Desfalque certo nas quatro primeiras etapas da WSL, João Chianca segue se recuperando de sua grave lesão ainda no final de 2023, quando treinava em Pipeline.

Na ocasião, o jovem que terminou como o quarto melhor surfista do mundo acabou sendo resgatado desacordado do oceano após uma queda.

Lucas comenta sobre o acidente de João Chianca

João Chianca nas Olimpíadas? Presidente da CBSurf comenta: “Eu me preocupo com a…”
WSL/Cait Miers

Ainda longe das competições oficiais, João Chianca vive a expectativa pelo seu retorno ao circuito mundial e também a preparação para disputar as Olimpíadas.

Em entrevista ao podcast Surf 360° no YouTube, Lucas Chumbo, o irmão de João, revelou detalhes do acidente que ocorreu em Pipeline:

Foi um baque, um susto muito grande. Uma das situações mais sinistras que eu já vivi na minha vida. Ao mesmo tempo, meu irmão é um atleta muito saudável e preparado.

Ele passou por aquilo ali como se fosse nada, foi rápido. A recuperação poderia durar meses e demorou muito menos. Falaram que ele só ia poder surfar depois de seis meses e ele já conseguiu voltar.

Contando um pouco do acidente, ele vacou naquela onda, subiu, pegou a prancha e voltou. Quando ele furou a segunda onda, bateu a cabeça na parte de trás do reef e teve uma leve fissura no crânio, tinha água no pulmão, mas deu tudo certo Graças a Deus”, afirmou Lucas Chianca.

Chumbinho segue fora da próxima etapa do circuito mundial da WSL em Bells Beach. Ainda não se sabe quando o número quatro do mundo deve retornar. Porém, segundo Lucas, não deve demorar, já que João está 100%, segundo Chumbo.

Continue no mundo do surf! Confira também nossos outros conteúdos: