Djokovic segue como grande favorito no Australian Open 2024. A saber, o sérvio recebeu uma oferta de patrocínio enquanto disputa o Grand Slam australiano; no entanto, recusou e explicou o motivo. Veja a seguir.

Novak Djokovic encanta por vitória no sacrifício

Djokovic recusa patrocínio e dispara: "Não acredito nisso"
Divulgação

Novak está na terceira rodada do Australian Open 2024 e enfrenta o argentino Tomás Martín Etcheverry nesta sexta-feira, 19.

No entanto, a primeira partida foi bastante discutida, pois o número um do mundo não estava 100% bem de saúde e ainda assim conquistou a vitória contra um valente adversário, o adolescente croata Prizmic. Nole até elogiou seu oponente.

Estou um pouco indisposto, [estive nos últimos] quatro ou cinco dias. Você provavelmente pode julgar pelo meu tom de voz… É o que é. Você só precisa tentar lidar com isso, superar, aceitar as circunstâncias e tentar tirar o máximo disso.

Eu tive um oponente incrível. Para um jovem de 18 anos, ele jogou de maneira tão madura e confiante na quadra, lutando, não desistindo, mesmo quando estava quatro [a zero] abaixo no quarto set.

[Fiquei] impressionado com sua mentalidade, com sua abordagem, com seu jogo. Ele entrou lá não com o desejo de apenas jogar um set legal ou aproveitar a experiência, mas sim de vencer. – disse o sérvio.

Djokovic venceu um recorde de 10 títulos do Australian Open, incluindo os últimos quatro em que participou. Ele é o favorito absoluto para erguer o troféu este ano após conquistar três Grand Slams em 2023.

Você ama esportes? Confira alguns que o Esportelândia cobre:

  1. Surf
  2. Fisiculturismo
  3. Automobilismo
  4. Artes marciais
  5. Atletismo
  6. Basquete
  7. Tênis
  8. Vôlei

Djokovic recusa patrocínio de videogame

Djokovic recusa patrocínio e dispara: "Não acredito nisso"
Divulgação

A saber, Novak Djokovic teria rejeitado a oportunidade de endossar a marca de um videogame porque ‘não era um bom uso de seu tempo'.

O jogador de 36 anos busca conquistar seu 25º título de Grand Slam este mês, estendendo um recorde.

De acordo com o Tennis Channel, Djokovic tomou a decisão de recusar o endosso porque não acreditava no videogame. E ele ativamente repudia jogar videogames.

Após a divulgação do Tennis Channel, Lindsay Davenport, tricampeã de Grand Slam, elogiou a atitude do sérvio.

É disso que estou falando sobre disciplina – são todas as áreas. Quando o próximo grande campeão americano vai surgir, bem, você tem que torcer para que o Novak tenha ido embora. Porque ele está gastando cada minuto [pensando] ‘como vou melhorar amanhã, como vou vencer esse jogador amanhã, em uma semana, em duas semanas.

Que tal se aprofundar no mundo esportivo e ir além? Confira aqui no Esportelândia: