A novela entre Felipe Massa e a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) ganhou mais um capítulo importante.

Confrontando a Fórmula 1, FIA e Bernie Ecclestone na busca pelo título mundial de 2008, o ex-piloto da categoria continua empenhado em encerrar a narrativa com um desfecho favorável.

Felipe Massa abre processo contra FIA, Fórmula 1 e Ecclestone

Nesta segunda-feira (11), Felipe Massa oficializou uma ação na Superior Corte de Justiça de Londres contra a Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e Fórmula 1. Além disso, o atual piloto da Stock Car da categoria moveu outra medida judicial contra Bernie Ecclestone, ex-presidente da F1.

A ação movida por Felipe Massa gira em torno da contestação do resultado do campeonato de Fórmula 1 de 2008 e, especialmente, da decisão de não anular o GP de Singapura daquele ano.

Em entrevista exclusiva ao GE, Massa abriu o jogo para falar sobre a decisão de lutar na justiça pelo título mundial de 2008.

Sempre disse que iria brigar até o final. Como a FIA e a FOM decidiram não fazer nada, buscaremos a correção desta injustiça histórica nos tribunais. O assunto agora está com os advogados e eles estão plenamente autorizados a fazer o que for necessário para que a justiça no esporte seja feita.

Felipe Massa exige indenizações milionárias

De acordo com informações divulgadas pelo jornalista Lauro Jardim, do “O Globo”, Felipe Massa estaria buscando em ambas as ações uma compensação estimada entre 64 e 150 milhões de libras, o que equivale a valores de R$ 400 milhões a R$ 960 milhões.


Aproveite para se aprofundar ainda mais no esporte com nossos outros conteúdos: