Lusimar Gonzaga, conhecido como Tyson Tigre, não cansou de erguer troféus durante todo o campeonato da Novice Open 2022.

Pela quarta vez em um único dia, o Lusimar garantiu mais um top 1 diante de outros ótimos competidores.

Desta vez, foi a vez do atleta boxista ganhar a categoria overall da Classic Physique no Novice Open 2022.

Assim, seu físico foi evoluindo ao longo do evento. Mais carbado, maior e condicionado, seu conjunto estava praticamente imbatível no evento.

Tyson Tigre é campeão da Classic Physique Overall no Novice Open 2022

Reprodução/ Bendet

A maioria do público que acompanhou a competição da SPFF sabe da história do Lusimar, mas vale a pena lembrar mais uma vez.

Algumas pessoas podem pensar que ele estreou nos palcos agora ou simplesmente vive apenas do fisiculturismo.

Entretanto, ambas as afirmações estão incorretas. Afinal, Tyson Tigre é duas vezes bi-campeão mundial de boxe.

Mesmo com esse retrospecto vitorioso, Lusimar não deixa a humildade de lado, sempre se emocionando muito a cada troféu conquistado.

Vale destacar que a categoria estava muito equilibrada. Com ótimos competidores ao lado do Tyson.

Entre eles, pode-se destacar o Diego Camilo (que também enfrentou Lusimar na Bodybuilder) e o Thiago do Nascimento.

Entretanto, o conjunto geral do físico em conjunto com a condição apresentada pelo Tyson Tigre fizeram dele o grande nome do evento.

A história de superação do Lusimar Gonzaga 

Logo após conquistar seu quarto troféu de primeiro lugar no evento, Lusimar deu um discurso emocionante sobre um fato ocorrido há anos atrás.

Em 2017, eu estava me preparando para competir no Mr Santos, na qual eu fiz uma verdadeira cagada. Eu travei de câimbras do tendão do pé até meu maxilar. Passei mal dentro da academia, fiquei 8 horas esperando o Samu. Quando a câimbra começou a subir pelo peito eu pedi a deus para que eu não morresse. O único músculo que não deu câimbra foi o coração. Então eu apaguei e acordei sentindo alguém me fazendo massagem cardíaca. Graças a Deus estou bem e vivo.

Por fim, o atleta, chorando, afirmou que o grande nome de sua preparação foi Sueli Soteli, sua esposa.

Ele afirmou que ela teve que aturar os seus surtos de estresse e nervosismo, fatores comuns em uma preparação de fisiculturismo.

Assim, ele reiterou que todos os prêmios conquistados serão divididos entre ele e a esposa, pois ele foi amplamente especial na sua jornada.

Imagem destacada: Reprodução/ Bendet