Tudo sobre ciclismo de estrada: como surgiu, as disputas em Olimpíadas, principais competições, tipos de ciclistas e a bike speed

Entre todas as modalidades do ciclismo, o ciclismo de estrada é o mais famoso. Mas você conhece as regras e os formatos de provas?

Se quer saber tudo sobre o ciclismo de estrada, você está no lugar certo.

Aqui, vamos contar todos os detalhes da história dessa modalidade e sua chegada às Olimpíadas. Explicaremos as regras das provas olímpicas do ciclismo de estrada e também como funcionam as principais competições, como o Tour de France, o Giro D’Itália e a Volta a Espanha.

Não perca tempo e se torne expert em ciclismo de estrada!

História do Ciclismo de Estrada

História do ciclismo
História do ciclismo começou com provas de estrada, como acontece no Tour de France

O ciclismo de estrada foi a primeira modalidade a ser disputada quando iniciaram as competições utilizando bicicletas, na segunda metade do século 19.

A primeira competição ocorreu em 31 de maio de 1868, no Parc de Saint-Cloud, em Paris. O britânico James Moore, que chegou em primeiro lugar, é considerado o primeiro ciclista a vencer uma prova.

Moore foi também o primeiro vencedor de uma prova de ciclismo entre cidades. Ele precisou de 10 horas e 25 minutos para completar o percurso de 123 km entre Paris e Rouen, em 1869.

Nas décadas seguintes, o ciclismo ganhou mais praticantes e foi incluído no programa da primeira edição dos Jogos Olímpicos, em Atenas, em 1896. 

Ciclismo de Estrada nas Olimpíadas

Ciclismo de estrada
Ciclismo de estrada é a mais antiga de todas as modalidades do ciclismo

A primeira prova olímpica do ciclismo foi disputada no mesmo trajeto que a tradicional maratona dos primeiros Jogos. Os ciclistas largaram em Atenas, foram até a cidade de Marathon e retornaram à capital grega.

Depois de um período de ausência nas três edições olímpicas seguintes (Paris, St. Louis e Londres), o ciclismo voltou aos Jogos Olímpicos em Estocolmo, em 1912. Desde então, sempre se manteve no programa olímpico.

As mulheres, entretanto, entraram na disputa do esporte somente em Los Angeles, em 1984, com a prova individual de estrada.

Atualmente, há 5 modalidades de ciclismo no programa dos Jogos Olímpicos. No ciclismo de estrada, as competições são divididas entre provas de estrada e provas contrarrelógio. Conheça as regras logo abaixo!

Regras das provas de Ciclismo de Estrada nas Olimpíadas

Regras do Ciclismo de Estrada
Ciclismo de estrada é disputado sem pausas desde a Olimpíada de Estocolmo, em 1912

O Ciclismo de Estrada têm provas de resistência e contra o relógio, tanto no masculino como no feminino.

Nas Olimpíadas, as provas de estrada são individuais. Na competição de resistência, quem chegar primeiro será o vencedor. Já na disputa contrarrelógio, vence quem fizer o percurso em menor tempo.

Em Jogos Olímpicos, ao todo, são 211 atletas na modalidade, sendo 144 homens e 67 mulheres.

Regras do percurso do ciclismo de estrada

As provas do ciclismo de estrada podem ser disputadas em circuitos, desde que eles tenham no mínimo 10 km de extensão. 

Se parte da prova passar por um circuito, a regra indica que ele tenha pelo menos 3 km.

Caso a parte do trajeto disputada em circuito tenha de 3 a 5 km, os atletas poderão dar no máximo 3 voltas. Se for entre 5 e 8 km, o limite passa a ser de 5 voltas. Entre 8 e 10 km, são no máximo 8 voltas.

Regras das provas de resistência do ciclismo de estrada

Regras da prova de resistência do ciclismo de estrada em Olimpíadas
Prova masculina de resistência no ciclismo de estrada nas Olimpíadas têm 144 atletas

A prova de resistência do ciclismo de estrada nas Olimpíadas é disputada por todos os atletas e dura mais de cinco horas, no masculino, e quatro, no feminino. 

O percurso na disputa masculina tem 241,5 km no masculino e 141 km no feminino.

Regras das provas contrarrelógio do ciclismo de estrada

Regras do ciclismo de estrada contrarrelógio
No Rio, norte-americana Kristin Armstrong se tornou tricampeã no ciclismo de estrada contrarrelógio

Nos Jogos Olímpicos, apesar de todos os atletas classificados disputarem a prova de resistência, somente 65 (40 homens e 25 mulheres) correm contra o relógio no ciclismo de estrada.

Os ciclistas da prova contrarrelógio largam individualmente, a cada 90 segundos, justamente para que o competidor faça todo o percurso sozinho, sem poder pegar o vácuo de outra bicicleta e enfrentando o vento de frente.

O vencedor da prova contrarrelógio é aquele que realizar o percurso em menos tempo.

Na prova masculina, a distância é de 54,5 km. Já no feminino, as atletas percorrem 29,8 km.

As provas descritas acima são aquelas disputadas em Jogos Olímpicos, mas há outros formatos de competições, como as provas por etapas ou estágios. 

As competições mais famosas do ciclismo, como a Volta da França, o Giro D’Itália e a Volta a Espanha, são provas de ciclismo de estrada por etapas. Ainda que haja um ciclista que seja o vencedor, elas são disputadas por equipes.

Saiba mais sobre elas a seguir!

Principais competições do Ciclismo de Estrada

Além das disputas individuais de resistência e contrarrelógio realizadas nas Olimpíadas, as provas de ciclismo de estrada podem ser disputadas em diferentes formatos. Há as competições de apenas um dia, como as famosas voltas que têm 21 etapas.

Veja a diferença entre cada uma dessas provas:

Provas clássicas de um dia

Paris-Roubaix é uma das provas de um dia mais tradicionais do ciclismo
Paris-Roubaix é uma das provas de um dia mais tradicionais do ciclismo

São as competições de ciclismo de estrada que acontecem em um único dia, com apenas uma largada e uma chegada. Elas são conhecidas também como provas clássicas.

Há muitos ciclistas que se especializam nesse tipo de disputa e ganham destaque ao vencer provas como as clássicas de primavera, Paris-Roubaix, Milão-Sanremo e Liège-Bastogne-Liège.

Provas contrarrelógio por equipes ou individuais

Prova de ciclismo de estrada contrarrelógio
Prova de ciclismo de estrada contrarrelógio pode ser por equipes ou individual

As provas contrarrelógio podem ser realizadas com um ciclista correndo sozinho ou acompanhado por seus companheiros de equipe.

Seja no formato individual ou por equipes, vencerá quem realizar o percurso em menor tempo.

Os atletas e as equipes largam separadamente, para fazerem os percursos sozinhos, sem poder pegar o vácuo de outra bicicleta.

Ultramaratonas

Race Across America ultramaratona de ciclismo
Race Across America é a mais importante ultramaratona de ciclismo, com 5 mil quilômetros de distância

São provas com grandes distâncias e disputadas ao longo de muitos dias. Não há estágios predefinidos. Os competidores devem administrar o próprio tempo para conseguir finalizar todo o percurso o mais rápido possível.

A mais conhecida prova desta modalidade é o Race Across America (RAAM), que tem 5 mil quilômetros de distância. 

Provas por etapas ou estágios

Volta da França ou Tour de France
Volta da França ou Tour de France é a mais tradicional prova por estágios do ciclismo

As provas por etapas ou estágios envolvem as competições mais famosas do ciclismo: Volta da França, o Giro D’Itália e a Volta a Espanha.

No caso das maiores competições, a prova é disputada em 21 etapas, além de dois dias de descanso. Já as menores provas por etapas acontecem em pelo menos dois dias.

Nessas provas, o vencedor é aquele que tiver o melhor tempo no somatório de todas as etapas.

Disputas por camisas no ciclismo

Camisas da Volta da França ou Tour de France
Volta da França premia ciclistas com camisas amarela, verde, branca com bolinhas e branca

Além da competição pelo menor tempo, há disputas por camisas dentro da mesma prova. 

O líder do Tour de France veste a famosa camisa amarela e o melhor ciclista com até 26 anos recebe a camisa branca.

No caso da Volta da França, o ciclista que lidera a competição por pontos veste a camisa verde, enquanto o primeiro colocado das etapas em montanhas veste a camisa branca com bolinhas vermelhas.

A competição por pontos premia o ciclista que for o mais regular. Assim, cada colocação ao fim de uma etapa ou uma meta específica vale uma pontuação, em formato similar ao que acontece no campeonato da Fórmula 1.

Já a competição por montanha, como o próprio nome indica, premia quem conquistar mais pontos ao cumprir metas nas disputas em trajeto montanhoso.

Estratégia da disputa por equipes no ciclismo de estrada

Equipes da Volta da França ou Tour de France
Equipes de ciclismo trabalham para proteger o líder e deixá-lo mais perto da vitória

Ainda que um ciclista seja declarado vencedor, as provas por estágios no ciclismo de estrada são disputadas por equipes. Normalmente, são 22 equipes com 9 ciclistas, totalizando 198 competidores.

As equipes trabalham para proteger um líder e evitar que ele se canse, sempre respeitando a estratégia que foi estabelecida previamente. Assim, há a expectativa de que o líder esteja em melhores condições para atingir o melhor desempenho na hora da chegada.

Entre os ciclistas de uma equipe, há atletas com diferentes características, especialidades e funções. Veja como elas são divididas.

Tipos de ciclistas no ciclismo de estrada

  • Escalador: ciclista especialista em subidas de montanhas.
  • Contrarrelogista: ciclista especialista em provas individuais contra o relógio.
  • Velocista ou sprinter: ciclista capaz de atingir grandes velocidades em curtas distâncias.
  • Domestique ou gregário: ciclista que sacrifica seu desempenho para ajudar a equipe.
  • Passista: ciclista capaz de manter um ritmo de competição por um período prolongado, geralmente por várias horas. 

Conheça, a seguir, as características das bicicletas do ciclismo de estrada e como elas podem ajudar os atletas a serem mais rápidos!

Bicicleta do Ciclismo de Estrada

Bicicletas de ciclismo de estrada são conhecidas como bike speed
Bicicletas de ciclismo de estrada são conhecidas como bike speed

No ciclismo de estrada, as bicicletas precisam ser leves, resistentes e confortáveis. Em provas de resistência, os ciclistas passam muitas horas pedalando. Já no contrarrelógio, a aerodinâmica é o fator primordial. 

As bicicletas para as provas de estrada são chamadas de speed. Geralmente, são feitas com quadro de carbono e outros materiais leves. O peso não chega a 7kg. 

Além disso, o guidão é propositalmente baixo, o que permite ao ciclista uma boa economia de energia, além de uma aerodinâmica mais favorável.

Se quiser competir no ciclismo de estrada, você precisará de uma bike speed.

Agora que você conhece tudo sobre o ciclismo de estrada, aproveite para ficar por dentro de outros esportes:

*Última atualização em 29 de janeiro de 2020

Comentários

Salvar
27 Compart.
Compartilhar4
Twittar
Compartilhar
WhatsApp
Pin23