Entenda as regras do beisebol: o campo, o objetivo, as posições, a duração, como funciona a pontuação e o que é um home run

Para quem não está acostumado, as regras do beisebol podem parecer um tanto confusas. É um troca-troca de ataque e defesa, um monte de rodadas e uma infinidade de nomes em inglês que podem deixar qualquer um perdido.

No fundo, porém, o beisebol é um esporte tão simples quanto qualquer outro. Tem, sim, suas particularidades, mas são eles que angariam fãs pelo mundo. A MLB, lembre-se, é uma das mais rentáveis ligas esportivas do mundo.

A seguir, vamos explicar de maneira básica e sucinta as regras do beisebol e algumas das suas particularidades, para você poder curtir uns bons arremessos e rebatidas, seja para assistir, seja para jogar.

Como funciona um jogo de beisebol

Imagem de momento de jogo de Beisebo
(Chris Chow/Unsplash)

O beisebol, como o próprio nome diz — o nome em inglês, no caso, baseball — é um jogo de bases e bolas. Uma desta e quatro da outra, para ser mais exato.

O jogo de beisebol funciona por jogadas, em que acontecem lançamentos e rebatidas dessa bola e o ataque e a defesa dessas bases. Por isso, usam-se também luvas, tacos e capacetes.

Durante uma partida, os times se revezam entre ataque e defesa. Quem defende, lança a bola e protege as bases; quem ataca, rebate a bola e procurar ocupar as bases.

E como se protege e se ocupa as bases?  Bom, uma jogada começa quando a bola é arremessada pela defesa. O rebatedor, um jogador de ataque, tenta, munido de um taco de madeira de mais um menos um metro e um quilo, tenta acertá-la.

A partir do exato momento em que uma bola é rebatida, todas as bases estão automaticamente desprotegidas. Para protegê-las novamente, algum jogador do time de defesa tem de pisar na base com a bola rebatida na mão, contanto que ela já não esteja ocupada por alguém do ataque.

Enquanto isso não acontece, os atacantes — quem rebateu a bola nessa jogada ou em jogadas anteriores — podem ocupar as bases, sempre na ordem da primeira para a última, seguindo o formato de um quadrado desenhado a partir do local onde rebateram a bola. Ah! E uma base só pode ser ocupada por um jogador por vez.

Qual é o objetivo de um jogo de beisebol?

O objetivo de um jogo de beisebol é marcar mais pontos que o adversário. Para marcar um ponto, o rebatedor tem de percorrer as quatro bases sem ser eliminado.

Já para eliminar um atacante, a defesa deve proteger a base à qual ele se dirige ou encostar (não arremessar) a bola nele enquanto ele corre. Ou mesmo apanhar a bola rebatida sem que ela caia no chão.

Um jogador parado numa base não pode ser eliminado, e aquele que por acaso estiver parado na primeira base é obrigado a correr para a segunda na jogada seguinte.

Assim, ao se iniciar uma nova jogada, isto é, a cada novo arremesso rebatido, são diversos objetivos acontecendo simultaneamente.

O rebatedor tem de correr no mínimo para a primeira base; os demais atacantes nas bases tem tentar completar o quadrado; os jogadores de defesa buscam recuperar a bola o mais rápido possível para eliminar o jogadores de ataque e proteger as bases.

Quantos jogadores tem um time de beisebol?

Jogadores durante partida de baseball
(John Ruddock/Unsplash)

Cada time conta com até nove jogadores dentro de campo. Durante a defesa, os nove jogadores se dividem entre o lançador da bola e aqueles que atuam mais especificamente na proteção das bases, com diferentes funções a partir de seus posicionamentos.

No ataque, há pelo menos um jogador em atuação, o rebatedor, que pode, dependendo do estado do jogo, estar acompanhado no campo por outros três rebatedores anteriores que estão nas outras bases.

São nove rebatedores para o ataque, que vão se revezando a partir da marcação de pontos ou de eliminações, e na exata ordem em que são listados.

Quantas entradas tem um jogo de beisebol?

O jogo de beisebol tem nove entradas, ou “innings”. Em um entrada, cada time tem a oportunidade de mandar o seu ataque a campo uma vez.

Essa “janela” acaba quando a defesa consegue eliminar três jogadores do ataque, e as situações se invertem: quem defendia, manda ao gramado os seus rebatedores.

Qual é a duração de um jogo de beisebol?

O jogo de beisebol não tem relógio e só acaba quando encerradas as nove entradas. Uma entrada só acaba quando os dois times tiveram a oportunidade de mandar os seu ataques a campo, que podem pontuar enquanto não tiverem três rebatedores eliminados.

Na teoria, um jogo de beisebol pode ocorrer indefinidamente enquanto os nove innings não forem completos. Ainda assim, há uma média no esporte profissional de partidas entre duas horas e meia e três horas de duração.

Vá além do mundo do Beisebol! Confira também nossos outros conteúdos:

O campo de beisebol

Imagem de estádio de beisebol
(Jake Weirick/ Unsplash)

O campo de beisebol tem um formato de diamante, com um raio entre 90 e 109 metros de comprimento. Na ponta desse diamante fica o home plate, que é a mesmo tempo o local onde acontecem as rebatidas e onde terminam as corridas para pontuar.

home plate soma-se a três bases e eles formam um quadrado, cujas arestas medem 27,4 metros e cujo centro é ocupado pelo arremessador da defesa.

Há uma área de areia ao fim desse quadrado em formato próximo a um semi círculo. Ela tem um raio de 28,9 metros e delimita o chamado infield. Dali até o fim do campo, chamado de cerca ou fence, há o outfield, uma área de grama que varia entre estádios, ligas e categorias.

Toda essa descrição é da área válida do campo, chamada também de fair. As áreas que limitam o diamante do campo são as áreas mortas, ou foul. Se bola rebatida cai nessas áreas, a jogada é invalidada — “bola morta”.

Quais são as posições no beisebol?

Há basicamente quatro posições no beisebol. No ataque, todos os participantes são rebatedores, que, se “presos” numa base para o arremessador seguinte, podem ser referidos como corredores.

Na defesa, há o arremessador da bola, o pitcher, que pode jogar a bola também jogar a bola diretamente na primeira base, para tentar queimar um atacante que tentar “roubar a segunda base”.

Seguindo na defesa, há os demais oito jogadores que devem proteger a bola e as bases. Eles são denominados a partir de seus posicionamentos em campo.

Existem os jogadores de primeira, segunda e terceira base, que ficam mais especificamente como guardiões delas, além do shortstop, que fica numa região intermediária entre a segunda e a terceira bases.

No outfield, são normalmente três jogadores, que tentam cobrir ao máximo a área da grama, um ao centro, outro à direita e outro à esquerda. São, respectivamente, o centerfielder, o leftfielder e o rightfielder.

Há ainda o catcher, que é o rapaz com a dura função de ficar atrás do rebatedor e pegar as bolas arremessadas que não são rebatidas. Eles se comunicam com os pitchers sobre as estratégias para cada rebatedor e até para cada arremesso.

Como funciona a pontuação no beisebol?

Imagem do Yankee Stadium durante partida de beisebol
(Chanan Greenblatt/Unsplash)

Há somente uma maneira de pontuar no beisebol: percorrer as quatro bases do infield. No momento em que um jogador de ataque passa pela quarta base, que por acaso é o home plate, um ponto é contabilizado ao seu time.

Para eliminar um jogador, no entanto, existem maiores opções. Para começar, o arremessador pode atirar a bola de tal maneira que o rebatedor não consiga acertá-la. É o famoso strike. Três desses em sequência, ele é eliminado.

No entanto, para contar um strike, a bola tem de ser arremessada dentro de uma área de delimitações invisíveis, um retângulo entre o joelho e o peito do rebatedor.

Se a bola for para fora dessa região, ela não precisa ser rebatida e é contado um ball. Quatro desses e o rebatedor “ganha” a primeira base, podendo ir para lá sem ser eliminado. Quem controla essas questões é o árbitro que fica atrás do catcher.

Se a bola for arremessada fora do retângulo, chamado de zona de strike, mas ainda assim o rebatedor tentar rebatê-la, a jogada.

E, em qualquer tipo de arremesso, se ele conseguir rebater, a bola está em jogo. A partir daí são quatro maneiras de eliminá-lo:

  • Apanhar a bola no ar antes que ela caia no chão. Eliminação automática.
  • Pisar, com a bola na mão, na base na qual o rebatedor está se dirigindo — já tendo saído da outra — antes dele.
  • Encostar (não arremessar) a bola no atacante durante a corrida entre uma base e outra.
  • Há ainda como o pitcher eliminar diretamente um jogador que esteja na primeira base. É comum que quem esteja nessa base, pelo fato de não poder ficar preso nela durante a jogada, tente “roubar” a segunda base, dando passos sorrateiros já no momento do arremesso. Nesses casos, o arremessador pode tentar arremessar a bola direto para o defensor da primeira base e eliminar o “ladrão”.

O que é home run?

O home run é quando um rebatedor consegue mandar a bola para fora dos limites do campo, para além do outfield, e pode correr livremente pelas quatro bases para pontuar.

Se houver outros atacantes nas bases durante o home run, esses também pontuam livremente. É basicamente a grande jogada do beisebol.

Para um home run ser válido, no entanto, a bola tem de viajar e ultrapassar os limites do outfield dentro da área válida, ou fair, do campo.

Agora que você já sabe as regras do beisebol, aproveite para conhecer melhor outros esportes:

* Última atualização em 15 de novembro de 2020

Salvar