírem sobre um colchão. A partir da rodada inicial, há o aumento de 5 centímetros na altura do sarrafo. O atleta tem três tentativas para cada altura, sendo a melhor delas considerada como seu resultado final.

Vá além do mundo do Atletismo! Confira também:

Recordes mundiais do atletismo

Eliud Kipchoge é recordista mundial da maratona
Eliud Kipchoge foi o primeiro homem a correr uma maratona em menos de 2 horas
  • 100 metros rasos masculino: Usain Bolt (Jamaica) com 9,58 segundos
  • 100 metros rasos feminino: Florence Griffith Joyner (EUA) com 10,49 segundos.
  • 200 metros rasos masculino: Usain Bolt (Jamaica) com 19,19 segundos
  • 200 metros rasos feminino: Florence Griffith Joyner (EUA) com 21,34 segundos
  • 400 metros rasos masculino: Wayde van Nierkek (África do Sul), com 43s03
  • 400 metros rasos feminino: Marita Koch (Alemanha Oriental), com 47s60
  • 800 metros rasos masculino: David Rudisha (Quênia), com 1min40s91
  • 800 metros rasos feminino: Jarmila Kratochvilova (Tchecoslováquia), com 1min53s28
  • 1.500 metros rasos masculino: Hicham El Guerrouj (Marrocos), com 3min26s00
  • 1.500 metros rasos feminino: Genzebe Dibaba (Etiópia), com 3min50s07
  • 5 mil metros rasos masculino: Kenenisa Bekele (Etiópia), com 12min37s35
  • 5 mil metros rasos feminino: Tirunesh Dibaba (Etiópia), com 14min11s15
  • 10 mil metros rasos masculino: Kenenisa Bekele (Etiópia), com 26min17s53
  • 10 mil metros rasos feminino: Almaz Ayana (Etiópia), com 29min17s45
  • 4×100 masculino: Jamaica, com 36s84
  • 4×100 feminino: Estados Unidos, com 40s82
  • 4×400 masculino: Estados Unidos, com 2min54s29
  • 4×400 feminino: União Soviética, com 3min15s17s
  • 4×400 misto: Estados Unidos, com 3min09s34
  • Maratona masculina: Eliud Kipchoge (Quênia) com 1hora, 59 minutos e 40 segundos
  • Maratona feminina: Brigid Kosgei (Quênia), com 2 horas 14 minutos e 4 segundos
  • Salto em altura masculino: Javier Sotomayor (Cuba), com 2,45m
  • Salto em altura feminino: Stefka Kostadinova (Bulgária), com 2,09m
  • Salto em distância masculino: Mike Powell (Estados Unidos), com 8,95m
  • Salto em distância feminino: Galina Chistyakova (União Soviética), com 7,52m
  • Salto com vara masculino: Renaud Lavillenie (França), com 6,16m
  • Salto com vara feminino: Yelena Isinbayeva (Rússia), com 5,06m
  • Salto triplo masculino: Jonathan Edwards (Reino Unido), com 18,29m
  • Salto triplo feminino: Inessa Kravets (Ucrânia), com 15,50m
  • Arremesso de peso masculino: Randy Barnes (Estados Unidos), com 23,12m
  • Arremesso de peso feminino: Natalya Lisovskaya (União Soviética), com 22,63m
  • Lançamento de disco masculino: Jürgen Schult (Alemanha Oriental), com 74,08m
  • Lançamento de disco feminino: Gabriele Reinsch (Alemanha Oriental), com 76,80m
  • Lançamento de dardo masculino: Jan Zelezny (França), com 98,48m
  • Lançamento de dardo feminino: Barbora Spotakova (Rússia), com 72,28m
  • Lançamento de martelo masculino: Yuriy Sedykh (União Soviética), com 86,74m
  • Lançamento de martelo feminino: Anita Wlodarczyk (Polônia), com 82,29m
  • Decatlo: Kevin Mayer (França), com 9,126 pontos
  • Heptatlo: Jackie Joyner-Kersee (Estados Unidos), com 7.291 pontos

Principais competições do Atletismo

Mundial de atletismo paralímpico
Mundial de atletismo paralímpico está entre as principais competições do esporte

Entre todas as disputas ao redor do mundo, duas competições movimentam o calendário do atletismo e despertam a sede dos atletas por medalhas. É claro que estamos falando das Olimpíadas e do Campeonato Mundial de Atletismo.

Os Jogos Olímpicos ocorrem a cada quatro anos e tem o atletismo como um dos esporte de maior audiência. Neste século, as provas realizadas pelo jamaicano Usain Bolt foram o principal foco de atenção ao redor do mundo.

Já o Campeonato Mundial de Atletismo é disputado a cada dois anos, sempre nos anos posteriores e anteriores às Olimpíadas. Ele acontece desde 1983, quando foi disputado em Helsinque, na Finlândia, e reúne os principais nomes do atletismo mundial.

Além das duas competições citadas, é válido destacar os Jogos Paralímpicos e o Mundial de Atletismo Paralímpico. As duas disputas reúnem os grandes atletas paralímpicos de atletismo de todo o mundo.

Para os fãs de atletismo, resta aguardar pelas próximas edições dessas competições para saber quais serão as novas estrelas do atletismo mundial.

Agora que você já sabe tudo sobre atletismo, aproveite para conferir mais sobre a história, as regras e todos os detalhes de outros esportes:

*Última atualização em 14 de janeiro de 2020

Comentários

Salvar
52 Compart.
Compartilhar2
Twittar
Compartilhar
WhatsApp
Pin50