Tudo sobre a história de Kelvin Hoefler: como começou no skate e as conquistas para se tornar um dos melhores do mundo no street

O Brasil é uma das principais potências no skate mundial e acumula conquistas em várias modalidades. No street masculino, Kelvin Hoefler é um dos principais responsáveis pelo sucesso do país.

Um dos melhores skatistas do mundo em street, o paulista é um dos grandes candidatos a brigar por medalhas na Olimpíada de Tóquio.

Os resultados alcançados até aqui mostram que Kelvin merece sim atenção especial.

Fique com a gente e conheça todos os detalhes da história deste craque do skate!

Quem é Kelvin Hoefler?

Quem é Kelvin Hoelfer
Kelvin Hoefler foi campeão da Street League Skateboarding (SLS) em 2015

Kelvin Hoefler é um skatista profissional brasileiro. Nascido no Guarujá, em São Paulo, em 10 de fevereiro de 1994, ele é especialista em street e um dos melhores atletas do mundo na modalidade. 

O skatista paulista já conquistou 6 títulos mundiais de street pela WCS (World Cup Skateboarding) e foi campeão da Street League Skateboarding, principal competição da modalidade em todo o mundo.

Nas disputas de skate dos X Games, principal evento de esportes radicais do planeta, ele tem, até aqui, duas medalhas de ouro, uma prata e dois bronzes. 

Com muitas conquistas expressivas, Kelvin Hoefler é uma das principais esperanças de medalhas para o Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio. A edição de 2020 será a primeira com a disputa do skate.

Curiosamente, a história de Kelvin no skate começou dentro de casa. Entenda melhor logo abaixo!

Quando e como Kelvin Hoefler começou a andar de skate?

História de Kelvin Hoefler
Incentivado pelo pai, Kelvin Hoefler se tornou um dos melhores do mundo em street

Kelvin Hoefler começou a andar de skate quando tinha apenas 8 anos. As primeiras pistas foram improvisadas dentro da própria casa, com a ajuda do pai, que foi seu principal incentivador no esporte.

Foi o pai de Kelvin quem deu a ele o seu primeiro skate. Como eles moravam em uma rua de terra no Guarujá, no litoral paulista, o então garoto andava dentro de casa, indo da cozinha até a garagem, onde foi improvisada uma mini rampa e alguns obstáculos.

Em entrevista ao jornal O Globo, Kelvin relembrou como atrapalhava a novela da mãe. “Ela ficava p… da vida quando eu passava de skate na frente da TV da sala”, disse.

Segundo o próprio skatista, a disciplina para se tornar um atleta profissional foi fruto das orientações e rigidez impostas pelo pai, que é policial militar. 

“Meu pai me botou na linha para eu ser um cara competitivo. O skate sempre foi estilo de vida e hoje está indo para uma direção que era o que a gente queria. Agora é só continuar a caminhada que ele me botou”, destacou.

Aos 9 anos, Kelvin conquistou seu primeiro campeonato de skate no Brasil. Nos anos seguintes, ele continuou se destacando até que, em acordo com o pai, decidiu aos 13 anos que seguiria carreira no esporte.

Foi em 2011 que Kelvin Hoefler se tornou skatista profissional. Naquele mesmo ano, ele venceu pela primeira vez a WCS (World Cup Skateboarding), em Roma, na Itália.

Mais dois títulos da WCS vieram em 2012, em Fortaleza e novamente na capital italiana. Nos dois anos seguintes, foi campeão de outras duas edições na capital cearense e uma vez em Moscou.

Em 2014, Kelvin se mudou para Los Angeles, para se aperfeiçoar no skate e ficar mais próximo dos melhores atletas de street do mundo.

A estratégia deu certo e o brasileiro se firmou entre os principais skatistas da modalidade, com mais conquistas expressivas.

Veja, a seguir, quais são os principais títulos de Kelvin Hoefler no skate!

Quais são os principais títulos de Kelvin Hoefler?

Títulos de Kelvin Hoefler
Kelvin Hoefler conquistou duas medalhas de ouro em X Games

Kelvin Hoefler tem uma carreira recheada de conquistas e premiações. Entre os principais títulos do skatista brasileiro, estão 6 edições da WCS (World Cup Skateboarding), um título mundial da Street League Skateboarding (SLS), em 2015, e duas medalhas de ouro nos X Games.

Na Liga Mundial de Street, não demorou para que Kelvin se firmasse entre os melhores do mundo e conquistasse os primeiros troféus. Em 2015, ele se tornou o primeiro calouro a chegar em todas as finais das etapas da SLS e ainda venceu a final.

Kelvin Hoefler superou o multicampeão Nyjah Huston e o também brasileiro Luan Oliveira para ficar com o título da Super Crown World Championship daquela temporada.

Em 2016, ele sofreu um acidente na etapa de Tampa da SLS e ficou fora de combate por quase um ano. Já em 2017, retomou os bons resultados e voltou a figurar no top 5 das competições que disputou.

Foi justamente em 2017 que Kelvin Hoefler conquistou sua primeira medalha de ouro nos X Games. Em Minneapolis, ele foi o único a superar os 90 pontos na final e garantiu a vitória com 92,33 pontos. 

Naquela mesma temporada, ele ficou em terceiro lugar no Super Crown World Championship, da SLS, disputado em Los Angeles.

O bicampeonato dos X Games veio em 2018. Depois de conquistar medalha de prata em Sydney e bronze em Minneapolis, Kelvin Hoefler foi campeão na Noruega. Ele fez 94,33 para levar o ouro, à frente do norte-americano Jagger Eaton e do também brasileiro Felipe Gustavo.

Em janeiro de 2019, Kelvin esteve próximo de conquistar o título da SLS mais uma vez. Na etapa decisiva no Rio de Janeiro, ele fez 37 pontos e ficou com o vice-campeonato, atrás apenas do multicampeão Nyjah Huston, que alcançou 37,6.

Uma nova disputa decisiva da SLS aconteceu no Rio em setembro de 2019. Daquela vez, Kelvin Hoefler terminou na quarta posição, a apenas 0,2 de um lugar no pódio. O título masculino ficou mais uma vez com Nyjah Huston. Já no feminino, as brasileiras Pamela Rosa e Rayssa Leal fizeram uma dobradinha, com ouro e prata.

Principais títulos de Kelvin Hoefler

  • 2019 – Vice-campeão da World Championship SLS – Rio de Janeiro
  • 2018 – Medalha de Ouro nos X Games da Noruega
  • 2018 – Terceiro colocado no SLS Pro London
  • 2018 – Terceiro colocado no Dew Tour Los Angeles
  • 2018 – Terceiro colocado no SLS Los Angeles
  • 2018 – Medalha de Bronze nos X Games Minneapolis
  • 2018 – Medalha de Prata nos X Games Sydney
  • 2018 – Terceiro colocado no SLS Huntington Beach
  • 2017 – Terceiro colocado no no Super Crown SLS Los Angeles
  • 2017 – Medalha de Ouro nos X Games Minneapolis
  • 2017 – Vencedor do Dew Tour Long Beach
  • 2015 – Vencedor do Super Crown SLS Champion em Chicago
  • 2015 – Vencedor do Dew Tour Streetpark Chicago e Los Angeles
  • 2015 – Terceiro colocado no Tampa Pro
  • 2014 – Vencedor do Dew Tour Street Best Trick Contest em Portland
  • 2014 – Segundo colocado no Dew Tour Street Contest em Portland City
  • 2014 – Vencedor do Dew Tour Street Session Contest em Ocean City
  • 2014 – Vencedor do Dew Tour Best Trick Contest em Ocean City
  • 2014 – Vencedor da Fortaleza World Cup em Fortaleza
  • 2013 – Segundo colocado no Dew Tour em San Francisco
  • 2013 – Vencedor da Pro World Cup em Fortaleza
  • 2013 – Vencedor da Adrenalin World Cup em Moscou
  • 2012 – Vencedor da Rome World Cup em Ostia
  • 2012 – Vencedor da Fortaleza World Cup em Fortaleza
  • 2011 – Vencedor da Rome World Cup em Ostia

Vá além do skate e confira também:

Curiosidades sobre Kelvin Hoefler

Curiosidades sobre Kelvin Hoefler
Kelvin Hoefler é um dos principais apoiadores da carreira da campeã mundial Pamela Rosa

Antes de se tornar um dos melhores skatistas do mundo em street, Kelvin Hoefler tentou praticar outros dois esportes: futebol e surf. Porém, ele não foi bem-sucedido em nenhuma das duas modalidades.

“Eu queria jogar futebol. Fazia escolinha, e ninguém tocava a bola para mim! Traumatizei e desisti. Resolvi tentar surfar, mas odiava água gelada. Meu pai comprou uma roupa de neoprene que era muito grande. Entrou água, quase morri sufocado. Mais um trauma. Desisti também”, disse, em entrevista ao jornal O Globo.

Hoje uma referência no skate street, Kelvin Hoefler é um dos principais incentivadores da carreira da campeã mundial Pamela Rosa. Ele a ajuda a pensar nas linhas a serem seguidas nas competições.

Com os bons resultados alcançados nos principais eventos de skate, é provável que Kelvin e Pamela representem o Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Os brasileiros são fortes candidatos à briga por medalhas no street.

Agora que você já conhece tudo sobre Kelvin Hoefler, aproveite para ficar por dentro da trajetória de outros grandes skatistas:

*Última atualização em 11 de março de 2020

Comentários

Salvar
12 Compart.
Compartilhar5
Twittar
Compartilhar
WhatsApp
Pin7