Saiba tudo sobre Filipe Toledo (Filipinho)! Estatísticas, desempenho na WSL, dados da carreira e a história do surfista brasileiro

Já falamos por aqui sobre Gabriel Medina e Ítalo Ferreira. Agora, o personagem da vez é outro grande surfista brasileiro da atualidade: Filipe Toledo, o Filipinho!

O paulista de Ubatuba também faz parte do Brazilian Storm, a talentosa geração do surf verde e amarelo que vem impressionando milhões de fãs ao redor do mundo.

Abaixo, você encontrará todas as informações necessárias para ficar por dentro da história do atleta: biografia, títulos, desempenho no WCT, curiosidades e muito mais! Confira:

Quem é Filipe Toledo (Filipinho)?

quem é filipe toledo filipinho
Filipe Toledo é um dos maiores surfistas brasileiros da atualidade

Filipe Toledo, mais conhecido como Filipinho, é um surfista profissional brasileiro. Ele nasceu em Ubatuba, São Paulo, no dia 16 de abril de 1995.

O atleta faz parte do Brazilian Storm, ou Tempestade Brasileira, grupo de surfistas canarinhos que estão arrebentando nos últimos anos.

Filipinho entrou para o Circuito Mundial de Surf (WCT) em 2013, quando tinha apenas 17 anos de idade. Antes disso, o paulista já disputava campeonatos de menor expressão.

Sua melhor colocação alcançada no Mundial de Surf foi um terceiro lugar em 2018. No pódio, ficou apenas atrás de Julian Wilson (2º) e o grande campeão, Gabriel Medina.

Como Filipe Toledo (Filipinho) começou no surf?

como filipe toledo filipinho começou no surf
Filipinho entrou para o Circuito Mundial de Surf em 2013

O surf está no sangue da família Toledo. E não seria diferente com Filipe.

Filho de Ricardo, bicampeão brasileiro de surf nos anos 90 e irmão mais novo de Matheus, campeão paulista em 2010, Filipinho pegou gosto pelo esporte desde pequeno.

Em entrevistas, costuma contar que foi colocado numa prancha com apenas 10 meses de nascimento! Com seis anos, já curtia surfar por iniciativa própria.

Sua terra natal também ajudou. Afinal, Ubatuba é um município costeiro localizado no estado de São Paulo. Não demoraria para o paulista começar a atuar profissionalmente.

Com 15 anos, ele finalmente se deu conta que estava no caminho certo. Filipe bateu surfistas veteranos e conquistou o Campeonato Brasileiro. Nascia ali o fenômeno.

História de Filipe Toledo (Filipinho)

história de filipe toledo filipinho
A melhor colocação geral do surfista paulista foi um 3º lugar

Antes de integrar a elite de surfistas profissionais, Filipinho já se destacava ainda jovem. Seus dois principais títulos das categorias de base foram o ISA World Junior, disputado no Peru, e o Pro Junior US Open, nos Estados Unidos.

Em 2013, finalmente realizou sua estreia no Circuito Mundial de Surf (WCT), tendo como destaque um terceiro lugar na etapa Quiksilver Pro France. Ao fim da temporada, ficou na 15º posição geral logo atrás dos conterrâneos Gabriel Medina e Adriano de Souza.

Em 2015, Filipe despontou de vez. O paulista faturou o primeiro lugar de três etapas (Quiksilver Pro Gold Coast, Oi Rio Pro e Moche Rip Curl Pro Portugal), conquistou uma histórica quarta posição final e entrou para o hall de melhores surfistas da atualidade.

O ano de 2018 foi a melhor temporada de Filipinho até o momento. Com duas vitórias maiúsculas nas etapas Oi Pro Rio e Corona Open J-Bay, ele bateu o seu recorde pessoal e finalizou o Circuito Mundial em terceiro lugar geral.

Em meio às disputas, o surfista brasileiro se mudou para a Califórnia, nos Estados Unidos, para viver com sua família e treinar. Permanece lá até hoje.

Confira outros textos sobre surf:

Títulos de Filipe Toledo (Filipinho)

  • Quiksilver Pro Gold Coast – Austrália (2015)
  • Oi Rio Pro – Brasil (2015)
  • Moche Rip Curl Pro – Portugal (2015)
  • Corona Open J-Bay – África do Sul (2017)
  • Hurley Pro at Trestles – EUA (2017)
  • Oi Rio Pro – Brasil (2018)
  • Corona Open J-Bay – África do Sul (2018)
  • Oi Rio Pro – Brasil (2019)

Histórico de Filipe Toledo (Filipinho)

AnoTítulosPosição final
2013015º lugar
2014017º lugar
201534º lugar
2016010º lugar
2017210º lugar
201823º lugar
201914º lugar

Curiosidades de Filipe Toledo (Filipinho)

curiosidades filipe toledo
Filipe tem as palavras ”wild” e ”free” tatuadas nas mãos

Em 2015, quando completou 20 anos, Filipe Toledo se tornou o atleta mais jovem do Circuito Mundial de Surf.

Além de pai, Ricardo Toledo é também treinador de Filipinho. O atleta tem tatuado as palavras ”wild” e ”free” nas mãos. Seu prato preferido é estrogonofe e o clube de futebol preferido, o Corinthians.

E por falar em família, as inspirações do seus aéreos vieram do irmão mais velho, Matheus, também surfista profissional. Filipe é considerado um dos melhores aeralistas do atualidade, além de mandar bem em ondas pequenas.

Endless Summer e Modern Collective são os filmes prediletos do paulista. Já no surf, uma das suas maiores inspirações é o australiano Mick Fanning, bicampeão mundial.

Agora que você sabe tudo sobre a carreira de Filipe Toledo (Filipinho), que tal ampliar o seu conhecimento sobre os esportes? Aqui também falamos de outras modalidades. Confira:

*Última atualização em 9 de janeiro de 2020

Ficha Técnica
Título
Filipe Toledo (Filipinho): biografia e curiosidades no surf
Resumo
Saiba tudo sobre Filipe Toledo (Filipinho)! Estatísticas, desempenho na WSL, dados da carreira e a história do surfista brasileiro
Autor

Comentários

Salvar