Wayne Gretzky, Bobby Orr e mais craques do gelo: conheça os 10 maiores jogadores da NHL em todos os tempos e o melhor da história

Para os maiores jogadores da NHL, o gelo não era rinque, era habitat. O taco também não era equipamento mas um membro de seus próprios corpos. O disco, então, o instrumento com o qual mudaram a história do jogo.

Os grandes craques do hóquei norte-americano deixaram no gelo mais do que gols (e muito suor). Deixaram também um impacto na prática do esporte e um legado na liga que, claro, os lembrará eternamente. Assim como nós.

É justamente a partir da memória — e de preciosas fontes de análises históricas — que montamos a lista abaixo, com os 10 maiores jogadores da NHL em todos os tempos. Posições, títulos, prêmios, enfim, reunimos tudo o que você precisa saber sobre quem você deveria conhecer.

Quem é o maior jogador da história da NHL?

É praticamente uma unanimidade o posto de maior jogador da história da NHL ser de Wayne Gretzky.

O central, ídolo do Edmonton Oilers e New York Rangers, é o líder do ranking histórico da Liga em gols, pontos e assistências e impactou profundamente a prática profissional do hóquei no gelo.

Entre inúmeros recordes e feitos, chama a atenção a aposentadoria geral do número 99 que usava na camisa, que não é usada por nenhum time da NHL.

Maiores jogadores de hóquei de todos os tempos

  1. Wayne Gretzky
  2. Bobby Orr
  3. Gordie Howe
  4. Mario Lemieux
  5. Maurice Richards
  6. Jean Beliveau
  7. Sidney Crosby
  8. Jaromír Jágr
  9. Terry Sawchuk
  10. Mark Messier

Mark Messier (10º)

Mark Messier é um dos maiores jogadores da NHL em todos os tempos
(Getty)
  • Posição: Central
  • Temporadas: 26 (1979-2004)
  • Times:  Edmonton Oilers (1979-1991), New York Rangers (1991-1997, 2000-2004), Vancouver Canucks (1997-2000)
  • Prêmios: 15x All-Star (1982-1984, 1986, 1988-1992, 1994, 1996-1998, 2000, 2004). Conn Smythe (1984), Hart Trophy (1990, 1992)

Abrimos a lista dos maiores jogadores da NHL com um jogador que, inevitavelmente, teve sua contribuição ao hóquei um pouco sublinhada por Wayne Gretzky. E quem não teria, não é mesmo?

Ainda assim, seus feitos são indiscutíveis, como os seis títulos da Stanley Cup e principalmente o fato de ser o único jogador da história da Liga a capitanear dois times campeões da SC.

Sua capacidade de liderança — que motivou a criação de um prêmio do quesito com o seu nome da NHL — só era comparável à sua consistência no rinque, seja atlética, seja performática. Mark, afinal, fica em segundo no ranking da Liga em pontos em playoffs (295) e o terceiro em pontos na temporada regular (1887).

Terry Sawchuk (9º)

Terry Sawchuck é certamente um dos maiores jogadores da NHL na história

  • Posição: Goleiro
  • Temporadas: 22 (1949-1970)
  • Times:  Detroit Red Wings (1949-1955, 1957-1964, 1968-1969), Boston Bruins (1955-1957), Toronto Maple Leafs (1964-1967), Los Angeles Kings (1967-1968), New York Rangers (1969-1970)
  • Prêmios: 11x All-Star (1950-1956, 1959, 1963, 1964,1968), Calder Memorial Trophy (1951), Lester Patrick Trophy (1971), Vezina Trophy (1952, 1953, 1955, 1965)

Terry Sawchuk não é somente um dos maiores jogadores da NHL, é o melhor goleiro da história do hóquei no gelo.

Atuando numa época prévia aos equipamentos de proteção do rosto, Sawchuk atuou com coragem e personalidade e acabou metendo mais medo sem máscara ela do que o Jason de Sexta-Feira 13 com ela. Pelo menos aos atacantes da Liga.

Mais do que a bravura, o goleiro se destacava pela habilidade de fato, colecionando prêmios desde seu ano de calouro e principalmente títulos da Stanley Cup — quatro deles, para ser mais exato.

Terry marcou toda a NHL, mas o Detroit Red Wings em especial, por quem venceu três títulos e teve a camisa número 1 aposentada.

Jaromír Jágr (8º)

Jaromír Jágr tem um nome difícil, mas é um dos maiores jogadores da história da NHL
(Profimedia/SIPA USA)
  • Posição: Right Wing
  • Temporadas: 1988-
  • Times:   Pittsburgh Penguins (1990–2001),Washington Capitals (2001–2004), New York Rangers (2004–2008), Avangard Omsk-RUS (2008–2011), Philadelphia Flyers (2011), Dallas Stars (2012) Boston Bruins (2013), New Jersey Devils (2013–2015), Florida Panthers (2015–2017), Calgary Flames (2017–2018), HC Kladno-CZ (2018–)
  • Prêmios: 13x All-Star (1992-1994, 1996-2004, 2016), Hart Memorial (1999), ESPY Award (2006)

Um dos maiores jogadores da NHL é também um dos mais longevos. E segue sendo, ainda que de longe. Praticamente um cinquentão, Jaromír Jágr segue patinando e fazendo sucesso, agora na República Tcheca, sua terra natal.

O tcheco desembarcou na Liga em 1990 e foi sair dela somente em 2018. Na bagagem, mais de uma dúzia de participações no All-Star, o prêmio de MVP da temporada de 1999 e principalmente os dois títulos da Stanley Cup, conquistados logo no começo da carreira pelo Pittsburgh Penguins.

De volta ao hóquei europeu, joga sem prazo para pendurar os patins, com a moral de quem venceu o prêmio de melhor jogador tcheco por 12 anos e principalmente com a paixão de quem esteve no rinque em cinco décadas diferentes.

Sidney Crosby (7º)

Sidney Crosby é um dos mais novos a entrar na lista dos maiores jogadores da NHL em todos os tempos

  • Posição: Central
  • Temporadas: 2005-
  • Times:  Pittsburgh Penguins (2005-)
  • Prêmios: 8x All-Star (2007-2009, 2011, 2015, 2017-2019), Hart Memorial Trophy (2007, 2014), Maurice “Rocket” Richard Trophy (2010, 2017), Conn Smythe Trophy (2016, 2017), Mark Messier Leadership Award (2007, 2010)

Sidney Crosby indicava desde que era universitário que seria um dos maiores jogadores da NHL.

Primeira escolha geral do Draft de 2005, feita pelo Pittsburgh Penguins, o central demorou bem pouco tempo para se posicionar entre as referências técnicas da liga. Com dois anos como profissional já era All-Star; com três, já era campeão da sua primeira Stanley Cup e com cinco já tinha sua primeira medalha olímpica.

Hoje, passados 10 anos de sua carreira, Crosby se tornou um jogador dominante aos moldes de LeBron James, Cristiano Ronaldo e Tom Brady, capaz de pontuar, decidir e liderar — e ainda com lenha para queimar.

Jean Beliveau (6º)

Jean Beliveau, um dos maiores jogadores da NHL em todos os tempos

  • Posição: Central
  • Temporadas: 22 (1950-1971)
  • Times:  Montreal Canadiens (1950-1971)
  • Prêmios: 13x All-Star (1953-1966), Conn Smythe Trophy (1965 )
    NHL Lifetime Achievement Award (2009), Hart Memorial Trophy (1956, 1964), Art Ross Trophy (1956)

Na sexta posição, temos não somente um dos maiores jogadores da NHL mas um dos mais vencedores também.

Central do Montreal Canadiens por todos os 22 anos de sua carreira, Jean Beliveau foi simplesmente 10 vezes campeão da Stanley Cup, o segundo na lista dos que mais levantaram a taça.

Adicionadas, porém, as sete conquistas enquanto dirigente do mesmo Canadiens, Beliveau se isola de todos os outros inseridos na NHL.

Além de multicampeão, Jean era de fato muito bom jogador. Tanto que foi duas vezes MVP da temporada regular e outra da pós-temporada — em três anos diferentes, é bom dizer.

Vá além do hóquei! Confira outros conteúdos da Esportelândia:

Maurice Richards (5º)

Maurice "Rocket" Richards é um dos maiores jogadores da história da NHL
(Corbis/Reprodução)
  • Posição: Right wing
  • Temporadas: 19 (1942-1960)
  • Times: Montreal Canadiens (1942-1960)
  • Prêmios: 8x All-Star (1944-1950, 1955, 1956), Hart Memorial Trophy (1947)

O quinto colocado da lista dos maiores jogadores da NHL não é o goleiro da foto acima não. É o jogador que está fazendo o gol, imagem que inclusive melhor representa Maurice Richards.

O “Foguete”, como era chamado, foi o primeiro grande goleador da National Hockey League. Teve a primazia em algumas marcas importantes nesse sentido, como a primeira temporada com 50 gols (que fez duas vezes) e o primeiro a alcançar 500 gols na carreira.

Se aposentou com 544 tentos marcados, oito Stanley Cups conquistadas e uma homenagem para a eternidade: o Maurice “Rocket” Richards Trophy, prêmio dado ao grande artilheiro da temporada da NHL.

Mario Lemieux (4º)

Mario Lemieux está na lista dos maiores jogadores da NHL em todos os tempos
(Reprodução/NHL)
  • Posição: Central
  • Temporadas: 21 (1984-1997, 2000-2006)
  • Times: Pittsburgh Pirates (1984-1997, 2000-2006)
  • Prêmios: 12x All-Star (1985, 1986, 1988-1990, 1992, 1993, 1996, 1997, 2001-2003), Conn Smythe Trophy (1991, 1992), Hart Memorial Trophy (1988, 1993, 1996), Ted Lindsay Award (1986, 1988, 1993, 1996)

Contemporâneo de Jaromír Jágr no Pittsburgh Penguins bicampeão da Stanley Cup dos anos noventa, Mario Lemieux foi um dos maiores jogadores da NHL e também o protagonista de uma das melhores histórias do hóquei (e talvez dos esportes).

Selecionado pelo Penguins na primeira escolha do draft de 1984, Lemieux foi crescendo vertiginosamente a partir de 1986, virando presença certa no All-Star e nos prêmios de destaques das temporadas, até chegar ao biênio 1991 e 1992, em que foi bicampeão da SC e duas vezes premiado melhor jogador dos playoffs — e na mais dura batalha da sua vida.

Diagnosticado com câncer no sangue logo depois dos dois melhores anos de sua carreira, o “Super Mario” batalhou, ficando dois anos fora de ação, e venceu a doença para atuar por mais dois anos no time em que era ídolo.

Aposentado em 1997, Lemieux voltou à NHL em 2000, atuando, ainda com um bom nível até 2006. Foi até campeão olímpico e mundial no período. Mas foi além.

Em 2007, tornou-se dono do Pittsburgh Penguins, salvou o time da falência e ganhou sua primeira Stanley Cup como executivo apenas dois anos depois, em 2009. Um guerreiro à serviço do hóquei — e do Penguins, claro.

Gordie Howe (3º)

Gordie Howe
(New York Post/ Getty Images)
  • Posição: Right Wing
  • Temporadas: 32 (1945–1971, 1973–1980, 1997)
  • Times:   Detroit Red Wings (1945-1971), Houston Aeros (1971-1977), New England/Hartford Whalers (1977-1980), Detroit Vipers (1997)
  • Prêmios: All-Star ( 1948-1955, 1957,-1965, 1967,-1971, 1980) Art Ross Trophy (1951, 1952, 1953, 1954, 1957, 1963), Hart Memorial Trophy (1952, 1953, 1957, 1958, 1960,
    1963)

Para muitos, Gordie Howe não é um dos maiores jogadores da NHL. É o maior. De fato, é difícil discutir com os seis prêmios de MVP da temporada, outros seis de maior pontuador do ano e, claro, as quatro conquistas da Stanley Cup.

Além dos feitos e números — como, por exemplo, os 801 gols e os 1850 pontos — Howe impactou profundamente o jogo, abrindo o caminho para super estrelas como muitas das que vimos na lista até aqui.

Sua intensidade, sua técnica e sua dominância podem ser resumidas no famoso “Gordie Howe hat trick”, definido como um gol, uma assistência e uma briga na mesma partida.

Além de muito bom, o right wing foi muito longevo. Foram 32 temporadas no hóquei, 26 delas pela NHL e as demais pela recém-criada WHA. Na liga rival, inclusive, Howe pode atuar com seus filhos.

Bobby Orr (2º)

Bobby Orr é um dos maiores jogadores da história da NHL

  • Posição: Defensor
  • Temporadas: 13 (1966-1978)
  • Times:  Boston Bruins (1966-1977), Chicago Blackhawks (1977-1978)
  • Prêmios: 8x All-Star (1968-1975), James Norris Trophy (1968-1975) Calder Memorial Trophy (1967), Hart Memorial Trophy (1970-1972), Art Ross Trophy(1970, 1975)

Se você se perguntou o por quê da ausência de defensores até aqui, eis o motivo: Bobby Orr, o melhor defensor da história do hóquei e um dos maiores jogadores da NHL em todos os tempos.

Jogando praticamente toda a relativamente curta carreira no Boston Bruins, Orr subverteu a lógica vigente do hóquei no gelo sendo um destaque em todos os momentos da partida. Tanto que foi duas vezes o melhor pontuador da temporada regular da liga e oito vezes o melhor defensor — além de três vezes MVP, claro.

Seus feitos como um jogador de defesa seguem inalcançáveis até hoje, seja na produção ofensiva, seja na coleção de prêmios. Mas o número que melhor o representa e que somente um jogador (Larry Robinson) o superou, seja de ataque ou defesa, o plus-minus.

Estatística que mede o impacto de um jogador numa partida o “+/-” é basicamente um saldo de pontos. O de Orr é de 582, o segundo maior da história da NHL. Isso sem falar nas seis vezes que liderou a liga no quesito, esse sim o maior número de todos os tempos.

É doído mas justo dizer que a carreira mais curta em relação aos outros citados nesta lista o tenha tirado da disputa pelo primeiro lugar. Mas a segunda colocação está garantida — e muito bem ocupada.

Wayne Gretzky (1º)

Wayne Gretzky é considerado o melhor jogador da história da NHL
(Getty)
  • Posição: Central
  • Temporadas: 22 (1978-1999)
  • Times:  Edmonton Oilers (1979-1988), Los Angeles Kings (1988-1996), St Louis Blues (1996), New York Rangers (1996-1999)
  • Prêmios: Hart Memorial Trophy (1980–1987, 1989), Art Ross Trophy (1981–1987, 1990, 1991, 1994), Conn Smythe Trophy (1985, 1988), 8x All-NHL (1981–1987, 1991)

Pois é, amigos, não havia outro senão ele. Wayne Gretzky é , sim, o melhor jogador da história da NHL.

Dono de quatro títulos da Stanley Cup, de nove prêmios de MVP da temporada, sendo sete consecutivos, da liderança no ranking histórico em gols (894), pontos (2857) e assistências (1963), além de mais de 60 recordes, o central se posicionou em outro patamar dentro hóquei no gelo.

Além de arrebentar dentro do rinque, Gretzky deixou um duradouro legado para a liga, para o esporte e até para o Canadá. Existem de prêmios à avenidas batizados em seu nome, sem falar na aposentadoria da camisa 99 em todos os times da NHL.

Chega até ser difícil de falar dos feitos de WG. Escreve-se sobre o risco de não fazer jus ao seu verdadeiro tamanho dentro do jogo — e de não conseguir espaço o bastante para listar tudo que fez na carreira. Uma lenda viva, em outras palavras.

Depois de conferir essa lista pesada dos maiores jogadores da NHL em todos os tempos, que tal se aprofundar no hóquei e em outras ligas norte-americanas? Confira:

*Última atualização em 17 de março de 2021

Salvar