fbpx
Saiba como surgiu a equipe masculina do Sesi-SP e o time feminino do Sesi Vôlei Bauru e quantas vezes foram campeões da Superliga

Apesar de ter ainda uma história curta no voleibol brasileiro, o Sesi-SP já se estabelece como uma das principais potências do esporte no país. A equipe masculina já soma 5 participações em finais da Superliga, com um título conquistado. 

amazon

O time paulista ainda pode se orgulhar de ser campeão sul-americano tanto no torneio masculino quanto no feminino. Um feito assim é para poucos!

Mas o que você sabe sobre a história do Sesi-SP? 

Para tirar todas as suas dúvidas sobre o time, fique com a gente! 

Infográfico: história e títulos do Sesi-SP no vôlei

Infográfico Sesi-SP

Quando foi criado o Sesi-SP?

Em 2009, Serviço Social da Indústria de São Paulo, conhecido pela sigla Sesi-SP, passou a organizar equipes profissionais de vôlei. Não demorou para o time masculino se tornar uma das principais potências do esporte brasileiro. E, um pouco depois, ser criado também um time feminino.

Você ama outros esportes além do Vôlei? Aqui na Esportelândia também falamos sobre:

História do Sesi-SP no vôlei masculino

Quem acompanha o voleibol masculino sabe que o Sada Cruzeiro tem dominado o esporte no Brasil nos últimos anos. Mas o Sesi-SP também merece um destaque especial.

Desde 2010, a equipe paulista disputou a final da Superliga Masculina 5 vezes. 

Betway Brazil Sports Banners

Em 2011, o Sesi-SP se sagrou campeão da Superliga Masculina. 

Com o campeão olímpico Giovane como treinador, a equipe, que contava com Murilo, Serginho e Sidão, além da revelação Wallace, foi campeã brasileira ao derrotar o Sada Cruzeiro, no Mineirinho, em Belo Horizonte. 

Na decisão, o time paulista fez 3 sets a 1 (25/19, 19/25, 27/25 e 25/17).

Esse é apenas um dos motivos para apontarmos o Sesi-SP como um dos grandes protagonistas do vôlei no país.

Porém, o sucesso do time não se resume apenas ao território nacional.

No mesmo ano da conquista do título da Superliga Masculina, o Sesi-SP levou também o título do Campeonato Sul-Americano de vôlei.

O sucesso do time masculino impulsionou a criação também de uma equipe feminina de voleibol pelo Sesi-SP.

História do Sesi-SP no vôlei feminino

Betway Brazil Sports Banners

O título do time masculino na Superliga 2010/11 incentivou a criação da equipe feminina em 2011.

O time de mulheres estreou em uma competição oficial no Campeonato Paulista e investiu pesado para a formação de um elenco forte para a disputa da Superliga Feminina em 2011/2012. 

Foram contratadas jogadoras acostumadas a defender a Seleção Brasileira, como Dani Lins, Elisângela e Sassá.

Os altos investimentos ainda permanecem, mas a equipe não conquistou o tão sonhado título da Superliga Feminina. Atualmente, a equipe feminina atua com o nome de Sesi Bauru Vôlei.

A parceria entre Sesi e Bauru foi iniciada em 2018, ano em que o time de Bauru conquistou seu primeiro título do Campeonato Paulista.

Na temporada 2018/2019, o Sesi/Bauru entrou para a história do voleibol feminino ao eliminar o Sesc-RJ nas quartas de final da Superliga Feminina. Foi a primeira vez desde sua criação que o time de Bernardinho não chegou às semifinais da liga nacional.

Antes da queda nas quartas de final diante de Bauru, a equipe carioca havia alcançado uma série de 14 finais consecutivas da Superliga.

Qual a cidade do Sesi-SP?

O time paulista de voleibol do Sesi se divide entre duas cidades, já que as equipes masculina e feminina não têm a mesma sede. Enquanto o time masculino segue atuando na capital São Paulo, o time feminino joga no interior paulista, mais precisamente em Bauru, desde 2018, quando foi firmada a parceria entre Sesi e Vôlei Bauru.

Qual o nome do ginásio do Sesi-SP?

Como estão em cidades distintas, é de se esperar que os times masculino e feminino do Sesi atuem em ginásios diferentes, certo? Pois então, a casa do Sesi-SP é o Ginásio Marcello de Castro Leite, no Sesi Vila Leopoldina, em São Paulo-SP. O local comporta 2 mil espectadores.

Já o Sesi Vôlei Bauru manda duas partidas no Ginásio Panela de Pressão, em Bauru, também com capacidade para 2 mil pessoas.

Vá além do mundo do Vôlei! Confira também nossos outros conteúdos:

Quantos títulos da Superliga de vôlei tem o Sesi-SP?

Em toda a sua história, o Sesi-SP conquistou um título da Superliga Masculina. O troféu foi levantado na temporada 2010/2011. Naquele ano, o time paulista era comandado por Giovane e contava com Murilo, Serginho e Sidão, além da revelação Wallace.

Na decisão, o Sesi-SP derrotou o Sada Cruzeiro, por 3 sets a 1 (25/19, 19/25, 27/25 e 25/17), no Mineirinho, em Belo Horizonte.

Sesi campeão da Superliga Masculina 2010-2011

O time masculino do Sesi-SP já disputou outras 4 finais da Superliga Masculina, mas ainda não conseguiu o bicampeonato. Em 2018/2019, a equipe perdeu a decisão para o Taubaté.

Já o time feminino do Sesi ainda não tem títulos da Superliga. Sua única participação na final aconteceu em 2013/2014. Naquela temporada, a Unilever (atual Sesc-RJ) assegurou o nono título da Superliga ao vencer o Sesi-SP na grande final por 3 sets a 1, no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro. 

Embora jamais tenha sido campeão nacional, o time feminino do Sesi venceu o Campeonato Sul-Americano de 2014, ao vencer o Molico/Osasco.

Confira, a seguir, as participações do Sesi nas finais das Superligas Masculina e Feminina.

amazon

Participações do Sesi-SP na final da Superliga Masculina

  • 2010/2011
  • 2013/2014
  • 2014/2015
  • 2017/2018
  • 2018/2019

Veja abaixo uma tabela com o resultado de cada uma dessas finais:

AnoCampeãoVice-campeão
2010/2011Sesi-SPSada Cruzeiro
2013/2014Sada CruzeiroSesi-SP
2014/2015Sada CruzeiroSesi-SP
2017/2018Sada CruzeiroSesi-SP
2018/2019TaubatéSesi-SP

Participações do Sesi-SP na final da Superliga Feminina

AnoCampeãoVice-campeão
2013/2014Unilever-RJSesi-SP

Quem são os maiores jogadores e técnicos da história do Sesi-SP?

Ao longo da história do Sesi no voleibol, grandes nomes do esporte já vestiram a camisa da equipe paulista.

Em 2011, entraram para a história do time os atletas que o levaram ao primeiro título da Superliga Masculina. O elenco contava com nomes como Murilo, Sidão, Serginho e Wallace. 

O treinador do único título nacional do Sesi-SP foi Giovane, campeão olímpico pelo Brasil nos Jogos de Barcelona, em 1992.

Pela equipe feminina, também já passaram grandes estrelas do vôlei nacional, com destaque especial para a central Fabiana e a levantadora Dani Lins. 

O time campeão sul-americano feminino foi comandado por Talmo Oliveira.

Agora que você sabe tudo sobre o Sesi-SP, aproveite para se aprofundar ainda mais no tema com nossos outros conteúdos: 

* Última atualização em 07/08/2019

Ficha Técnica
Título
Sesi-SP: história e títulos dos times masculino e feminino
Resumo
Saiba como surgiu a equipe masculina do Sesi-SP e o time feminino do Sesi Vôlei Bauru e quantas vezes foram campeões da Superliga
Autor

Comentários

Salvar