Depois de cinco GPs realizado este ano, o piloto estreante da Williams, Logan Sargeant, ainda espera marcar seus primeiros pontos na Fórmula 1. Em um esporte onde o bom desempenho é exigido imediatamente, rumores já surgiram sobre sua posição estar ameaçada na equipe.

Mesmo na Williams, a menor equipe do grid, os pilotos precisam ter bom desempenho. Inicialmente, seu companheiro de equipe é o referencial, e na Williams, Alexander Albon é o mais rápido dos dois. Sargeant sabe que há muitos pilotos prontos para substituí-lo, caso a equipe decida fazer isso, mas ele comentou:

No momento, só tenho que me preocupar em ficar aqui”, disse ele ao New York Times.

Sargeant é o único piloto americano no grid da F1. Com o aumento do interesse pela categoria nos Estados Unidos, a Williams parece interessada, em parte por razões de patrocínio, a manter Sargeant no time, mas o chefe da equipe, James Vowles afirmou:

Estou incrivelmente satisfeito com o crescimento da F1 nos EUA, mas acho que seria hipocrisia dizer que Logan está aqui por qualquer outro motivo que não seja o puro talento dele”, afirmou.

Por enquanto, Sargeant parece confiante em seu lugar, a julgar pelos elogios que está recebendo de Vowles:

Ele tem esse desejo insaciável de ser melhor, de querer mais. Ele é um perfeccionista, e gosto disso nele”, encerrou o chefe da Williams.

Classificação do mundial após GP de Miami

  1. Max Verstappen, 119 pontos
  2. Sergio Pérez, 105
  3. Fernando Alonso, 75
  4. Lewis Hamilton, 56
  5. Carlos Sainz Jr., 44
  6. George Russel, 40
  7. Charles Leclerc, 34
  8. Lance Stroll, 27
  9. Lando Norris, 10
  10. Pierre Gasly, 8
  11. Nico Hülkenberg, 6
  12. Esteban Ocan, 6
  13. Valtteri Bottas, 4
  14. Oscar Piastri, 4
  15. Zhou Guanyu, 2
  16. Yuki Tsunoda, 2
  17. Kevin Magnussen, 2
  18. Alexander Albon, 1
  19. Logan Sargeant, 0
  20. Nyck de Vries, 0

Aproveite para se aprofundar ainda mais no esporte com nossos outros conteúdos: