Antes de tudo, Boris Becker é um ex-tenista alemão que chegou a ser número #1 do mundo. A saber, por seis vezes, foi campeão de Grand Slam e medalhista de ouro olímpico em 1992, jogando em dupla com Michael Stich. Bem como, também foi vice-campeão em quatro outros torneios do Grand Slam.

Em suma, 1989, possivelmente foi o ponto alto da carreira de Becker. Ele Derrotou Stefan Edberg na final de Wimbledon, e venceu Ivan Lendl na final do US Open. Ajudou também a Alemanha a revalidar a Copa Davis.

No ano de 1990, Becker encontrou-se com Edberg novamente pelo terceiro ano consecutivo no final de Wimbledon, onde o alemão foi derrotado pelo sueco no quinto set.

Becker alcançou o final do Open da Austrália pela primeira vez na sua carreira em 1991, onde derrotou Ivan Lendl. Com o título conquistado, Becker se sagrou o #1 no ranking mundial, onde manteve a posição por diversas semanas. No mesmo ano, ele chegou a final de Wimbledon, onde perdeu inesperadamente para seu compatriota alemão Michael Stich, com quem conquistou o ouro olímpico nas Olimpíadas de Barcelona em 1992.

Em 18/12/2013, Novak Djokovic anunciou Becker como seu novo técnico. Permaneceram juntos por três temporadas, nas quais Djoko ganhou 25 títulos, incluindo seis Grand Slams, terminando dois anos como número 1 do mundo. No final de 2016, após o sérvio perder o topo do ranking para Andy Murray, Becker e Djokovic anunciaram o fim da parceria

Prêmios de Boris Becker

Becker ganhou um total de 49 títulos simples e mais 15 em duplas. Venceu o campeonato Tennis Masters Cup em 1988, 1992 e em 1995. Na Copa Davis, seu registro da vitórias-derrotas foi 54-12, incluindo um incrível 38-3 em jogos individuais. Ganhou também outros dois títulos internacionais para a sua equipe, representando a Alemanha na Copa Hopman, em 1995 e a World Team Cup, em 1989 e em 1998. O valor em prêmios da carreira de Becker, totalizou $25.080.956.

Prêmios profissionais

  • Campeão Mundial da ITF: 1989;
  • Jogador ATP do ano: 1989;
  • ATP Most Improved Player: 1985.

Ganhos de Boris Becker

Boris Becker ganhou mais de US$ 25 milhões (R$ 138.9 milhões) em prêmio em dinheiro durante a sua carreira, sendo o 14º na história com os maiores ganhos.

Curiosidades de Boris Becker

Becker joga agora como sênior no ATP Tour. Sendo assim, permanece uma figura enormemente popular em Wimbledon e em documentários realizados para a emissora da BBC.

Em suma, Boris Becker Percorre o Circuito do Pokerstars Europa Poker Tour (EPT) e pode ser encontrado nas mesas do jogo online, com o nick Boris Becker.

Em 2002, o tenista teve condenação a dois anos de liberdade condicional e a pagar meio milhão de euros por fuga ao fisco, entre 1991 e 1993.

Um tribunal declarou, em 21 de junho de 2017, falência ao antigo tenista alemão. Os advogados de Becker tentaram ao tribunal inglês de falências, mais uma oportunidade para pagar a dívida de uma segunda hipoteca sobre uma casa em Maiorca, mas sem exito. Suas dívidas nessa época, estavam em 56 milhões de euros (R$ 311 milhões).

Por fim, em 2019, tentando abater parte de suas dívidas, Boris Becker fez um leilão de alguns de seus iténs, como troféus, medalhas, raquetes, fotografias, relógios e outros objetos pessoais. Com a venda dos objetos, o tenista arrecadou mais de R$ 3.2 milhões.