O Pinheiros e o Sesi se enfrentaram em Bauru nesta última sexta-feira (5) pela final da Copa São PauloA saber, a equipe pinheirense com muitas mudanças com relação a temporada passada. Enquanto isso, algumas novidades pontuais no time da casa. Com uma partida memorável, Pinheiros vence de virada e se consagra bicampeão!

1º set: Sesi larga na frente

O jogo começou com fatos interessantes. Em 4 x 3 para o Sesi, Pinheiros não havia efetuado nenhum ponto. Os 3 primeiros foram de erros do time de Bauru.

Vale ressaltar a oposta Ivna, a qual marcou presença logo neste início com pontos de ataque e bloqueio.

Se iniciam os grandes rallys e a equipe visitante passou a frente. De fato, o sistema de defesa e bloqueio foram determinantes nesse avanço. A partida se manteve ponto a ponto até 25 x 22 para o Sesi.

2º set: Reação pinheirense

Diferentemente do primeiro set, este segundo iniciou com vantagem pinheirense. A saber, o time abriu 7 x 3 com bloqueios e contra ataques de bastante eficiência.

Por certo, Sesi logo correu atrás e igualou o placar. Vale ressaltar a atuação de Thaisinha, a qual novamente tem se apresentado com uma bela atuação.  Além disso, Leia também está fazendo uma grande estreia pelo time de Bauru.

Apesar disso, Pinheiros voltou a frente e se manteve até o último ponto. Pois, fecharam em 25 x 21. A saber, Edinara também ganhou destaque nesse segundo set com 7 pontos.

Amanda e Vitória Parise entraram no Pinheiros. Por outro lado, Sabrina pelo Sesi

3º set: Pinheiros administrou as vantagens

Este terceiro set se iniciou com uma melhoria na técnica de ambos os lados. A equipe de Pinheiros cresceu consideravelmente. Algo bastante positivo no time foi a mudança de postura. Se mantiveram mais firmes e sabendo administrar o jogo.

A saber, Amanda se manteve em quadra no lugar de Paula. Além disso, Rose entrou junto com Grossi na inversão de 5 x 1. Com destaque para Thalia, a equipe pinheirense fechou em 25 x 21 novamente.

4º set: Karina decisiva

Este quarto set se iniciou parecido com o primeiro, mais efetividade do time da casa. Assim, disparou na frente com 13 x 6. Com tamanha consistência e construção de contra ataque, voltou com a administração do jogo e crescente de jogadoras como Karina.

Por outro lado, Edinara é a grande definidora e válvula de escape para o Pinheiros. Porém, com a finalidade de maiores opções de ataque, houve novamente a inversão com Rose e Carol Grossi.

A saber, Amanda também tem definido em momentos importantes.

Vale ressaltar novamente a Karina. A jogadora demonstrou muita personalidade, ataques bastante fortes e muita concentração. Para exemplificar, este set finalizou com um ataque dela pela saída e rede. Assim, fazendo 25 x 20.

A saber, mais mudanças: Leticia no lugar de Thaisinha.

5º set: Decisão nos detalhes

A luta permanece alta entre os times. Apesar de todas as jogadoras estarem com bastante raça, Karina e Ivna são as principais definidoras desse momento final pelo Sesi. Além disso, Dani Lins muito consciente na distribuição de bola.

Pelo Pinheiros, Amanda tem sustentado no passe nas viradas de bolas, Gabi fechou a rede em momentos cruciais, Thalia com pontos importantes e Kika com defesas muito importante.

A audiência desse jogo foi tão alta que chegou a estar em quarto lugar nos trendings topics do Twitter.

Jogo em altíssimo nível, placar empatado em 10 x 10 e um rally de 32 segundos. Dessa vez, Ivna levou a melhor e concluiu a jogada. Indubitável a partida excelente de Edinara, que já passou dos 25 pontos na partida.

Em 12 x 11 para o time visitante, Paula retorna para a quadra no lugar de Amanda com a finalidade de aumentar o bloqueio. Por fim, os dois últimos pontos do Pinheiros foram da Gabi: um de bloqueio e um de bola de cheque. Assim, a equipe pinheirense terminou em 15 x 12 e se consagrou campeã da Copa São Paulo Feminina 2022.

Foto destaque: Marcelo Ferrazoli/Sesi-SP