Na última sexta-feira (8), aconteceram os dois primeiros treinos livres do GP da Turquia, em Istambul Park (que fica a 36 km do centro de Istambul). Assim, em ambos os treinos livres, o heptacampeão Lewis Hamilton foi o mais rápido das sessões. Entretanto, com diferentes pilotos ocupando a 2ª e a 3ª posição em cada treino.

Apesar de ter sido o mais rápido, o piloto da Mercedes começou o fim de semana ciente de que largará dez posições atrás no grid de largada no domingo (10). Já que Hamilton acabou optando por trocar uma peça de seu motor, e por consequência, pegando a punição.

Treino livre 1 no GP da Turquia

Em suma, as luzes de Istambul Park ficaram verde exatamente às 11h30 da manhã (5h30 da manhã em Brasília) para iniciar o 16º fim de semana de corrida da temporada 2021. Assim, as equipes entraram neste fim de semana sem saber o que esperar. Já que o GP da Turquia passou nove anos longe da F1.

Além disso, quando voltou, no ano passado, estava com o asfalto completamente diferente e com chuva, o que fez com que nenhum piloto se adaptasse às condições da pista.

Contudo, nos primeiros minutos de treino livre, deu para perceber que as condições da pista estavam bem melhores do que as apresentadas em 2020. Já que, logo nos primeiros 12 minutos de atividades na pista, Lewis Hamilton quebrou o recorde de volta mais rápida da pista. Então, o inglês anotou um incrível tempo de 1:24:178. Jogando para escanteio o antigo recorde de 1:24.770 marcado por Juan Pablo Montoya em 2005.

Já na 2ª posição, ficou seu grande rival nesta temporada, o holandês Max Verstappen, da Red Bull Racing. Entretanto, Max anotou um tempo de 1:24.603. Sendo assim, 0.425s mais lento do que Hamilton.

Por fim, na 3ª colocação, estava o monegasco Charles Leclerc, representando a Ferrari. Portanto, Leclerc anotou um tempo de 1:24.654. Ficando menos de 0.100s atrás de Verstappen. Em suma, outros destaque desta sessão foram o finlandês Valterri Bottas, 4º colocado, que em certos momentos chegou a ser vice-líder. E o companheiro de Leclerc, Carlos Sainz, ficou em 5º lugar. Apesar disso, Sainz já sabe que vai largar da última posição no domingo (8), já que trocou completamente seu motor.

Treino livre 2

Já o 2º treino livre teve sua sessão aberta exatamente às 15h (9h da manhã no horário de Brasília). Em suma, esta também teve domínio amplo do heptacampeão Lewis Hamilton. Já que o inglês da Mercedes abaixou ainda mais seu tempo em relação ao 1º treino livre. Assim, ele anotou uma marca de 1:23.804, abaixando para a casa de 1 minuto e 23 segundos pela primeira vez no fim de semana. Vale lembrar que ele abaixou ainda mais o recorde da pista.

E na 2ª colocação, mais uma grande performance de Charles Leclerc. Então, o monegasco da Ferrari também abaixou para a casa de 1 minuto e 23 segundos, com um tempo de 1:23.970. Sendo assim, 0.166s mais lento do que o líder. Os lideres foram os únicos, por enquanto, que abaixaram para a casa de 1m23s no fim de semana.

Para fechar o top 3, classificou se em 3º, Valterri Bottas. Assim, o finlandês da Mercedes também teve um bom ritmo nesta sexta-feira de treinos do GP da Turquia, com um tempo de 1:24.842. Apesar de estar muito atrás de seu companheiro de equipe (0.410s atrás nesta sessão e 0.664s na 1ª sessão).

Destaque negativo para Max Verstappen nesta sessão. Já que o holandês, de motor novo, ficou apenas com o 5º melhor tempo, ainda ficando atrás de seu companheiro de equipe, Sergio Perez. Em suma, o piloto nº 33 anotou um tempo de 1:24.439 (0.635s mais lento do que o líder Hamilton).

Foto Destaque: Divulgação/F1

Salvar