O voleibol tornou-se modalidade olímpica em 1964, mas os prêmios de MVPs do vôlei em Olimpíadas começaram apenas em 1984.

De lá para cá, alguns dos principais nomes terminaram as edições conquistando a medalha de ouro e a honraria de MVP dos Jogos Olímpicos.

Além de uma história inspiradora envolvendo o técnico Bernardinho, algumas lendas do voleibol brasileiro também figuram na lista.

O que significa MVP no mundo esportivo?

Bas van de Goor é o recordista do prêmio MVP em Olimpíadas entre homens e mulheres, sendo o único a vencer por duas vezes e ainda consecutivamente
Bas van de Goor é o recordista do prêmio MVP em Olimpíadas entre homens e mulheres, sendo o único a vencer por duas vezes e ainda consecutivamente

No contexto de esportes coletivos, o prêmio de Jogador Mais Valioso, conhecido como MVP (Most Valuable Player em inglês), é uma distinção geralmente concedida a um indivíduo (ou a indivíduos, em caso de empate) cujo desempenho individual se destaca em uma liga, competição específica ou equipe.

O propósito desse reconhecimento é valorizar a contribuição individual em meio ao esforço coletivo, ressaltando a excelência, exemplaridade e/ou notabilidade do desempenho do jogador em comparação com seus colegas em questão.

Todos os MVPs do vôlei masculino na história das Olimpíadas

Sérgio Santos, o Serginho, foi o último brasileiro campeão do prêmio MVP dos Jogos Olímpicos
Sérgio Santos, o Serginho, foi o último brasileiro campeão do prêmio MVP dos Jogos Olímpicos

MVPs do vôlei: Jogos Olímpicos de 1984

Steve Timmons é o primeiro dos MVPs do vôlei na história dos Jogos Olímpicos
Steve Timmons é o primeiro dos MVPs do vôlei na história dos Jogos Olímpicos

Steve Dennis Timmons representou os Estados Unidos em três Olimpíadas consecutivas. Durante esse período, conquistou uma medalha de ouro em 1984 e 1988, além de uma medalha de bronze em 1992.

Seu destaque nas Olimpíadas de 1984 rendeu-lhe o título de MVP, concedido pela Federação Internacional de Voleibol, reconhecendo-o como um pioneiro no ataque da linha de fundo.

Em reconhecimento a sua contribuição para o esporte, Timmons foi incluído no Hall da Fama Internacional de Voleibol em 1998.

Jogos Olímpicos de 1988

MVPs do vôlei: Único campeão olímpico no vôlei indoor e de praia, Karch Kiraly venceu o MVP de 1984
MVPs do vôlei: Único campeão olímpico no vôlei indoor e de praia, Karch Kiraly venceu o MVP de 1984

Karch Kiraly foi fundamental para a Seleção Nacional dos Estados Unidos, que conquistou medalhas de ouro nos Jogos Olímpicos de 1984 e 1988.

+ Saiba tudo sobre Karch Kiraly, o GOAT do vôlei

MVPs do vôlei: Jogos Olímpicos de 1992

MVPs do vôlei: Marcelo Negrão, o primeiro brasileiro campeão do MVP olímpico no vôlei indoor
MVPs do vôlei: Marcelo Negrão, o primeiro brasileiro campeão do MVP olímpico no vôlei indoor

Marcelo Teles Negrão é uma lenda do vôlei brasileiro que integrou a seleção nacional masculina na conquista da medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Verão de 1992, em Barcelona, Espanha, ao vencer a Holanda na final.

Jogos Olímpicos de 1996

MVPs do vôlei: Bas van de Goor, campeão do prêmio individual e medalhista de ouro nos Jogos de 1996
MVPs do vôlei: Bas van de Goor, campeão do prêmio individual e medalhista de ouro nos Jogos de 1996

Bas van de Goor é um ex-jogador de vôlei holandês que participou de duas Olimpíadas consecutivas, a partir de 1996, representando sua nação de origem e vencendo o lugar mais alto possível em '96.

MVPs do vôlei: Jogos Olímpicos de 2000

MVPs do vôlei: Bas van de Goor se tornou o primeiro bicampeão do prêmio individual nos Jogos Olímpicos de 2000
MVPs do vôlei: Bas van de Goor se tornou o primeiro bicampeão do prêmio individual nos Jogos Olímpicos de 2000

De forma curiosa, Bas não conquistou a medalha de ouro olímpica em 2000, nem mesmo alcançou uma posição entre os três primeiros. No entanto, sua performance foi o bastante para garantir a vitória no prêmio individual.

Medalhistas em 2000:
Ouro – Iugoslávia
Prata – Rússia
Bronze – Itália

Jogos Olímpicos de 2004

MVPs do vôlei: Giba em 2004
MVPs do vôlei: Giba em 2004

Durante os Jogos Olímpicos de 2004, realizados em Atenas, Giba demonstrou seu melhor desempenho, contribuindo para a conquista da segunda medalha de ouro da história pela Seleção Brasileira e sendo agraciado com o título de Jogador Mais Valioso do torneio.

MVPs do vôlei: Jogos Olímpicos de 2008

MVPs do vôlei: O estadunidense Clayton Stanley venceu o Brasil em 2008, conquistando também o MVP daquela edição
MVPs do vôlei: O estadunidense Clayton Stanley venceu o Brasil em 2008, conquistando também o MVP daquela edição

Stanley integrou a seleção masculina dos Estados Unidos, participando dos Jogos Olímpicos de Atenas 2004, Pequim 2008 e Londres 2012.

Ele conquistou a medalha de ouro em 2008, foi campeão da NORCECA em 2005 e acumulou medalhas em diversas edições da Liga Mundial.

Em outubro de 2021, Stanley também recebeu a honra de ser incluído no Hall da Fama Internacional de Voleibol, ao lado de Logan Tom e Todd Rogers.

Jogos Olímpicos de 2012

MVPs do vôlei: Murilo Endres em 2012
MVPs do vôlei: Murilo Endres em 2012

Murilo Endres conquistou a medalha de prata nos Jogos de Pequim 2008 e Londres 2012. Além disso, Murilo Endres possui títulos de Campeão Mundial (2006, 2010), medalhista de prata no Campeonato Mundial de 2014 e diversas conquistas na Liga Mundial, Campeonato Sul-Americano, Copa do Mundo e Copa dos Campeões.

Medalhistas em 2012:

Ouro – Rússia

Prata – Brasil

Bronze – Itália

MVPs do vôlei: Jogos Olímpicos de 2016

MVPs do vôlei: Serginho venceu o prêmio individual e a medalha de ouro na histórica campanha no Rio de Janeiro
MVPs do vôlei: Serginho venceu o prêmio individual e a medalha de ouro na histórica campanha no Rio de Janeiro

Sérgio Dutra dos Santos, mais conhecido como Serginho ou Escadinha, participou de quatro edições dos Jogos Olímpicos.

Como integrante da seleção brasileira de vôlei, Serginho conquistou a medalha de ouro nas Olimpíadas de 2004 e 2016, além das medalhas de prata em 2008 e 2012.

Em 2009, ele fez história ao se tornar o primeiro líbero a ser agraciado com o título de Jogador Mais Valioso na Liga Mundial da FIVB.

Jogos Olímpicos de 2020

MVPs do vôlei: Earvin N'Gapeth em Tóquio
MVPs do vôlei: Earvin N'Gapeth em Tóquio

Earvin N'Gapeth é integrante da seleção nacional da França e do clube italiano Modena Volley. Conquistou o título europeu em 2015, foi medalhista de ouro na Liga Mundial em 2015 e 2017, campeão francês em 2010, campeão italiano em 2016 e campeão olímpico em 2020.

Destaque do MVP masculino a cada edição:

  • 1984: Steve Timmons (EUA)
  • 1988: Karch Kiraly (EUA)
  • 1992: Marcelo Negrão (BRA)
  • 1996: Bas van de Goor (HOL)
  • 2000: Bas van de Goor (HOL)
  • 2004: Gilberto Godoy Filho (BRA)
  • 2008: Clayton Stanley (EUA)
  • 2012: Murilo Endres (BRA)
  • 2016: Sérgio Santos (BRA)
  • 2020: Earvin N'Gapeth (FRA)

Você ama esportes? Confira alguns que o Esportelândia cobre:

  1. Surf
  2. Fisiculturismo
  3. Automobilismo
  4. Artes marciais
  5. Atletismo
  6. Basquete
  7. Tênis
  8. Vôlei

Um grupo MVP: Bernardinho e suas maneiras de unir um elenco

(Reprodução) Dentre os MVPs do vôlei, a história do Bernardinho chama a atenção pelos resultados através da motivação coletiva
(Reprodução) Dentre os MVPs do vôlei, a história do Bernardinho chama a atenção pelos resultados através da motivação coletiva

Um exemplo de sucesso, Bernardinho compartilhou em seu famoso livro ‘Transformando Suor em Ouro' uma história que tem relação com a premiação de MVP.

O técnico multicampeão mostra que o tipo de motivação em relação ao prêmio pode influenciar nos resultados tanto individuais quanto coletivos.

Na página 129 do livro, detalha-se uma diferença que, por vezes, pode definir um ótimo time, às vezes até mesmo campeão, de um super grupo, uma equipe que vence, ensina e compartilha, o último degrau do sucesso.

A Federação Internacional comunicou os valores dos prêmios em dinheiro para os destaques individuais, considerados por muitos como um estímulo para que o jogador brilhe, mas eu entendo como um incentivo à vaidade, ao ego, podendo até criar desequilíbrio dentro do grupo.

Impressionantes US$ 100 mil seriam pagos nessas premiações. Apenas para fazer uma comparação, R$ 20 mil era o valor do prêmio da CBV para o título mundial. Bastava fazer a conta: o que valia mais, ser campeão do mundo ou ser eleito o melhor em seu fundamento?

Reuni os jogadores e lhes fiz a mesma proposta que as meninas tinham recusado em 1994: quem ganhasse o prêmio individual ficaria com a metade (US$ 50 mil), pelo esforço, talento e desempenho, e dividiria o restante entre os demais jogadores que o ajudaram a ter aquela performance.

Demonstraram com isso não apenas desprendimento, mas solidariedade, companheirismo e o espírito de equipe dos grandes vencedores. Um exemplo de consciência coletiva. – disse Bernardinho na página 129 de seu livro ‘Transformando Suor em Ouro'.

Todos os MVPs do vôlei feminino na história das Olimpíadas

Paula Pequeno é a única brasileira ganhadora do prêmio MVP em Olimpíadas até hoje
Paula Pequeno é a única brasileira ganhadora do prêmio MVP em Olimpíadas até hoje

Jogos Olímpicos de 1984

Lang Ping venceu a primeira edição do MVP feminino
Lang Ping venceu a primeira edição do MVP feminino

Lang Ping atuou como técnica tanto na seleção feminina chinesa de vôlei quanto na seleção feminina de vôlei dos Estados Unidos. Como jogadora, Lang foi honrada com o prêmio de Jogadora Mais Valiosa no vôlei feminino durante a campanha dourada nas Olimpíadas de 1984.

Em 2002, Lang foi incluída no prestigioso Hall da Fama Internacional de Voleibol em Holyoke, Massachusetts. Ela levou a seleção feminina dos Estados Unidos, conquistando a medalha de prata nas Olimpíadas de Pequim em 2008, em sua terra natal.

Posteriormente, Lang tornou-se treinadora da seleção feminina chinesa, que ganhou a medalha de ouro nas Olimpíadas do Rio em 2016. Este feito a tornou a primeira pessoa na história do vôlei, independente do gênero, a conquistar o ouro olímpico tanto como jogadora quanto como treinadora.

MVPs do vôlei: Jogos Olímpicos de 1988

Cecilia Tait ajudou a Seleção Peruana a conquistar a medalha de prata em 1988
Cecilia Tait ajudou a Seleção Peruana a conquistar a medalha de prata em 1988

Tait competiu em três edições dos Jogos Olímpicos de Verão pela equipe nacional do Peru, alcançando a sexta posição em 1980, a quarta posição em 1984 e conquistando a medalha de prata nos Jogos Olímpicos de Verão de 1988 em Seul.

Ela fez parte da seleção peruana que obteve a segunda colocação no Campeonato Mundial de 1982 e a terceira colocação no Campeonato Mundial de 1986. Em 2005, Tait foi introduzida no Hall da Fama Internacional de Voleibol.

Medalhistas em 1988:

Ouro – União Soviética
Prata – Peru
Bronze – China

Jogos Olímpicos de 1992

Paula Weishoff venceu duas medalhas olímpicas com os Estados Unidos
Paula Weishoff venceu duas medalhas olímpicas com os Estados Unidos

Paula Weishoff conquistou a medalha de prata nas Olimpíadas de 1984 em Los Angeles e a medalha de bronze nas Olimpíadas de 1992 em Barcelona, Espanha. Weishoff também competiu nas Olimpíadas de 1996 em Atlanta.

Em reconhecimento às suas conquistas na carreira, Weishoff foi inserida no Hall da Fama Internacional de Voleibol em 1998.

MVPs do vôlei: Jogos Olímpicos de 1996

Apesar de ter sido eleita a melhor da edição em 1996, Cintha Boersma nunca venceu uma medalha olímpica
Apesar de ter sido eleita a melhor da edição em 1996, Cintha Boersma nunca venceu uma medalha olímpica

Boersma representou sua nação em duas Olimpíadas consecutivas a partir de 1992. Ela foi reconhecida como a jogadora mais valiosa nos Jogos de Atlanta.

Como integrante da seleção nacional holandesa, Boersma fez parte da equipe que conquistou a medalha de ouro no Campeonato Europeu de 1995 ao vencer a Croácia por 3 a 0 na final.

Medalhistas em 1996:
Ouro – Cuba
Prata – China
Bronze – Brasil

Jogos Olímpicos de 2000

Barbara Jelić-Ružić faz parte do grupo de atletas eleitos os MVPs das Olimpíadas que nunca ganharam uma medalha
Barbara Jelić-Ružić faz parte do grupo de atletas eleitos os MVPs das Olimpíadas que nunca ganharam uma medalha

Curiosamente, Barbara, irmã da jogadora de vôlei Vesna Jelić, também integrou a equipe croata nas Olimpíadas de 2000.

Elas são filhas de Ivica Jelić, jogador de vôlei que foi o treinador principal da equipe croata em 2000 e participou das Olimpíadas de 1980 pela equipe iugoslava.

Medalhistas em 2000:
Ouro – Cuba
Prata – Rússia
Bronze – Brasil

MVPs do vôlei: Jogos Olímpicos de 2004

Feng Kun venceu o ouro olímpico em 2004
Feng Kun venceu o ouro olímpico em 2004

Feng Kun é uma ex-armadora e capitã da seleção feminina de vôlei da China. Ela recebeu os prêmios de MVP (Jogadora Mais Valiosa) e “Melhor Armadora” nas Olimpíadas de Verão de 2004 em Atenas, quando a China conquistou a medalha de ouro no vôlei.

Jogos Olímpicos de 2008

Paula Pequeno é bicampeã olímpica
Paula Pequeno é bicampeã olímpica

Paula Pequeno integrou a seleção nacional que conquistou a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de 2011, realizados em Guadalajara, México. Dentro disso, foi duas vezes campeã olímpica (2008 e 2012).

Em 2012, ela também representou o Fenerbahçe no Campeonato Mundial de Clubes da FIVB, sediado em Doha, Catar, contribuindo para a conquista da medalha de bronze ao derrotar as Lancheras de Cataño de Porto Rico por 3 a 0.

MVPs do vôlei: Jogos Olímpicos de 2012

Kim Yeon-koung não tem medalha olímpica, mas foi eleita a MVP de 2012
Kim Yeon-koung não tem medalha olímpica, mas foi eleita a MVP de 2012

Embora a Coreia do Sul tenha conquistado o 4º lugar, Kim se destacou como a Jogadora Mais Valiosa (MVP) e a Melhor Pontuadora nas Olimpíadas de Londres em 2012.

Durante o torneio, ela estabeleceu um novo recorde olímpico ao marcar 207 pontos, superando a marca anterior de 204 pontos alcançada por Yekaterina Gamova nas Olimpíadas de Atenas em 2004.

Jogos Olímpicos de 2016

Zhu Ting venceu o ouro olímpico em 2016
Zhu Ting venceu o ouro olímpico em 2016

Zhu Ting alcançou o auge de sua carreira, conquistando várias medalhas de ouro em competições internacionais, notadamente nos Jogos Olímpicos de 2016 e na Copa do Mundo de 2019.

Seu legado é marcado pelo reconhecimento como uma das jogadoras de vôlei de quadra mais condecoradas e bem-sucedidas de todos os tempos.

MVPs do vôlei: Jogos Olímpicos de 2020

Jordan Larson venceu o ouro em 2020
Jordan Larson venceu o ouro em 2020

Jordan Larson alcançou a glória do ouro com a seleção nacional no Campeonato Mundial de 2014, na Volleyball Nations League em Rimini e nos Jogos Olímpicos de Verão de 2020 em Tóquio.

Além disso, conquistou a medalha de prata nas Olimpíadas de Verão de 2012 em Londres e a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016.

A consagração da medalha de ouro em 2020 representa a realização da rara tríplice coroa olímpica, com conquistas nas categorias de bronze, prata e ouro.

Destaque do MVP feminino a cada edição:

  • 1984: Lang Ping (CHN)
  • 1988: Cecilia Tait (PER)
  • 1992: Paula Weishoff (EUA)
  • 1996: Cintha Boersma (HOL)
  • 2000: Barbara Jelić (CRO)
  • 2004: Feng Kun (CHN)
  • 2008: Paula Pequeno (BRA)
  • 2012: Kim Yeon-koung (KOR)
  • 2016: Zhu Ting (CHN)
  • 2020: Jordan Larson (EUA)

Que tal se aprofundar no mundo esportivo e ir além dos MVPs do vôlei? Confira aqui no Esportelândia: