Primeiramente, poucas tenistas na história da WTA atingiram a 1ª colocação do ranking sem jamais terem vencido um Grand Slam. Mas, este é o caso de Karolina Pliskova.

A saber, a tcheca se estabeleceu como uma das principais tenistas do mundo nos últimos anos, mas ainda não conquistou um título nos quatro principais torneios.

Antes de tudo, Pliskova tem uma característica incomum no esporte: uma irmã gêmea que também é tenista profissional.

Portanto, fique com a gente para conhecer outras curiosidades sobre Karolina Pliskova e todos os detalhes da carreira da tenista nascida na República Tcheca!

Quem é Karolína Plíšková?

Karolina Pliskova tenista
Karolina Pliskova assumiu a liderança do ranking da WTA em 2017

Antes de mais nada, Karolina Pliskova é uma tenista tcheca, nascida em 21 de março de 1992. Em julho de 2017, ela atingiu a liderança do ranking da WTA. Decerto, desde que foi número 1 do mundo, perdeu posições, mas nunca deixou o top 10.

Assim como profissional, Pliskova já conquistou 16 títulos da WTA. Porém, ela ainda persegue seu primeiro Grand Slam. Nesse ínterim, sua melhor campanha nos quatro principais torneios do circuito, foi o vice-campeonato do US Open de 2016. Contudo, na final, ela foi derrotada pela alemã Angelique Kerber.

Primordialmente, Pliskova tem também cinco títulos de duplas. De antemão, em 2016, foi semifinalista de duplas femininas no Australian Open e em Wimbledon. Por certo, como tenista juvenil, a tcheca venceu o Australian Open de 2010, vencendo a britânica Laura Robson na final.

Você ama outros esportes além do Tênis? Aqui na Esportelândia também falamos sobre:

Quando e como Karolína Plíšková começou no tênis?

Karolina e Kristyna Pliskova
Karolina Pliskova tem uma irmã gêmea, Kristyna, que também é tenista profissional

Em primeiro lugar, Karolina Pliskova nasceu em Louny, na República Tcheca. A saber, ela tem uma irmã gêmea, Kristyna, que nasceu dois minutos antes. Assim, as duas irmãs optaram por seguir carreira no tênis.

Logo, em 2006, Karolina Pliskova disputou seus primeiros torneios da International Tennis Federation (ITF) e esteve em seu primeiro qualifying da WTA, em Praga.

Então, foi em 2009 que Pliskova atingiu o status de tenista profissional. Portanto, no ano seguinte, ainda competindo como juvenil, ela conquistou o título do Australian Open.

A carreira de Karolina Pliskova começou a decolar em 2013. Ela alcançou a sua primeira temporada como top 100 e conquistou seu primeiro título da WTA, em Kuala Lumpur, com vitória sobre a norte-americana Bethanie Mattek-Sands na final.

Já em 2014, Pliskova conquistou mais dois títulos, em Seul e Linz, e encerrou o ano como a tenista número 24 do mundo.  Naquela temporada, ela conquistou também três torneios de duplas, sendo dois jogando ao lado da irmã Kristyna.

A chegada no top 10 da WTA

A chegada ao top 10 da WTA aconteceu em 2016, quando ela também alcançou sua primeira final de Grand Slam. No US Open, perdeu o título para a alemã Angelique Kerber, por 2 x 1 (6/3, 4/6 e 6/4).

Já em julho de 2017, Karolina Pliskova se tornou número 1 do mundo, posição que ocupou por oito semanas.

Além de liderar o ranking de simples da WTA, a tenista tcheca ocupou a 11ª colocação do mundo em duplas.

Confira, a seguir, todos os títulos de Karolina Pliskova como tenista profissional!

Quantas vezes Karolína Plíšková foi campeã?

Karolina Pliskova campeã
Karolina Pliskova conquistou ao menos um título por ano desde 2013

Karolina Pliskova tem 20 títulos como tenista profissional. Em sua carreira, a tcheca foi campeã de 16 torneios de simples, além de cinco torneios de duplas.

Ex-número 1 do mundo, Pliskova ainda não conquistou um título de Grand Slam. Sua melhor campanha foi em 2016, quando perdeu a final para Angelique Kerber.

Já no Australian Open (2019) e Roland Garros (2017), ela alcançou as semifinais. Em Wimbledon, ainda não foi além das oitavas de final.

Nos torneios de duplas, Karolina foi campeã por três vezes jogando ao lado de sua irmã gêmea Kristyna.

Veja, agora, a lista de títulos de Karolina Pliskova em torneios da WTA!

Títulos de Karolína Plíšková

Simples

  • 2020 
    • Brisbane
  • 2019 
    • Brisbane
    • Roma
    • Eastbourne
    • Zhengzhou
  • 2018 
    • Stuttgart
    • Tóquio
  • 2017
    • Brisbane
    • Doha
    • Eastbourne 
  • 2016
    • Nottingham
    • Cincinnati 
  • 2015
    • Praga 
  • 2014
    • Seul
    • Linz 
  • 2013
    • Kuala Lumpur

Duplas

  • 2016
    • Birmingham, ao lado de Strycova
  • 2014
    • Nürnberg, ao lado de Krajicek
    • Bad Gastein, ao lado de Kristyna Pliskova
    • Hong Kong, ao lado de Kristyna Pliskova
  • 2013
    • Linz, ao lado de Kristyna Pliskova

Maiores rivais de Karolína Plíšková

Karolina Pliskova e Angelique Kerber na final do US Open de 2016
Karolina Pliskova foi derrotada por Angelique Kerber na final do US Open de 2016

Em uma era do tênis feminino dominada por Serena Williams, grandes atletas têm buscado serem as sucessoras da norte-americana. Entre elas, está Karolina Pliskova. A tenista tcheca não estabeleceu grandes rivalidades no circuito, mas tem suas adversárias pelo posto de melhor do mundo.

Karolina Pliskova tem histórico de confrontos equilibrado com a japonesa Naomi Osaka e australiana Ashleigh Barty, tenistas que estiveram na briga pelo topo do ranking da WTA recentemente. Já a romena Simona Halep, outra que foi número 1 do mundo, tem grande vantagem sobre a tcheca.

A alemã Angelique Kerber, por sua vez, tem curta vantagem nos duelos com Karolina Pliskova, mas venceu a disputa mais importante entre as duas, na final do US Open de 2016.

Para chegar àquela final contra Kerber, Pliskova precisou derrotar Serena Williams nas semifinais do Aberto dos Estados Unidos. Contra a norte-americana, ela tem mais um confronto historicamente equilibrado.

Vá além do mundo do Tênis! Confira também nossos outros conteúdos:

Frases de Karolína Plíšková

  • “Se você acredita em si mesma, pode vencer qualquer uma”
  • “Antes, eu era um pouco cética sobre ser treinada por mulheres, porque não sei se elas são diferentes, e nem toda mulher pode ser rigorosa para tirar o melhor de você. Eu estava preocupada com isso, mas até agora vejo que algumas mulheres podem ser muito mais fortes que os homens, na verdade”
  • “Quando estou na quadra, só me preocupo com a minha metade. O que quer que esteja na outra metade, eu simplesmente não me importo”
  • “O principal para mim foi quando ganhei meu primeiro título em Kuala Lumpur. Esse foi o maior passo que eu dei. Eu cheguei ao Top 100 e fiquei lá desde então”
  • “Normalmente, meu objetivo é superar a primeira rodada, porque é a mais difícil”
  • “Esses são os títulos pelos quais você joga, então eu gostaria de ter um título de Grand Slam na minha vida, e farei o meu melhor para conquistá-lo”
  • “Não me pressiono muito, porque se não jogo bem em um Grand Slam, sei que há outro daqui a alguns meses”
  • “É bom ter alguém no circuito tão perto de você quero dizer, minha irmã. Não há ninguém mais perto de mim no circuito, então eu não preciso de nenhuma outra amiga além dela. Nós sempre conversamos sobre tudo, não apenas sobre tênis”

A saber, Karolina Pliskova segue em busca de dois objetivos: retornar à liderança do ranking da WTA e conquistar seu primeiro Grand Slam. Por fim, enquanto aguarda pelos próximos passos de Pliskova no tênis, aproveite para conhecer mais sobre outros importante nomes do esporte:

*Última atualização em 21 de setembro de 2020