Conheça os melhores lutadores da história do boxe brasileiro e saiba quem são os campeões mundiais e medalhistas olímpicos do Brasil

Quem é o maior boxeador brasileiro de todos os tempos?

Eder Jofre, Acelino Popó Freitas, Miguel de Oliveira e Sertão foram os primeiros brasileiros campeões mundiais de boxe. 

Já Servílio de Oliveira, Esquiva Falcão e Robson Conceição entraram para a história com conquistas até então inéditas para o boxe brasileiro em Olimpíadas.

Entre tantos pugilistas que elevaram o esporte no Brasil, relacionamos os 10 maiores boxeadores brasileiros de todos os tempos. Há ainda um bônus na nossa lista.

Continue com a gente para conhecer os grandes nomes da história do boxe brasileiro!

Maiores boxeadores brasileiros de todos os tempos

  • Eder Jofre
  • Acelino Popó Freitas
  • Servílio de Oliveira
  • Adilson Maguila Rodrigues
  • Miguel de Oliveira
  • Luis Faustino Pires
  • Valdemir Sertão Pereira
  • Esquiva Falcão
  • Robson Conceição
  • Yamaguchi Falcão
  • Adriana Araújo

Eder Jofre

Éder Jofre
Éder Jofre é considerado o maior boxeador brasileiro da história

Não é preciso ser brasileiro para reconhecer que Eder Jofre merece seu lugar entre os maiores lutadores de boxe de todos os tempos.

Ele esteve invicto em suas primeiras 50 lutas, até ser derrotado pelo japonês “Fighting” Harada.

Eder Jofre foi campeão peso-pena pelo Conselho Mundial de Boxe (WBC), e campeão do peso galo pelo Conselho Mundial de Boxe (WBC) e pela Associação Mundial de Boxe (WBA).

Acelino Popó Freitas

Acelino Popó Freitas
Acelino Popó Freitas foi campeão mundial em duas categorias do boxe

Um dos mais famosos e idolatrados boxeadores do Brasil em todos os tempos, Popó conquistou quatro títulos mundiais em duas categorias diferentes: Super-pena e Peso-leve.

Acelino Popó Freitas foi campeão mundial pela primeira vez depois de ter acumulado um cartel com 20 vitórias e nenhuma derrota. 

Ele chegou a se aposentar em 2007, após acumular 38 vitórias e duas derrotas, mas voltou em 2012 e fez mais três combates, todos com triunfos, antes de encerrar sua carreira definitivamente. 

Servílio de Oliveira

Servílio de Oliveira maiores boxeadores brasileiros da história
Servílio de Oliveira foi o primeiro brasileiro medalhista olímpico no boxe

Servílio de Oliveira foi um dos boxeadores brasileiros responsáveis por elevar o patamar do esporte no Brasil. Nos Jogos Olímpicos da Cidade do México, em 1968, ele foi o primeiro brasileiro a conquistar uma medalha olímpica no boxe.

Disputando a categoria peso mosca (até 51kg), Servílio conquistou a medalha de bronze.

Como profissional, foi campeão brasileiro e sul-americano. Na busca pelo título mundial, Servílio de Oliveira sofreu um descolamento de retina e precisou ficar afastado dos ringues por quase cinco anos.

O pugilista retomou a carreira e reconquistou seu título brasileiro. Por ter menos de 25% da visão de um dos olhos, ele não pôde disputar o título sul-americano.

Adilson Maguila Rodrigues

Adilson Maguila Rodrigues maiores boxeadores brasileiros da história
Em um dos principais combates de sua carreira, Maguila enfrentou Evander Holyfield

Um dos personagens históricos do boxe brasileiro, Maguila ficou muito conhecido por seu carisma. Porém, engana-se quem pensa que o sergipano não era tão talentoso. 

Adilson Rodrigues, o Maguila, foi um dos grandes pesados da década de 1980. Ele chegou a ficar em terceiro no ranking da conceituada revista The Ring. 

Em 86 combates, venceu 81, sendo 68 por nocaute. Perdeu cinco lutas, quatro por nocaute.

Miguel de Oliveira

Miguel de Oliveira maiores boxeadores brasileiros
Miguel de Oliveira foi um dos primeiros brasileiros a serem campeões mundiais de boxe

Miguel de Oliveira foi campeão mundial na categoria médios-ligeiros em 1975. O título foi alcançado em combate realizado no Principado de Mônaco contra o espanhol José Duran, então campeão europeu.

Em um cartel de 56 lutas, Miguel de Oliveira venceu 50 vezes, sendo 25 por nocaute. Perdeu cinco confrontos e empatou um deles.

Valdemir Sertão Pereira

Sertão maiores boxeadores brasileiros da história
Sertão foi o quarto brasileiro a ser campeão mundial de boxe e encerrou carreira precocemente

Valdemir dos Santos Pereira, o Sertão, foi o quarto brasileiro campeão mundial de boxe. Ele conquistou o título dos penas pela Federação Internacional de Boxe em 2006, ao vencer por pontos o tailandês Fahprakorb Rakkiatgym.

Na sua primeira defesa do cinturão, em maio de 2006, Sertão perdeu o título para o norte-americano Eric Aiden ao ser desclassificado por golpes baixos. 

O brasileiro tentou uma revanche, mas um exame inconclusivo o impediu de lutar e ele abandonou a carreira. Em entrevista ao jornal Lance em 2008, ele disse que teve diagnóstico de hepatite C.

Vá além do Boxe! Confira também:

Luis Faustino Pires

Luis Faustino Pires maiores boxeadores do Brasil
Luis Faustino Pires enfrentou George Foreman no maior combate de sua carreira

Luis Faustino Pires foi campeão brasileiro por 22 anos, sendo 10 anos como armador e 12 como profissional. Também foi campeão sul-americano.

Em 1971, quando ocupava a quarta colocação no ranking da AMB (Associação Mundial de Boxe), Luis Faustino Pires enfrentou George Foreman no Madison Square Garden. 

No quarto round do combate contra o campeão mundial dos pesos-pesados, o brasileiro sofreu uma fratura no braço.

Esquiva Falcão

Boxeador Esquiva Falcão
Esquiva Falcão foi medalhista olímpico e tem impressionante cartel como profissional

Esquiva Falcão foi o primeiro brasileiro a disputar uma final de boxe nos Jogos Olímpicos. 

Nos Jogos de Londres, em 2012, ele conquistou a medalha de prata, naquele que foi o melhor resultado do país no esporte até então — na Olimpíada do Rio de Janeiro, em 2016, Robson Conceição levou o ouro.

Depois de ser vice-campeão olímpico, Esquiva Falcão iniciou a carreira de boxeador profissional. O capixaba encerrou o ano de 2019 com um histórico de invencibilidade em 25 lutas disputadas.

Robson Conceição

Robson Conceição maiores boxeadores brasileiros de todos os tempos
Robson Conceição foi o primeiro brasileiro a ser campeão olímpico de boxe

Robson Conceição foi o primeiro brasileiro campeão olímpico no boxe. A medalha de ouro foi conquistada na Olimpíada do Rio de Janeiro, em 2016, na categoria até 60 kg.

Depois da conquista histórica, Robson anunciou que se tornaria pugilista profissional. Em junho de 2019, ele alcançou sua 13ª vitória consecutiva como profissional, na categoria Super-Penas (até 58kg).

Antes do profissionalismo, além de campeão olímpico, Robson Conceição foi vice-campeão dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, em 2011, campeão sul-americano em 2013 e medalhista de bronze no Campeonato Mundial de 2015.

Yamaguchi Falcão

Yamaguchi Falcão maiores boxeadores brasileiros
Yamaguchi Falcão foi medalhista nos Jogos Olímpicos de Londres antes de se profissionalizar

Irmão de Esquiva Falcão, Yamaguchi é um dos cinco boxeadores brasileiros que conquistaram medalhas olímpicas até os Jogos do Rio de Janeiro, em 2016.

Na Olimpíada de Londres, em 2012, ele ficou com a medalha de bronze na categoria peso meio-pesado (até 81kg).

Yamaguchi foi também vice-campeão dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, em 2011.

Em 2014, o pugilista decidiu seguir carreira no boxe profissional. Depois de 16 vitórias consecutivas, perdeu a invencibilidade e o cinturão latino do Conselho Mundial de Boxe (WBC) em combate com o norte-americano Chris Pearson, em maio de 2019.

Bônus: Adriana Araújo

Adriana Araújo primeira mulher brasileira a ser medalhista no boxe olímpico
Adriana Araújo foi a primeira mulher brasileira a ser medalhista no boxe olímpico

A lista dos maiores boxeadores brasileiros tem espaço também para as mulheres. Adriana Araújo é a única atleta do boxe feminino do Brasil a já ter conquistado uma medalha em Olimpíadas.

Nos Jogos Olímpicos de Londres, em 2012, ela ficou com o bronze na categoria peso leve (até 60kg).

Em outubro de 2019, Adriana derrotou a argentina Claudia Lopez, ex-campeã mundial, por decisão unânime dos juízes e conquistou o título mundial silver da categoria super-leve (até 63,5 kg) do Conselho Mundial de Boxe.

Com Adriana Araújo, encerramos a lista dos 10 maiores boxeadores brasileiros de todos os tempos. Porém, uma outra mulher caminha a passos largos para fazer parte dessa relação.

Bia Ferreira é campeã mundial da categoria até 60 kg, depois de já ter conquistado a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Lima, em 2019.

Com as conquistas em 2019, Bia chegou à impressionante marca de 24 medalhas em 25 competições disputadas na carreira.

Outro boxeador da atual geração que merece destaque especial é Patrick Teixeira. Em 2019, ele se tornou o quinto brasileiro a ser campeão mundial de boxe, com o título da Organização Mundial de Boxe na categoria dos médios-ligeiros.

Se você sentiu falta de algum grande lutador de boxe do Brasil por aqui, aproveite o espaço dos comentários para deixar sua opinião.

Agora que você já conhece os maiores boxeadores brasileiros de todos os tempos, aproveite para conferir outras listas de artes marciais:

*Última atualização em 27 de março de 2020

Comentários

Salvar