Confira o calendário de todas as corridas da Fórmula 1 em 2021, quem são os candidatos ao título e onde assistir aos GPs

Foi anunciado pelo presidente da Liberty Media, que a Fórmula 1 já está com o seu calendário pré-confirmado em 2021.

O formato das corridas ainda será melhor discutido, já que devido ao novo coronavírus podem ser necessárias algumas mudanças assim como ocorreu em 2020, a princípio Chase Carey – chefe executivo do grupo da Fórmula 1 – não cogitava qualquer modificação no formato dos Grandes Prêmios, mas ele reconsiderou e disse que se fosse preciso poderia reavaliar alguma modificação.

Programado para iniciar no dia 21 de Março na Austrália e encerrar as atividades em 5 de Dezembro de 2021, em Abu Dhabi, está prevista a participação do público nos autódromos, mas nenhum bilhete ainda está a venda.

Como assistir?

Como nem sempre os GPs são disponibilizados na TV aberta, você pode acompanhar as corridas do conforto da sua casa, para isso, basta utilizar uma VPN para desbloquear o serviço de streaming sem dificuldades. 

Com ela você assiste os principais canais do mundo sem restrição geográfica, já que muitas vezes os canais estão disponíveis apenas para determinados países.

Calendário Provisório da Fórmula 1

Os organizadores disseram que para realizar o evento de forma segura houve muito estudo e que os países envolvidos estão de acordo com o esquema a ser adotado. Atualmente o que prevalece é o seguinte para os 23 Grandes Prêmios: 

  • 21 de março –  Austrália 
  • 28 de março – Bahrain 
  • 11 de abril – China 
  • 25 de abril – TBC
  • 9 de maio – Espanha 
  • 23 de maio – Mônaco 
  • 6 de junho – Azerbaijão 
  • 13 de junho – Canadá 
  • 27 de junho – França 
  • 4 de julho – Áustria 
  • 18 de julho – Reino Unido 
  • 1 de agosto – Hungria 
  • 29 de agosto – Bélgica
  • 5 de setembro – Holanda 
  • 12 de setembro – Itália 
  • 26 de setembro – Rússia 
  • 3 de outubro – Cingapura 
  • 10 de outubro – Japão
  • 24 de outubro – EUA 
  • 31 de outubro – México 
  • 14 de novembro – Brasil 
  • 28 de novembro – Arábia Saudita 
  • 5 de dezembro – Abu Dhabi

Quais as novidades para 2021?

A principal novidade é a inclusão da Arábia Saudita no campeonato mundial. Dada a empolgação entre o CEO da Fórmula 1 e o ministro de esporte do país, o príncipe Abdulaziz Bin Turki Al Faisal Al Saud, a parceria com a SAMF (Federação Saudita de Automóveis e Motos) já deu certo. 

Já que para um, é a possibilidade de alcançar novos fãs e para o outro é a oportunidade de demonstrar o quanto a Arábia Saudita está evoluindo como centro de esporte e lazer, fornecendo até uma academia para que seus esportistas possam treinar com afinco e competir dentro e fora do país.

Onde será o GP do Brasil? 

Aqui no Brasil, o autódromo de Interlagos continua sendo a sede do GP do Brasil (substituído por GP de São Paulo). Após vencer a concorrência para o Rio de Janeiro, o prefeito Bruno Covas conseguiu renovar o contrato por mais cinco anos, deixando os amantes do automobilismo bem felizes. 

O estado carioca até que tentou, mas após várias mobilizações contra o desmatamento da Floresta de Camboatá para a construção do autódromo, foi impedido de sediar o GP. 

Cabo Frio também cogitou a possibilidade de realizar o evento, mostrando seus atrativos e seu projeto de alavancar o turismo local, mas Interlagos foi priorizado pelos organizadores. 

Quais são os favoritos para 2021?

Neste hall, é possível citar novos nomes junto com profissionais experientes da F1. Como por exemplo, Mick Schumacher, que será representante da equipe Haas F1. O filho de Michael Schumacher apresentou um desempenho excelente na fórmula 2 em 2020 e os fãs esperam que ele seja destaque no ano que vem na Fórmula 1. 

Além disso, outro favorito é o piloto Lewis Hamilton, da Mercedes, que apesar da renovação do contrato tardia com a equipe, segue representando o grupo em 2021. Lewis Hamilton teve um ano histórico na temporada de 2020 e quebrou vários recordes no mundo automobilístico, se consagrando como um dos melhores pilotos de todos os tempos.

Comentários

Salvar
Compartilhar
Twittar
Compartilhar
WhatsApp
Pin