Tubo, rasgada, aéreo, batida, cavada, floater… saiba quais são as manobras do surf e veja como são feitas com a ajuda de vídeos

Você conhece todas as manobras do surf? 

À primeira vista, o surf não tem um leque tão grande de movimentos que podem ser feitos com a prancha no mar. Porém, as variações de vento e da formação das ondas proporcionam uma grande variedade de combinação de manobras.

O importante é saber como cada um delas deve ser executada. Por isso, preparamos um guia com todas as manobras do surf, com vídeos que ajudam a compreender quais são os movimentos feitos na água.

Não perca tempo e confira quais são as manobras do surf! 

Todas as manobras do surf

  • Tubo
  • Batida
  • Rasgada
  • 360º
  • Floater
  • Cut back
  • Aéreo
  • Grab rail
  • Cavada
  • Layback

Tubo

Tubo no surf

No tubo, o surfista fica fica completamente dentro da onda. É preciso ter o domínio certo para não acelerar e ficar à frente do tubo, nem ser lento demais e acabar engolido pela onda. 

Para diminuir a velocidade, o surfista pode colocar a mão na onda ou pôr mais pressão no pé de trás. Já para acelerar, o peso deve ser direcionado para a frente, buscando um movimento de zigue-zague dentro da onda.

O tubo é uma das manobras de surf que mais geram pontuação em competições. Na disputa do Pipe Masters de 2019, a última etapa da temporada da WSL, o duelo entre os campeões mundiais Ítalo Ferreira e Gabriel Medina foi marcado por lindos tubos.

Foi um tubo perfeito que deu a Kelly Slater a nota 10 na etapa de Billabong Rio Pro, em 2014.

Batida

Manobra de batida no surfAs batidas são manobras muito usadas no surf e podem valer muitos pontos. Para executá-la, o surfista bate com a parte de baixo da prancha no lip (crista da onda). 

A execução da batida do lip depende de um ganho de velocidade na parte de baixo da onda. Assim, o surfista deve subir jogando praticamente toda a parte da frente da prancha para fora da onda antes de girar o corpo e direcionar a rabeta para a frente.

Rasgada

Manobra de batida no surf

Na rasgada, o surfista faz um movimento brusco de descida logo depois de subir na onda. Para isso, joga a rabeta, ou parte de trás da prancha, para a frente e vira o corpo na direção da onda, forçando o pé de trás para espirrar o máximo de água possível. 

Essa é uma das manobras mais comuns em campeonatos, pois gera boa pontuação e não tem grau de dificuldade tão elevado quanto um aéreo.

360º

360 no surf executado por Kelly Slater

No 360, o surfista efetua uma volta completa sobre si mesmo, utilizando a prancha, e continua na mesma direção. 

Essa manobra parece com uma batida, mas é completada no sentido contrário, pelo lado da espuma e não pela face da onda. Por isso, exige muita técnica.

Você ama outros esportes além do Surf? Aqui na Esportelândia também falamos sobre:

Floater

Floater no surf

No floater, quando a onda começa a se fechar, o surfista desliza sobre a espuma e volta para a onda. É um movimento similar às manobras do skate sobre corrimãos de escadas. 

Plasticamente, o floater é uma das manobras mais bonitas do surf.

Cut back

Cutback surf

O cut back é uma manobra em que o atleta volta na direção contrária da onda e depois regressa na direção normal. É uma manobra com um movimento de corte quando a onda perde energia.

Essa era uma das manobras mais importantes do surf no período em que o peso da prancha ainda dificultava a execução da rasgada ou de aéreos.

Na sua execução, o surfista deve definir corretamente o momento de início e fim do movimento para não ser apanhado pela onda. 

A técnica do cut back envolve fases de back side e front side, além de uma boa noção de tempo e espaço.

Aéreo

Manobras aéreo no surf

O aéreo tem diferentes variações, mas é nada menos do que um voo sobre a onda. 

Para executá-lo, o surfista deve usar a onda como um trampolim, pular sobre a crista e fazer um movimento no ar para completar a manobra com uma aterrissagem em pé (para valer a pontuação), continuando na onda. 

Existem diversas variações de aéreo, dependendo da habilidade do surfista para se movimentar com a prancha enquanto estiver no ar. 

Atualmente, os aéreos são manobras que mais geram pontuação em campeonatos de surf. Entre os especialistas, estão os brasileiros Ítalo Ferreira e Gabriel Medina.

Medina foi o primeiro surfista a realizar um backflip em uma etapa do circuito mundial.

Gabriel Medina backflip

Grab rail

Grab rail no surf

Para executar esta manobra, o surfista deve colocar a mão na borda da prancha para fazer um backside, em um movimento com as costas voltadas para a parede da onda.

Vá além do mundo do Surf! Confira também nossos outros conteúdos:

Cavada

Cavada no surf

Nesta manobra, o surfista faz uma curva na base da onda para ganhar velocidade e, depois, ir na direção da crista.

A cavada pode ser realizada tanto de frontside, quando o surfista está de frente para a parede da onda, quanto de backside, se estiver de costas.

Layback

Manobra Layback no surf

O layback é uma manobra de alto grau de dificuldade e exige flexibilidade. 

Para executá-la, é preciso ter uma boa cavada, para entrar de frente para a onda. Na sequência, é preciso chutar a rabeta, para trocar de borda. Assim, o surfista deve encostar as costas na água, como se estivesse se deitando na onda.

O segredo para a conclusão do layback é aproveitar o fluxo da água nas costas, puxar a prancha com o pé e pegar o impulso para se levantar.

Fato é que todas as manobras de surf dependem de muito treinamento para serem bem executadas.

Qual a sua manobra de surf preferida? Conte para a gente nos comentários!

Agora que você já conhece todas as manobras de surf, aproveite para alimentar sua paixão pelo esporte com mais conteúdos:

Comentários

Salvar
17 Compart.
Compartilhar2
Twittar
Compartilhar
WhatsApp
Pin15