O tênis é um dos esportes que mais cresceram nos últimos anos, tanto em números de torneios, patrocínios, premiações e, claro, grandes jogadores. No Brasil, alguns novos talentos vêm surgindo nesse período, como é o caso da paulistana Beatriz Haddad Maia, a popular Bia Haddad

Bia Haddad já mostrou seu valor e sua capacidade e é, atualmente, um dos principais nomes do tênis feminino brasileiro. A tenista brasileira já foi vice-campeã de duplas do Australian Open. Além disso, foi a primeira tenista em 44 anos a chegar nas oitavas de final de um Grand Slam em simples.

Mesmo ainda muito jovem, a tenista já obteve grandes vitórias e conquistas na sua carreira, alcançando, inclusive, o top 15 do ranking da WTA.

Se você quer conhecer mais sobre a trajetória, as conquistas e as curiosidades de Beatriz Haddad Maia, aqui é o lugar certo. Confira!

Quem é Beatriz Haddad Maia, a Bia Haddad?

Bia Haddad, tenista profissional

Beatriz Haddad Maia, ou apenas Bia Haddad, é uma tenista profissional. Nascida em São Paulo, a paulistana é um dos principais nomes do tênis feminino brasileiro tanto em simples quanto em duplas.

Promessa desde muito cedo, Bia Haddad já alcançou grandes feitos em sua carreira, como a 12ª posição do ranking da WTA, conquistada pela primeira vez em 2023. Além disso, ganhou 2 títulos de WTA 250 em simples e em duplas, e 1 Masters 1000 em duplas.

Depois de uma longa punição, sofrida em 2019, após testagem no exame antidoping que detectou a presença de substâncias ilegais na sua urina, e também por conta do longo período de paralisação decorrente da Covid-19, Beatriz Haddad Maia voltou a jogar no fim de 2020.

Quando voltou da suspensão, a brasileira ocupava o 1339° lugar, último do ranking da WTA. Depois de disputar diversos torneios da ITF, e ser, inclusive, campeã de alguns deles, a brasileira voltou para a 358ª posição e terminou a temporada como a 2ª melhor brasileira do ranking.

A brasileira, que já foi top 60 do ranking, buscou retomar a carreira, visando novas conquistas e melhores campanhas nos principais Grand Slams de tênis. 

Como Bia Haddad começou no tênis?

Bia Haddad, tenista profissional

Beatriz Haddad Maia começou a jogar precocemente, quando tinha em torno de 4 anos. Sua principal influência para começar a praticar o esporte foi sua mãe, que na época, era arquiteta e também professora de tênis. 

Seus primeiros passos no esporte foram dados no Esporte Clube Sírio, um clube bastante importante da cidade de São Paulo.

Quando Beatriz Haddad Maia começou no tênis?

Bia Haddad, tenista profissional

Desde que começou a praticar tênis, Bia Haddad se mostrou um grande talento no esporte. Com apenas 10 anos, por exemplo, já disputava torneios de categorias acima, jogando ao lado de jogadoras de 12 anos. 

Esse “avanço” nas categorias permaneceu durante toda a sua trajetória juvenil. Quando tinha 11 anos, disputou seu primeiro campeonato internacional, num torneio sul-americano, em que competiu na categoria destinada a meninas de 14 anos.

Bia Haddad WTA: tudo começou no Juvenil

Bia Haddad, tenista profissional

Disputando, oficialmente, torneios organizados pela ITF, na categoria juvenil, Bia Haddad se destacou rapidamente. 

Já em 2010, quando tinha apenas 14 anos, passou a disputar torneios da ITF na categoria de 18 anos. No mesmo ano, conquistou seus primeiros títulos da categoria, tanto em torneios simples como nas duplas. 

Durante sua trajetória disputando torneios da categoria juvenil, de 18 anos, Bia Haddad conquistou mais alguns troféus e foi eleita durante 4 anos seguidos a melhor tenista juvenil do Brasil: 2009 a 2012.

Em 2012, Bia alcançou sua primeira final de Grand Slam, em Roland-Garros da categoria juvenil. Jogando na disputa de duplas, ao lado da paraguaia Montserrat Gonzalez, a brasileira foi derrotada na final do torneio. 

Nesse ano de 2012, graças aos títulos conquistados e a campanha em Roland-Garros, Bia Haddad atingiu seu melhor ranking da categoria juvenil de 18 anos, alcançando a 15ª posição da lista organizada pela Federação Internacional de Tênis (ITF).

Em 2013, jogando ao lado da equatoriana Domenica Gonzalez, Beatriz Haddad Maia chegou novamente à final de Roland-Garros, mas não conseguiu conquistar o troféu.

Em 2014, quando completou 18 anos, passou a se dedicar totalmente aos torneios profissionais, tanto da ITF como da WTA.

Carreira Profissional de Beatriz Haddad Maia

Bia Haddad, tenista profissional

Bia Haddad disputa torneios ao lado das jogadoras profissionais desde 2010, quando tinha 14 anos. Logo no seu primeiro ano de disputa, conquistou também seu primeiro título, o ITF Futures de Mogi das Cruzes, jogando ao lado da compatriota Flávia Guimarães Bueno, na disputa de duplas.

Em 2011, conquistou seu primeiro torneio profissional de simples, quando tinha apenas 15 anos. Beatriz Haddad Maia venceu o torneio ITF, disputado em Goiânia, batendo a portuguesa Bárbara Luz na final.

Em 2023, alcançou sua melhor posição no ranking de simples da WTA, a 12ª colocação. Logo depois, com a campanha em Roland-Garros, Bia Haddad subiu ainda mais no ranking. Assim também, atingiu seu melhor ranking de duplas da WTA, a 10ª posição.

Sua melhor performance em Grand Slams, em disputas de duplas, foi em 2022, quando Bia Haddad conquistou o vice-campeonato do Australian Open. A saber, a brasileira jogou ao lado de Anna Danilina, do Cazaquistão.

Já em Grand Slams de simples, a melhor campanha da brasileira foi quando alcançou as semifinais de Roland-Garros, em 2023. Além disso, disputou a segunda rodada em 7 oportunidades: Wimbledon (2017 e 2019); Australian Open (2018, 2019 e 2022); US Open (2022); e Roland-Garros (2022).

Caso de doping de Bia Haddad

Bia Haddad, tenista profissional

No torneio de Wimbledon de 2019, Bia Haddad conquistou uma das suas maiores vitórias da carreira, ao eliminar a campeã do Grand Slam inglês de 2017, a espanhola Garbiñe Muguruza.

Três semanas depois de conquistar um dos maiores feitos de sua carreira, Bia Haddad testou positivo, em julho de 2019, durante o torneio da WTA de Bol, na Croácia, para as substâncias anabolizantes ARM S-22 e SARM LGD-4033, que são proibidas. 

Depois do teste, a brasileira foi suspensa provisoriamente pela Federação Internacional de Tênis (ITF). Após um longo processo, sua pena foi decretada apenas em fevereiro de 2020.

A punição dada a Beatriz Haddad Maia foi de afastamento de 10 meses. Como é uma pena retroativa, o período em que a tenista ficou afastada provisoriamente também contou. Portanto, ela ficou livre para jogar em maio de 2020.  

A sentença decretou que as substâncias proibidas teriam sido utilizadas de forma não intencional e, por isso, a punição final foi considerada “branda”.

Não fique apenas no tênis! Venha conferir outros grandes esportistas brasileiros:

Quantas vezes Bia Haddad foi campeã?

Beatriz Haddad Maia tem, ao longo da sua carreira profissional, conquistas importantes, tanto em disputas individuais como nas duplas. Até agora, conquistou 3 torneios WTA em simples, 6 em duplas, e 26 torneios ITF (17 individuais e 9 em duplas).

Confira a lista mais detalhada dos títulos de Bia Haddad

ITF Simples

  • Goiânia, Brasil: 2011
  • Ribeirão Preto, Brasil: 2012
  • Ribeirão Preto, Brasil: 2013
  • Antália, Turquia: 2013
  • Scottsdale, EUA: 2016
  • Waco, EUA: 2016
  • Clare, Austrália: 2017
  • Canha de Mar, França: 2017
  • Montemor-o-Novo, Portugal: 2020
  • Santarém, Portugal: 2020
  • Porto, Portugal: 2020
  • Funchal, Portugal: 2020
  • Villa Maria, Argentina: 2021
  • Córdoba, Argentina: 2021
  • Montemor-o-Novo, Portugal: 2021
  • Collonge-Bellerive, Suíça: 2021
  • Montreux, Suíça: 2021

ITF Duplas

  • Mogi das Cruzes, Brasil: 2010
  • São Paulo, Brasil: 2011
  • Goiânia, Brasil: 2011
  • Alkmaar, Holanda: 2014
  • Grado, Itália: 2015
  • Guarujá, Brasil: 2016
  • Clare, Austrália: 2017
  • Ilkley, Reino Unido: 2019
  • Figueira da Foz, Portugal: 2020

WTA Simples

  • WTA 250 de Nottingham, Inglaterra: 2022
  • WTA 250 de Birmingham, Inglaterra: 2022
  • W125 de Saint Malo, França: 2022

WTA Duplas

  • WTA 250 de Bogotá, Colômbia: 2015
  • WTA 250 de Bogotá, Colômbia: 2017
  • WTA 250 de Sydney. Austrália: 2022
  • WTA 250 de Nottingham, Inglaterra: 2022
  • W125 de Paris, França: 2022
  • WTA 1000 de Madrid, Espanha: 2023

Beatriz Haddad Maia ranking: confira as melhores posições da tenista

Bia Haddad começou a somar pontos para o ranking da WTA, tanto em simples quanto em duplas, em 2011. No individual, alcançou a 12ª colocação em 2023, e essa é até hoje sua melhor classificação. Já nas duplas, atingiu, no mesmo ano, a 10ª colocação, sua melhor até o momento.

Confira o histórico das melhores posições da tenista Bia Haddad, por ano, no ranking da WTA, tanto no individual como em duplas:

Melhores posições por ano no Ranking WTA Simples

  • 2011: 683°
  • 2012: 477°
  • 2013: 265°
  • 2014: 239°
  • 2015: 148°
  • 2016: 170°
  • 2017: 58°
  • 2018: 58°
  • 2019: 95°
  • 2020: 120°
  • 2021: 80º
  • 2022: 15º
  • 2023: 12º

Melhores posições por ano no Ranking WTA Duplas

  • 2011: 704°
  • 2012: 594°
  • 2013: 321°
  • 2014: 316°
  • 2015: 116°
  • 2016: 119°
  • 2017: 106°
  • 2018: 79°
  • 2019: 221°
  • 2020: 267°
  • 2021: 478º
  • 2022: 13º
  • 2023: 10º

Biografia da tenista Bia Haddad

  • Nome completo: Beatriz Haddad Maia
  • Data de nascimento: 30 de maio de 1996
  • Local de nascimento: São Paulo, Brasil
  • Altura: 1,85 m
  • Mão: Canhota

Curiosidades sobre Beatriz Haddad Maia

Relação com o basquete

Apesar de jogar tênis desde muito cedo, muito por conta da influência da mãe que era professora do esporte, Bia Haddad tem uma relação familiar com o basquete. A família dela por parte de pai, incluindo o próprio, sempre praticaram o esporte ao longo da vida.

Muitos da família apostavam que Bia Haddad seguiria o caminho familiar, principalmente por conta do seu biotipo favorável. A tenista sempre foi alta, medindo, atualmente, 1,85 m, 25 centímetros acima da média de altura das mulheres brasileiras. 

Música e pintura

Outros dois grandes hobbies de Bia Haddad Maia são a musica e a pintura. A brasileira já compartilhou em suas redes alguns momentos tocando violão. Além disso, possui diversas fotos de suas obras também.

Namoro com tenista

Bia Haddad já namorou com o também tenista Thiago Monteiro, melhor brasileiro do ranking da ATP ao fim da temporada 2020. Quando possível, a paulistana e o cearense treinam juntos.

Agora que você conhece a história de Bia Haddad, que tal conhecer a trajetória de outros importantes tenistas? Confira!