Nesta sexta-feira (8), Pinheiros e Osasco se enfrentaram no segundo jogo da semifinal do Campeonato Paulista de Vôlei Feminino 2021. Sendo assim equipe visitante venceu por 3 sets a 1. Dessa maneira, o Osasco é o primeiro time a garantir vaga na final do torneio feminino. Somado a isso, o atual campeão paulista chega a sua 11ª final consecutiva e vai em busca do 16º título estadual.

Melhores momentos – Pinheiros x Osasco

1º set: ataque do time visitante faz a diferença

Em primeiro lugar, o Osasco se destacou nos ataques e contra-ataques. A levantadora Fabíola usou bastante tanto as centrais (Fabiana e Adams) quanto as ponteiras (Carla e Michelle). Entretanto, a bola de segurança era da oposta Tiffany. Com um bom momento de Osasco, Rose (levantadora) e Camila Mesquita (oposta) entraram na inversão como alternativa do técnico Reinaldo Bacilieri, porém saíram na sequência.

Por outro lado mesmo com vantagem no placar, Luizomar de Moura fez uma troca simples de levantadoras , colocando a jovem Kenya no lugar da experiente Fabíola. Substituição que foi desfeita logo em seguida. Sendo assim, a equipe visitante fechou o set em 25 x 23. Por fim, apesar de uma primeira parcial bastante disputada, os times somaram 13 pontos em erros.

2° set: com Tiffany decisiva, Osasco amplia a vantagem

De antemão, o set começou com as centrais de ambos os times de destacando, por um lado Rachael Adams e do outro Gabi Martins. Em seguida, Tiffany marcou o primeiro ponto de saque do jogo. Sendo assim, a oposta osasquense seguiu sendo a maior pontuadora da parcial. Com o placar adverso, o técnico do E.C. Pinheiros voltou a fazer a “inversão do 5 x 1” com Rose (levantadora) e Camila Mesquita (oposta). Dessa vez, a substituição funcionou muito bem.

Já pelo lado de Osasco, Luizomar de Moura mexeu na equipe colocando Silvana (ponteira) no lugar de Fabiana (central) direto para o saque. Em contrapartida, com o placar 23 x 18 contra, Alexia entrou para sacar para o Pinheiros. Após dois grandes saques da ponteira pinheirense, quebrando a recepção do adversário, ambas as alterações foram desfeitas. Dessa forma, o atual campeão paulista fechou em 25 x 19 e ampliou vantagem na série.

3° set: Camila Mesquita e Talia lideram a reação de Pinheiros

Com uma boa sequência de saque da ponteira Sonaly, a equipe do E.C. Pinheiros se distanciou no placar logo de início. No entanto, logo na sequência, foi a vez de Carla fazer a diferença nos saques e o time de Osasco passar a frente. Dessa maneira, Reinaldo Bacilieri fez uma troca simples de opostas, colocando Camila Mesquita no lugar de Edinara.

Vale destacar que, as centrais de ambas as equipes continuaram se destacando na partida. Contudo, Camila Mesquita se tornou a bola de segurança para o time azul e preto. O placar seguia apertado em 16 x 15, até que Talia foi para o saque. Com isso, após uma sequência de 4 saques, o Pinheiros disparou no placar. Por fim, com 24 x 18 a favor, Alexia entrou para sacar no lugar de Sonaly, e a oposta Mesquita fechou o set em 25 x 18.

4ª set: Camila Brait e a vitória de Osasco

O quarto set foi disputado ponto a ponto, com Pinheiros e Osasco se alternando na liderança do placar. Em contrapartida, com 14 x 14, Luizomar de Moura vltou a colocar Silvana para sacar, dessa vez no lugar de Carla. Assim, a ponteira fez dois lindos saques, incluindo um ace e obrigou o técnico adversário a parar o jogo.

Na reta final do jogo, Kenya voltou a entrar no lugar da levantadora Fabíola, porém a substitução não demorou para ser desfeita. Pelo lado da casa, Edinara (oposta) e Rose (levantadora) entraram em mais uma “inversão do 5 x 1″, mas saíram logo na sequência.

Com 20 x 23 no placar, Reinaldo Bacilieri fez a última mudança e colocou a ponteira Alexia no saque. Por fim, com destaque para a grande partida da líbero Camila Brait, a equipe de Osasco o set em 21 x 25.

Pinheiros e Osasco – E agora?

Em suma, com a vitória nos dois jogos da semifinal, Osasco espera o seu oponente para a grande final. Vale lembrar que, o adversário sairá do confrontro entre Barueri x Sesi Bauru, neste sábado (9), às 21h30 (horário de Brasília), no ginásio José Corrêa, em Barueri SP. Em contrapartida, o E.C. Pinheiros foi eliminado da competição.

Foto destaque: DIVULGAÇÃO/OSASCO VOLEIBOL CLUBE

Salvar