A mitologia e os antigos povos gregos sempre foram alvos de grande interesse na sociedade. Foi essa curiosidade que ajudou na criação das Olimpíadas da era moderna.

festival já existia na Antiguidade, onde era feito em homenagem a Zeus. Apesar das Olimpíadas atuais não terem conexões religiosas, Pierre de Coubertin se inspirou na Grécia Antiga.

Vamos conhecer mais sobre as atuais Olimpíadas.

Origem das Olimpíadas

Pierre de Coubertin
Pierre de Coubertin, idealizador das Olimpíadas modernas. Divulgação/COI

As Olimpíadas da Antiguidade não tem uma origem certa, com diversos mitos e lendas que envolviam os deuses gregos. Mas a origem dos Jogos Olímpicos da era moderna não é difícil de encontrar.

Pierre de Coubertin era um pedagogo e historiador e tinha o desejo de melhorar o sistema educacional. Parte de seus estudos eram focados na educação física e o papel do esporte nas escolas. Seu desejo era que a educação física fosse incluída no currículo escolar.

Apesar de sua missão ter falhado, Coubertin acabou conhecendo mais sobre a Grécia Antiga nesse período. E foi então que passou a focar na ideia de trazer os Jogos Olímpicos de volta para a sociedade.

História das Olimpíadas

Membros do COI em 1896
Comitê Olímpico Internacional em 1896. Divulgação/COI

Para seguir em frente com seus planos, Pierre realizou um congresso internacional em junho de 1894, em Paris. Nessa reunião, que aconteceu na Sorbonne, edifício histórico na capital francesa, ele propôs a realização de eventos periódicos e internacionais, semelhante ao que acontecia na Grécia Antiga.

É importante notar que outros também tentaram a volta dos Jogos Olímpicos, ou os fazia em menor escala. Como William Penny Brookes, com que Coubertin teve algumas reuniões. O britânico fazia uma espécie de festival olímpico, junto com o Liverpool Athletic Club.

Brookes também mantinha conversas com o governo grego, tentando trazer de volta as Olimpíadas. Na Grécia, dois primos, Evangelos e Konstantinos Zappas, usavam suas próprias riquezas para financiar os Jogos dentro do país. Houve, aliás, três edições dos Jogos Olímpicos de Zappas, em 1859, 1870 e 1875.

Ambos pagaram pela restauração do Estádio Panatenaico. No passado, era onde aconteciam algumas das provas do torneio. Em 1896, a primeira edição dos Jogos Olímpicos da Era Moderna, foi usado para alguns eventos.

É entendido que a ideia de reorganizar as Olimpíadas, partindo de Coubertin, aconteceu em 1889. Nos próximos cinco anos, o barão teve diversas reuniões com atletas e entusiastas de esportes, organizando o torneio.

Brookes escreveu para Pierre em 1890, após ver algo sobre no jornal. O britânico não pode viajar para o congresso em 1894, mas apoiava as ideias como podia. Mas foi nessa reunião onde o Comitê Olímpico Internacional (COI) foi criado, dando início aos Jogos Olímpicos da Era Moderna.

Olimpíada de Atenas 1896

Jogos Olímpicos de Atenas 1896
Atenas 1896 foi a primeira edição das Olimpíadas. Divulgação/COI

Com toda a inspiração das antigas Olimpíadas, os primeiros Jogos Olímpicos da era moderna aconteceram em Atenas, na Grécia. A disputa foi entre 6 e 15 de abril de 1896, com 241 homens participando, vindos de 14 países.

Diferente do que acontece hoje em dia, as mulheres não podiam participar do torneio. Apesar disso, Stamata Revithi desafio essa regra e se tornou a primeira mulher em uma Olimpíada, completando a maratona.

Além disso, em Atenas 1896, só havia nove modalidades: atletismo, ciclismo, esgrima, ginástica, levantamento de peso, luta, natação, tênis e tiro. Todos esses esportes permanecem no programa olímpico, mas com algumas diferenças.

Por exemplo, na natação, a prova de 100 metros livres ainda é disputada. Mas foi incluído a de 100 metros borboleta e excluído 500 metros livros. Em todos os esportes, há diferenças como essas.

Os vencedores não recebiam uma medalha de ouro, como atualmente, e sim uma medalha de prata. Também lhe era entregue um ramo de oliveira, o que acontecia na Antiguidade. Já o segundo colocado, ganhava uma medalha de bronze e um ramo de loureiro.

Para fazer a equiparação às Olimpíadas mais recentes, o COI faz o uso conhecido de medalhas de ouro, prata e bronze para os atletas de Atenas 1896. Mas o 3º colocado não recebia nada.

A primeira edição das Olimpíadas da era moderna foi um sucesso. Só que o mesmo não pode ser dito de Paris 1900 e St. Louis 1904.

Próximas Olimpíadas

Olimpíada de St. Louis 1904
St. Louis 1904. Divulgação/Museu Olímpico e Paralímpico dos Estados Unidos

Sem experiência na organização de eventos nessa escala, problemas já tinha acontecido em Atenas 1896. Como o fato de que a Grécia usava um calendário diferente, o juliano. Nele, o torneio aconteceu entre os dias 25 de março e 3 de abril, o que causou confusão e atrapalhou a inauguração.

Em Paris 1900, os Jogos Olímpicos foram integrados à Exposição Universal de Paris, por questões políticas. As competições não ocorreram em sequência, mas em um período de quatro meses, entre 14 de maio e 28 de outubro.

Sem relevância, havia pouco interesse e uma grande falta de organização. Muitos tratam como uma das piores Olimpíadas da história. Apesar disso, foi a primeira vez em que mulheres puderam participar de forma oficial. Helénè de Pourtalés, é a primeira campeã olímpica.

Em St. Louis 1904, o desinteresse público foi muito grande. É estimado que apenas duas mil pessoas assistiram às provas na cidade dos Estados Unidos.

A ascensão das Olimpíadas acontece nos Jogos Olímpicos Intercalados de 1906. Realizados em Atenas, não houve a espera de quatro anos e não são reconhecidos pelo COI, nunca mais tendo acontecido.

No entanto, vários atletas internacionais foram para a disputa. Atraindo um grande público, a popularidade e prestígio das Olimpíadas começaram a se tornar o que é hoje.

Períodos de Guerra Mundial

Soldados irlandeses em uma trincheira na Batalha do Somme, durante a Primeira Guerra Mundial.
Soldados em trincheira na Batalha do Somme, durante a Primeira Guerra Mundial. Reprodução

Os Jogos Olímpicos modernos só foram interrompidos por duas ocasiões: a Primeira e a Segunda Guerra Mundial. A primeira começou em julho de 1914, terminando apenas em novembro de 1918.

Durante esse período, era para ter acontecido a VI Olimpíada. Os Jogos Olímpicos iriam acontecer em Berlim, na Alemanha, com a escolha tendo sido feita em 1912.

Durante a Segunda Guerra Mundial, a XII Olimpíada e a XIII Olimpíada foram interrompidas. O conflito se iniciou em 1939, só tendo fim em 1945. Assim, impediu a realização de dois Jogos Olímpicos.

Os Jogos de Inverno começaram a ser disputados em 1924. Com isso, tanto os Jogos Olímpicos de Verão como os de Inverno foram cancelados. Para a competição de verão, a realização seria em Tóquio, no Japão, mudando para Helsinque, na Finlândia, por conta da Segunda Guerra Sino-Japonesa, em 1937.

Como a Segunda Guerra Mundial se iniciou em 1939, o evento de verão de 1940 foi cancelado completamente. Já o de inverno era para ter sido em Garmisch-Partenkirchen, na Alemanha, que já era a segunda opção. A primeira tinha sido Sapporo, no Japão.

Em 1944, a cidade para os Jogos de Verão era Londres, sendo mantida para a realização em 1948. Já as Olimpíadas de Inverno seriam em Cortina, na Itália, não permanecendo a mesma para quatro anos depois.

Uma Olimpíada

Cerimônia de encerramento Rio 2016
Cerimônia de encerramento em Rio 2016. Redprodução

Atualmente, Jogos Olímpicos e Olimpíadas são usados como sinônimos. No entanto, uma “Olimpíada” também tem um significado diferente. Conforme a Carta Olímpica, é o período de quatro anos entre o ano de realização de um Jogos Olímpicos até o próximo.

Cada Olimpíada, ou também chamado de Período Olímpico, começa no primeiro dia de janeiro do ano dos Jogos Olímpicos. Com Paris 2024, por exemplo, estamos na XXXIII Olimpíada, que terá fim em 31 de dezembro de 2027. Em 2028, será iniciado a XXXIV Olimpíada.

O mesmo é aplicado para os Jogos Olímpicos de Inverno. No momento, estamos vivendo ainda na XXIV Olimpíada, com o torneio acontecendo em 2022, em Pequim, na China.

As diferentes Olimpíadas atuais

Olimpíadas de Inverno
Os anéis olímpicos nas Olimpíadas de Inverno Pequim 2022. Iconsport

As Olimpíadas de Verão são os eventos mais conhecidos e também o maior do mundo. Foram esses Jogos Olímpicos criados em 1896 e que quase não teve interrupções ao longo dos anos.

Mas há alguns outros, derivados desses, as Olimpíadas de Inverno são um exemplo, já mencionada algumas vezes. Como também os da Juventude e as Paraolimpíadas. Todos acontecem a cada quatro anos.

Jogos Olímpicos de Inverno

Snowboard Olimpíadas de Inverno
Snoawboard é um dos esportes das Olimpíadas de Inverno. Iconsport

A primeira edição das Olimpíadas de Inverno aconteceu em 1924, em Chamonix, na França. Ela, na verdade, ocorreu com o nome de “Semana Internacional de Desportos de Inverno”. Apenas em 1926 é que o COI decidiu reconhecer como Jogos Olímpicos, passando a acontecer a cada quatro anos.

Como o próprio nome já indica, as competições são com esportes no gelo ou na neve. Por isso, suas modalidades são bem diferentes dos Jogos de Verão. O Brasil tem pouca tradição, com pouquíssimas participações no torneio.

Nos primeiros anos, os Jogos Olímpicos de Inverno aconteciam no mesmo país que os Jogos de Verão. Isso aconteceu até 1936, na Alemanha. Após as duas edições canceladas por conta da Segunda Guerra Mundial, a situação mudou.

Mesmo assim, durante anos, os dois torneios aconteciam nos mesmo anos. A mudança veio a partir de 1986, quando o COI decidiu que os Jogos iriam acontecer a cada dois anos, intercalando as competições de inverno e verão.

Isso fez com que as Olimpíadas de Inverno de 1994 acontecesse só dois anos após os Jogos de 1992, a última no mesmo ano dos Jogos de Verão. Mas, desde então, o torneio segue acontecendo a cada quatro anos.

Jogos Olímpicos da Juventude

Olimpíadas da juventude
O limite de idade é de 15 a 17 anos. Iconsport

Há duas versões desse Jogos, o de verão e o de inverno. Ambos são relativamente recentes, acontecendo a cada quatro anos entre as edições da mesma estação.

O primeiro foi o de verão, em agosto de 2010, realizado em Singapura. Dois anos depois, foi a vez dos esportes de inverno, em janeiro de 2012, na cidade de Innsbruck, na Áustria.

Era para ambos já terem quatro edições realizadas. No entanto, por conta da pandemia de COVID-19, houve o adimento dos Jogos de Verão da Juventude. Isso fez com não houvesse o torneio em 2022, deixando para 2026.

Na 127º Sessão do COI, em 2014, houve uma decisão de que os torneios não seriam no mesmo anos que os Jogos Olímpicos principais. Isso acabou sendo revertido.

Assim, os Jogos de Verão da Juventude acontecem nos anos dos Jogos de Inverno. Já a versão de inverno da juventude, é realizada nos anos dos Jogos de Verão.

Jogos Paralímpicos

Futebol nos Jogos Paralímpicos
Os esportes são adaptados para os Jogos Paralímpicos. Iconsport

No começo, não estavam tão ligados com os Jogos Olímpicos como acontece hoje em dia. Sua primeira edição foi em 1960, em Roma, na Itália, onde também teve as Olimpíadas de Verão naquele ano.

Crescendo ao longo dos anos, a primeira versão de inverno da Paraolímpiada veio em 1976. Desde então, os dois torneios acontecem a cada quatro anos, nos mesmos anos das Olimpíadas de suas estações.

O COI não organiza os Jogos Paralímpicos, sendo responsabilidade do Comitê Paralímpico Internacional (CPI). Mas o órgão foi criado somente em 1989, após o apoio e organização do COI nas Paraolímpiadas de 1988.

A partir de então, os dois Comitês Olímpicos trabalham juntos. Isso garante que os Jogos Olímpicos e Paraolímpicos aconteçam na mesma cidade, com as Paraolímpiadas sendo realizadas na sequência das Olimpíadas.

Símbolos dos Jogos Olímpicos

Há diversos símbolos olímpicos dos Jogos atuais. Sem dúvidas, um dos mais conhecidos são os anéis olímpicos. Mas vamos entender cada um deles:

Anéis olímpicos

Anéis olímpicos
Os anéis olímpicos em Tóquio 2020. Iconsport

São cinco arcos interlaçados, nas cores azul, preto, vermelho (em cima), amarelo e verde (embaixo). Essas cores representam as cinco partes do mundo.

Foi concebido pelo Barão de Coubertin, em 1913. As cores escolhidas é por serem frequentemente usadas nas bandeiras mundias. Ao menos uma cor está na bandeira de cada país.

Bandeira olímpica

Bandeira olímpica
Divulgação/COI

Se trata dos cinco arcos com um fundo branco, sendo hasteada em todos os Jogos e ações relacionadas ao COI.

Lema olímpico

“Citius, Altius, Fortius”, significam “mais rápido, mais alto, mais forte”. Também há um lema informal, que é expressado no juramento olímpico, “o mais importante não é vencer, mas participar”.

Tocha olímpica

Tocha olímpica Paris 2024
Tocha olímpica de Paris 2024. Divulgação/2024

Ou chama olímpica, também é um dos mais conhecidos. Para cada Jogos Olímpicos, um novo modelo é feito. A tocha é sempre acesa em Olímpia, em frente às ruínas do templo de Hera.

Há um ritual feito toda vez que a tocha é acesa. A partir disso, ela viaja até a cidade sede do torneio, sem nunca ser apagada, onde irá para a pira olímpica, também ficando acesa durante o período dos Jogos.

Hino olímpico

A letra é de Kostís Palamás em 1800, a composição é de Spyridion Samaras em 1896, mas só foi adotado pelo COI em 1958. É cantado na Cerimônia de Abertuda, enquanto a bandeira é hasteada, e na Cerimônia de Encerramento, enquanto é arriada. Sua letra é:

Oh! Arcaico espírito imortal, imaculado
Pai da beleza, da grandeza e da veracidade
Desça, se faça presente e faça brilhar aqui e
Mais além, na Glória de sua Terra e Céu

Na corrida, na luta e no arremesso, faça
brilhar o ímpeto das nobres competições
Modelando com aço e dignidade o corpo
Coroando-o com a imperecível rama do louro

Campos, montanhas e mares se vão contigo
Tal como um alvirrubro magno templo
Para o qual se conduz aqui como seu peregrino
Oh, arcaico espírito imortal, cada nação.

Carta olímpica

São regras e guias que comandam a organização dos Jogos Olímpicos. Ela estabelece princípios e valores olímpicos, serve como um código para o COI e define os direitos e obrigações dos organizadores. A carta possui cinco capítulos e 61 artigos.

Mascotes olímpicos

No começo, não eram feitos mascostes, com a tradição só começando em Grenoble 1968, nas Olimpíadas de Inverno. Ele foi um mascote não-oficial, chamado de Schuss.

No entanto, há também o Smoky que é, algumas vezes, considerado o primeiro mascote não oficial. Ele foi um cachorro, da raça terrier escocês, que nasceu na vila olímpica antes das Olimpíadas de Los Angeles 1932.

Para os Jogos Olímpicos de Verão, o primeiro mascote oficial foi em Munique 1972. Em todas as edições, a ideia é que representem a cidade, ou país, que sediam o torneio internacional.

Munique 1972

Mascote Olímpico Munique 1972
Divulgação/COI

Chamado de Waldi, o primeiro mascote oficial das Olimpíadas era um cachorro da raça Dachshund. Também foi o primeiro para os Jogos Olímpicos de Verão. Ele representava os atributos de um atleta: a resistência, tenacidade e agilidade.

Innsbruck 1976

Innsbruck 1976 Mascote
Divulgação/COI

De forma oficial, Scheneemann, um boneco de neve, foi o primeiro mascote das Olimpíadas de Inverno. Seu nome significa, de forma literal, boneco de neve em alemão. Ele representou os “Jogos da Simplicidade”.

Montreal 1976

Montreal 1976 Mascote
Divulgação/COI

Com os Jogos de Verão acontecendo no Canadá, a escolha pelo mascote foi um castor. O animal é um dos símbolos nacionais do país e recebeu o nome de Amik. A palavra vem da língua Anishinaabe, povo indígena da região, e significa castor.

Lake Placid 1980

Lake Placid 1980 Mascote
Divulgação/COI

Chamado de Roni, o mascote dos Jogos de Inverno representava um guaxinim. O animal é comum da região dos Estados Unidos onde aconteceram as Olimpíadas.

Moscou 1980

Mascote Olímpico de Moscou 1980
Divulgação/COI

Definitivamente um dos mascotes mais conhecidos, Misha é um urso pardo. O animal é comum na Rússia, local onde hoje Moscou fica localizada. Na época, era na União Soviética, com o urso pardo sendo um símbolo do estado. O sucesso do mascote foi internacional e é dado como o mais famoso.

Sarajevo 1984

Mascote de Sarajevo 1984
Reprodução

Recebendo o nome de Vučko, o mascote dos Jogos de Inverno dessa edição foi um lobo. Na região do torneio, lobos são animais comuns e, segundo o COI, o mascote teria ajudado a mudar a percepção negativa sobre eles. Ele representava a vontade dos humanos de se tornar maigos dos animais.

Los Angeles 1984

Mascote Olímpico Los Angeles 1984
Divulgação/COI

O conhecido símbolo dos Estados Unidos, a águia de cabela branca, foi usada como mascote. O “Tio Sam” também se trata de um símbolo nacional, sendo o nome de Sam escolhido para o mascote.

Calgary 1988

Calgary 1988 Mascotes
Divulgação/COI

Voltando para o Canadá, em mais uma edição dos Jogos Olímpicos no país, o mascote foram dois ursos polares. Chamados de Hidy e Howdy, representavam a hospitalidade do oeste canadense.

Seul 1988

Mascotes Olímpicos de Seul 1988 - Fotos e História
Divulgação/COI

No mesmo ano, para os Jogos de Verão, o mascote escolhido foi um tigre. Com o torneio sendo na Coreia do Sul, a opção foi por um animal que está presente em diversas lendas nacionais. Seu nome foi Hodori.

Albertville 1992

Albertville 1992 Mascote
Divulgação/COI

Saindo dos mascotes animais, a França escolheu uma estrela de gelo. Magique tinha as cores da bandeira do país. Ele não era o mascote origianl, que se tratava de um cabra da montanha.

Barcelona 1992

Mascote Olímpico de Barcelona 1992
Divulgação/COI

Cobi foi o mascote dos Jogos de Verão dessa edição. Ele era um cão da raça pastor catalão. O COI afirma que se trata de um dos mais populares e de maiores sucessos comercial, ao lado de Misha.

Lillehammar 1994

Mascotes Lillehammer 1994
Divulgação/COI

No primeiro ano em que as Olimpíadas de Inverno não foram no mesmo ano que os Jogos de Verão, o mascote foi duas crianças norueguesas. Com os nomes de Håkon and Kristin, usavam roupas vikings tradicionais.

Atlanta 1996

Atlanta 1996 mascote
Divulgação/COI

Após sair de mascotes animais, Izzy, o escolhido para Atlanta 1996, é um objeto abstrato. Como não é possível identificar o que era, foi apresentado no encerramento de Barcelona 1992 como “Whatizit”. A palavra vem da frase “what's it?”, o que é isso, em português.

Sua versão final foi apresentada em 1995, após mudanças por não ter tido sucesso entre o público. O mascote foi o primeiro a ser feito por computadores, sem ter uma referência local, como os outros.

Nagano 1998

Os mascotes do Nagano 1998, Sukki, Nokki, Lekki e Tsukki
Divulgação/COI

Dessa vez, se tratavam de quatro corujas, Sukki, Nokki, Lekki e Tsukki, eles também foram chamados de Snowlets, uma combinação com as primeiras letras de cada nome. Representavam as quatro principais ilhas do Japão.

Sydney 2000

Sydney 2000 Mascotes
Divulgação/COI

Três mascotes foram feitos, cada um com uma representação. Olly, de Olympic, uma cucaburra (ave), representava o espírito de generosidade. Syd, de Sydney, um ornitorrinco, seria o meio-ambiente e a energia do povo australiano. Millie, de Millennium, uma equidna, represetava o novo milênio.

Salt Lake City 2002

Mascotes de Salt Lake City 2002
Divulgação/COI

Três animais representavam o lema olímpico. Citius: mais rápido, era Powder, uma lebre americana. Altius: mais alto, era Copper, um coiote. E fortius: mais forte, era Coal, um urso negro.

Atenas 2004

Mascotes Olímpicos Atenas 2004
Divulgação/COI

Athena e Phevos eram duas crianças, irmãos, que representavam bonecos gregos antigos. A imagem era inspirada em bonecos de argila, que são encontrados em escavações na Grécia.

Turim 2006

Mascotes Olímpicos de Turim 2006
Divulgação/COI

Neve e Gliz, uma bola de neve e um cubo de gelo, foram as imagens escolhidas para o mascote desses Jogos de inverno. Eles representaram a gentileza, elegância, amizade, entusiamos e alegria.

Pequim 2008

Mascotes Olímpicos de Pequim 2008
Divulgação/COI

Para essa edição, o nome de Fuwa foi dado para o grupo de mascotes. Beibei, Jingjing, Huanhuan, Yingying e Nini, que forma a frase “Beijing huan ying ni”, Pequim dá as boas-vindas a você. Eles eram um peixe, um panda gigante, a chama olímpica, um chiru e uma andorinha.

Vancouver 2010

De novo, foram feitos três mascotes: Miga, animal mistíco que é metade urso, metade baleia; Quatchi, um pé grande da mitologia canadense; e Sumi é um espírito guardião dos animais. Assim, os mascotes estavam ligados a criaturas mitológicas.

Londres 2012

Wenlock e Mandeville, duas gotas de aço que representam o começo da Revolução Industrial no Reino Unido. Seus nomes estão ligados às vilas Much Wenlock e Stoke Mandeville, onde seriam o berço dos Jogos Paralímpicos.

Sochi 2014

Mascotes de Sochi 2014
Divulgação/COI

Representando os animais da fauna russa, a escolha foi feita por votação popular, algo feito pela primeira vez. Bely Mishka, um urso polar, Snow Leopard, um leopardo das neves, e Zaika, uma lebre.

Rio 2016

Vinicius, homenageando Vinicius de Moraes, teve seu nome decidido por voto popular. O mascote é um híbrido de ave, macaco e felino, animais da fauna brasileira. Só um foi feito para os Jogos Olímpicos, mas Tom era muito usado. O seu vinha de Tom Jobim e era uma mistura de plantas brasileiras.

Pyeongchang 2018

Mascotes de Pyeongchang 2018
Divulgação/COI

Assim como Rio 2016, os mascotes foram usados juntos. Shoohorang era um tigre branco, enquanto Bandabi era um urso negro. O urso representa Gangwon, onde o torneio aconteceu. Enquanto o tigre é um animal considerado protetor da Coreia do Sul.

Tóquio 2020

Miratowa foi o mascote dos Jogos Olímpicos e Someity dos Jogos Paralímpicos. Ambos possuem estéticas futuristas e representam a tradição e inovação japonesa.

Pequim 2022

Para as Olimpíadas de Inverno, Bing Dwen Dwen foi o mascote olímpico e Shuey Rhon Rhon o mascote paralímpico. O primeiro era um panda, mas estava coberto de gelo. Enquanto o segundo se tratava de uma lanterna chinesa.

Paris 2024

As Phryges são gorros frígios, símbolo da Revolução Francesa. Se tratam de duas imagens, com um sendo para os Jogos Olímpicos. O outro é para as Paraolímpidas, usando uma prótese de perna.

Esportes das Olimpiadas da era moderna

Atletismo nas Olimpíadas
Atletismo é um dos esportes presentes desde a Antiguidade. Iconsport

Ao longo dos anos, os esportes disputados nas Olimpíadas foram mudando. Para Paris 2024, esse é o programa olímpico:

Todos os Jogos Olímpicos modernos

Jogos Olímpicos de Verão

Ano Ordem Cidade País
1896 I Olimpíada Atenas Grécia
1900 II Olimpíada Paris França
1904 III Olimpíada Saint Louis Estados Unidos
1908 IV Olimpíada Londres Grã-Bretanha
1912 V Olimpíada Estocolmo Suécia
1916 VI Olimpíada Interrupção devido à Primeira Guerra Mundial
1920 VII Olimpíada Antuérpia Bélgica
1924 VIII Olimpíada Paris França
1928 IX Olimpíada Amsterdã Holanda
1932 X Olimpíada Los Angeles Estados Unidos
1936 XI Olimpíada Berlim Alemanha
1940 XII Olimpíada Interrupção devido à Segunda Guerra Mundial
1944 XIII Olimpíada
1948 XIV Olimpíada Londres Grã-Bretanha
1952 XV Olimpíada Helsinque Finlândia
1956 XVI Olimpíada Melbourne Austrália
1960 XVII Olimpíada Roma Itália
1964 XVIII Olimpíada Tóquio Japão
1968 XIX Olimpíada Cidade do México México
1972 XX Olimpíada Munique Alemanha Ocidental
1976 XXI Olimpíada Montreal Canadá
1980 XXII Olimpíada Moscou União Soviética
1984 XXIII Olimpíada Los Angeles Estados Unidos
1988 XXIV Olimpíada Seul Coreia do Sul
1992 XXV Olimpíada Barcelona Espanha
1996 XXVI Olimpíada Atlanta Estados Unidos
2000 XXVII Olimpíada Sydney Austrália
2004 XXVIII Olimpíada Atenas Grécia
2008 XXIX Olimpíada Pequim China
2012 XXX Olimpíada Londres Grã-Bretanha
2016 XXXI Olimpíada Rio de Janeiro Brasil
2020 XXXII Olimpíada Tóquio Japão
2024 XXXIII Olimpíada Paris França
2028 XXXIV Olimpíada Los Angeles Estados Unidos
2032 XXXV Olimpíada Brisbane Austrália

Jogos Olímpicos de Inverno

Ano Ordem Cidade País
1924 I Olimpíada Charmonix França
1928 II Olimpíada São Moritz Suíça
1932 III Olimpíada Lake Placid Estados Unidos
1936 IV Olimpíada Garmisch-Partenkirchen Alemanha
1940 V Olimpíada Interrupção devido à Segunda Guerra Mundial
1944 VI Olimpíada
1948 V Olimpíada São Moritz Suíça
1952 VI Olimpíada Oslo Noruega
1956 VII Olimpíada Cortina d'Ampezzo Itália
1960 VIII Olimpíada Squaw Valley Estados Unidos
1964 IX Olimpíada Innsbruck Áustria
1968 X Olimpíada Grenoble França
1972 XI Olimpíada Sapporo Japão
1976 XII Olimpíada Innsbruck Áustria
1980 XIII Olimpíada Lake Placid Estados Unidos
1984 XIV Olimpíada Sarajevo Iugoslávia
1988 XV Olimpíada Calgary Canadá
1992 XVI Olimpíada Albertville França
1994 XVII Olimpíada Lillehammer Noruega
1998 XVIII Olimpíada Nagano Japão
2002 XIX Olimpíada Salt Lake City Estados Unidos
2006 XX Olimpíada Turim Itália
2010 XXI Olimpíada Vancouver Canadá
2014 XXII Olimpíada Sóchi Rússia
2018 XXIII Olimpíada Pyeongchang Coreia do Sul
2022 XXIV Olimpíada Pequim China
2026 XXV Olimpíada Milão-Cortina Itália

Quadro de medalhas geral das Olimpíadas

País Ouro Prata Bronze Total
Estados Unidos 1061 836 738 2636
União Soviética 395 319 296 1010
Grã-Bretanha 285 316 315 916
China 262 199 173 634
França 226 258 280 764
Itália 217 188 213 618
Alemanha 201 205 246 652
Hungria 181 154 176 511
Japão 169 150 178 497
Austrália 164 173 210 547
Alemanha Oriental 153 129 127 409
Rússia 149 125 152 426
Suécia 148 176 179 503
Finlândia 101 85 119 305
Coreia do Sul 96 91 100 287
Holanda 95 104 122 321
Romênia 90 97 121 308
Cuba 85 71 85 241
Polônia 72 89 137 298
Canadá 71 108 147 326
Noruega 60 51 49 160
Alemanha Ocidental 56 67 81 204
Bulgária 54 88 82 224
Suíça 53 79 73 205
Nova Zelândia 53 33 51 137
Checoslováquia 49 49 45 143
Dinamarca 48 78 79 205
Espanha 48 72 47 167
Equipe Unificada 45 38 29 112
Bélgica 43 54 58 155
Turquia 41 26 37 104
Brasil 37 42 71 150
Grécia 35 45 41 121
Ucrânia 35 36 68 139
Equipe Alemã Unida 28 54 36 118
Iugoslávia 28 31 31 90
África do Sul 27 33 29 89
Jamaica 26 36 25 87
Irã 24 23 29 76
Etiópia 23 12 23 58
Argentina 21 26 30 77
ROC 20 28 23 71
Áustria 19 34 41 94
República Checa 19 21 27 67
Coreia do Norte 16 16 22 54
Cazaquistão 15 21 36 72
Croácia 14 13 14 41
Bielorrússia 13 30 42 85
México 13 24 36 73
Irlanda 11 10 14 35
Eslováquia 10 14 8 32
Geórgia 10 12 18 40
Estônia 10 9 17 36
Índia 10 9 16 35
Tailândia 10 8 17 35
Uzbequistão 10 6 20 36
Indonésia 8 14 15 37
Egito 8 11 19 38
Eslovênia 8 9 11 28
Equipe mista 8 5 4 17
Bahamas 8 2 6 16
Azerbaijão 7 14 28 49
Taipé Chinês 7 11 18 36
Marrocos 7 5 12 24
Lituânia 6 7 13 26
Sérvia 6 7 11 24
Colômbia 5 13 16 34
Portugal 5 9 14 28
Argélia 5 4 8 17
Tunísia 5 3 7 15
Letônia 4 11 6 21
Uganda 4 4 3 11
Nigéria 3 11 13 27
Venezuela 3 7 9 19
Trinidad e Tobago 3 5 11 19
República Dominicana 3 5 4 12
Australásia 3 4 5 12
Zimbabwe 3 4 1 8
Paquistão 3 3 4 10
Equador 3 2 0 5
Israel 3 1 9 13
Camarões 3 1 2 6
Kosovo 3 0 0 3
Mongólia 2 11 17 30
Armênia 2 8 8 18
Chile 2 7 4 13
Hong Kong 2 3 4 9
Porto Rico 2 2 6 10
Uruguai 2 2 6 10
Bahrein 2 2 0 4
Catar 2 1 5 8
Fiji 2 0 1 3
Filipinas 1 5 8 14
Império Russo 1 4 3 8
Vietnã 1 3 1 5
Peru 1 3 0 4
Singapura 1 2 2 5
Costa Rica 1 1 2 4
Costa do Marfim 1 1 2 4
Siría 1 1 2 4
Tajiquistão 1 1 2 4
Granada 1 1 1 3
Burundi 1 1 1 3
Luxemburgo 1 1 0 2
Panamá 1 0 2 3
Bermudas 1 0 1 2
Emirados Árabes Unidos 1 0 1 2
Moçambique 1 0 1 2
Suriname 1 0 1 2
Atletas Olímpicos Independentes 1 0 1 2
Malásia 0 8 5 13
Namíbia 0 5 0 5
Quisguistão 0 3 4 7
Moldávia 0 2 4 6
Arábia Saudita 0 2 2 4
Islândia 0 2 2 4
Líbano 0 2 2 4
Sérvia e Montenegro 0 2 0 2
Sri Lanka 0 2 0 2
Tanzânia 0 2 0 2
Gana 0 1 4 5
Boêmia 0 1 3 4
San Marino 0 1 2 3
Participantes Olímpicos Independentes 0 1 2 3
Botsuana 0 1 1 2
Haiti 0 1 1 2
Macedônia do Norte 0 1 1 2
Níger 0 1 1 2
Zâmbia 0 1 1 2
Antilhas Neerlandesas 0 1 0 1
Chipre 0 1 0 1
Gabão 0 1 0 1
Guatemala 0 1 0 1
Ilhas Virgens Americanas 0 1 0 1
Montenegro 0 1 0 1
Paraguai 0 1 0 1
Samoa  0 1 0 1
Senegal 0 1 0 1
Sudão 0 1 0 1
Tonga 0 1 0 1
Turcomenistão 0 1 0 1
Kuwait 0 0 3 3
Afeganistão 0 0 2 2
Federação das Índias Ocidentais 0 0 2 2
Barbados 0 0 1 1
Burquina Fasso 0 0 1 1
Djibuti 0 0 1 1
Eritreia 0 0 1 1
Guiana 0 0 1 1
Iraque 0 0 1 1
Maurício 0 0 1 1
Togo 0 0 1 1

Perguntas mais frequentes

Qual foi a última Olimpíada?

Realizada em 2021, por conta da pandemia COVID-19, o último Jogos Olímpicos foi de Tóquio 2020.

Que ano foi realizado as Olimpíadas no Brasil?

Em 2016, o Brasil se tornou o primeiro país da América do Sul a sediar um Jogos Olímpicos.

Onde serão as Olimpíadas de 2024?

Com a escolha sendo feita em setembro de 2017, Paris, na França, é a sede dos Jogos Olímpicos de 2024.

Quando é a abertura das Olimpíadas de 2024?

Apesar das primeiras disputas começarem em 24 de julho, a abertura dos Jogos Olímpicos de Paris será no dia 26 de julho.

Onde será os Jogos de 2028?

A decisão foi feita na mesma sessão do Comitê Olímpico que decidiu por Paris 2024, em setembro de 2017. Los Angeles foi eleito para ser a sede em 2028.

Como já aprendeu mais sobre as Olimpíadas, conheça mais sobre os atletas olímpicos brasileiros: