Entenda as gírias de skatistas: confira os 30 principais termos de um verdadeiro dicionário do skate, com imagens e traduções

Com a evolução do skate como um esporte profissional, muitas das gírias dos skatistas passaram a compor os termos técnicos de manobras e movimentos. Transmissões e análises, por exemplo, estão repletas delas.

A lógica é a mesma da composição de manobras, combinando movimentos, posições corporais e ações no skate em um único ato. Só que cada um desses itens tem um nome, que, no caso, é muitas vezes uma gíria.

A única maneira, portanto, de entender de verdade o esporte é conhecer as gírias do skatistas. Para isso, pode contar a gente. Nós explicamos as principais delas no texto abaixo. Bora?

As gírias de skatistas

  • 50-50
  • 5-0
  • 180/360
  • Back
  • Bank e Bowl
  • Cantoneira
  • Carving
  • Drop
  • Fakie
  • Freestyle
  • Front
  • Gap
  • Goofy
  • Grab
  • Grind
  • Half
  • Handrail
  • Nose
  • Park
  • Pro
  • Rail
  • Regular
  • Remada
  • Rolamento
  • Session
  • Shape
  • Street
  • Tail
  • Truck
  • Vert

180/360

Abrimos nossa lista de gírias de skatistas com duas bem simples, para você pegar a lógica da coisa. Toda vez que alguém fala em “180” ou “360” está se referindo ao grau dos giros, seja do skatista ou do skate, durante uma manobra. O primeiro, claro, é a meia volta; o segundo, a volta completa.

50-50

Smooth 50-50 | SKATEBOARD Amino

Quando o assunto é 50-50, ou melhor, “Fifty-fity” (ou só “Fifty” mesmo), é na parte debaixo do skate que você tem que pensar. Durante uma manobra de deslize, quando os dois trucks (ver abaixo) encostam ao mesmo tempo no objeto deslizado, acontece um 50-50.

5-0

O 5-0 (“fiveoh”), por sua vez, é a manobra em que apenas um dos trucks desliza sobre o um objeto.

Back

Abreviação de Backside, essa é uma das mais usadas gírias de skatistas e uma das principais maneiras de variar manobras. A tradução é um tanto literal: lado de trás.

No skate, isso quer dizer estar de costas em relação ao objeto que você vai saltar ou deslizar, mas principalmente de costas à direção na qual você irá girar durante uma manobra.

Bank e Bowl

Bowl Skate

Band e Bowl são mais termos para desenhos de pistas do que necessariamente gírias de skatistas. O bowl, que inglês quer dizer “tigela” ou “cumbuca”, tem justamente esse formado, côncavo e aprofundado. Quando o bowl tem paredes menores, passa a ser chamado de bank.

Cantoneira

A cantoneira é a gíria de skate para as bordas metálicas, geralmente de ferro, que são usadas em pistas e obstáculos.

Carving

Uma das gírias de skatistas mais usadas pelos adeptos do longboardcarving se refere ao deslizar das rodas pela pista, seja de maneira brusca, quase como um freio, seja de maneira suave, navegando pelo balanço do shape (ver abaixo) e das rodas.

Drop

Drop, dropar, dropada, enfim, é outra das mais populares gírias de skatistas. Isso porque ela se refere ao início do movimento de um skatista em uma rampa ou pista. É aquele movimento descendente dado no skate logo na borda de uma descida.

Fakie

O andar natural do skate é com um pé no meio da prancha e outro na ponta traseira e indo para frente. O fakie se refere ao contrário de disso, seja com essa postura mas com o skate indo para trás, seja com um dos pés na ponta frontal e indo para frente.

Freestyle

O freestyle é tanto um estilo quanto uma modalidade.  O primeiro, no caso, é daqueles adeptos ao segundo. Neles, enfim, o skatista de freestyle prefere ou tem que fazer as suas manobras no chão plano, sem obstáculos

Front

O front é o oposto de back, isto é, uma abreviação de frontside. É uma gíria de skate um pouco menos usada, já que o sentido natural em muitas manobras. Em giros, no entanto, é tanto usado quanto o seu antônimo.

Gap

Tá aí mais uma das mais usadas gírias de skatistas. Gap é qualquer vão, espaço ou distância entre duas plataformas, sejam elas dois bancos ou dois telhados. É também normal falar em “fazer o gap” quando há uma manobra que percorre esses espaços.

Goofy

4 tipos de skates e suas principais características - Hawaii Surf Point!

Goofy é uma das posturas para se andar de skate. É quase como ser destro ou canhoto no sentido da orientação corporal com a qual se faz as manobras. Nesse caso, é mais comum que canhotos sejam goofy, já que a postura é feita com o pé direito sobre a prancha e o pé esquerdo entre a remada (ver abaixo) e o tail (também ver abaixo)

Grab

Grab”, em inglês, quer dizer “agarrar”. Nas gírias de skatistas, o significado é o mesmo. Muito usada em manobras de skate vertical (ver abaixo).

Curte outros esportes além do skate? Confira também:

Grind

Grind é o termo que não pode faltar em nenhum dicionário de skate. Trata-se de uma “classe” de manobras do skate, onde ele é deslizado por superfícies lisas como corrimões, guias de rua e outras quinas.

Half

Sandro Dias skate vertical

Abreviação de halfpipeuma das mais populares rampas de skate que existem. Em inglês, a palavra pode ser traduzida para “meio tubo”, o que é uma descrição precisa, já que o half é um semicírculo, só que tridimensional.

Handrail

Handrail é uma gíria de skate mais simples; é apenas uma tradução para corrimão.

Nose

O nose é outras das mais usadas gírias de skatistas. Ela, afinal, descreve uma parte da “anatomia” do skate. Trata-se a borda frontal, na superíficie da prancha, claro. Seu nome faz sentido, já que nose, em inglês, quer dizer “nariz”.

Menos curvada do que o lado o oposto, é também menos usada para as batidas das manobras.  Até porque é realmente mais difícil fazê-las assim. Ao mesmo tempo, cria toda uma classe de movimentos e desafios.

Park

Outra abreviação entre as gírias de skatistas, no caso de Skatepark, a pista de skate, em tradução livre. Recentemente passou a ser a designação de uma modalidade — olímpica inclusive — que combina formações diferentes de bowls, banks, rampas e corrimões.

Pro

Abreviação para profissional, é uma das gírias de skatistas muito usadas nas cenas das pistas públicas. Pode ser usada para exaltar alguém ou para se referir à situação de sua carreira, isto é, se já entrou em competições profissionais, conseguiu patrocínio, etc.

Rail

rail é outra das porções “anatômicas” do skate. É a parte inferior lisa entre as rodas.

Remada

Skatistas: História do Skate

A remada não é só uma das gírias de skatistas mais usadas, é um dos movimentos mais usados também. É básico, afinal: o impulso dado com um dos pés para fazer o skate andar.

Regular

Regular é o oposto de goofy e portanto uma das posturas (ou stances) do skate. Nela, o pé esquerdo se apoia no meio da prancha, enquanto o pé direito fica entre a remada e o tail.

Rolamento

Peça essencial para o skate, o rolamento é aquela espécie de bolinha que fica dentro das rodas. Serve para aumentar a precisão e velocidade das rodinhas e, portanto, de todo o skate.

Session

Uma das mais populares gírias de skatistas, session, ou sessão, é toda e qualquer andada de skate dada em um lugar, seja na rua, na pista ou em um parque. É praticamente um sinônimo de “rolê”.

Shape

O shape é um sinônimo — e o termo mais usado — para a prancha do skate, isto é, para a a parte de madeira e a lixa.

Street

Street, assim como freestyle, é um estilo e uma modalidade. Na modalidade, são colocados os obstáculos de rua (corrimões, guias, caixotes) dentro de uma pista, com os competidores somando notas por suas manobras.

O estilo é para quem gosta de andar na rua mesmo e fazer suas manobras e calçadas, escadarias, bancos e tudo mais que estiver disponível.

Tail

O tail é oposto do nose. A tradução da palavra é “rabo”, o que também o define bem. Trata-se, afinal, da ponta traseira do skate, a que é mais usada para fazer o skate saltar, mudar de direção e para mantê-lo parado ou até mesmo posicionado para o drop.

Truck

Altura de truck do skate

O truck é a provavelmente a peça mais importante do skate, que une shape e rodas e dá, ao mesmo tempo, a flexibilidade para balançar e a sustentação para aterrissar as manobras.

Vert

Mais uma abreviação, dessa vez de vertical, que é a parte reta, em 90º de inclinação, de uma rampa. Também é uma das gírias para o estilo de certos skatistas mais chegados em manobras aéreas.

Depois de conhecer as gírias de skatistas, aproveite para conferir outros conteúdos sobre skate:

*Última atualização em 27 de abril de 2021

Salvar