Diana Nyad é uma autora, jornalista, palestrante motivacional e nadadora de longa distância dos Estados Unidos.

A americana é um ícone dos esportes aquáticos, e aqui no Esportelândia você conhece um pouco mais sobre essa lenda das águas.

Biografia de Diana Nyad

Diana Nyad é uma figura emblemática nos esportes aquáticos, conhecida por suas incríveis proezas na natação de longa distância.

Ela ganhou destaque em 1975 ao completar a volta à ilha de Manhattan em tempo recorde. Além disso, em 1979, nadou de North Bimini, nas Bahamas, até Juno Beach, na Flórida.

Mas foi em 2013, em sua quinta tentativa aos 64 anos, que Nyad realizou um feito extraordinário, nadando de Havana, Cuba, até Key West, Flórida, desafiando as águas do Estreito da Flórida.

Diana Nyad: história e vida

Diana Nyad: biografia, história na natação e filme da Netflix
Reprodução

Diana Nyad, nasceu em Nova York em 1949, teve uma infância complexa, marcada pelo divórcio de seus pais e um segundo casamento de sua mãe com Aris Notaras, que acabou adotando Diana.

Sua família se mudou para a Flórida, onde ela começou a se dedicar à natação. Aos 14 anos, enquanto treinava com o renomado treinador Jack Nelson na Pine Crest School, Nyad relata ter sofrido abuso sexual.

Apesar de sua trajetória no esporte, Nyad enfrentou contratempos, incluindo uma infecção cardíaca que a afastou temporariamente das competições.

Após ser expulsa da Emory University por uma façanha ousada, pulando de um dormitório usando um paraquedas improvisado, Nyad continuou sua jornada acadêmica e esportiva.

Ela se formou em Lake Forest College e iniciou sua carreira de maratonista aquática, estabelecendo recordes e atraindo a atenção no International Swimming Hall of Fame.

Posteriormente, enquanto cursava um programa de doutorado na Universidade de Nova York em Literatura Comparada, Nyad continuou a se destacar em maratonas aquáticas, revelando seu talento excepcional e determinação incomparável no esporte.

Travessias históricas de Diana Nyad

Diana Nyad deixou um legado inesquecível no mundo das maratonas aquáticas. Em 1975, aos 26 anos, quebrou o recorde de circundar a Ilha de Manhattan, nadando por quase oito horas.

No ano seguinte, estabeleceu um recorde feminino em uma corrida de 35 km no Golfo de Nápoles. Em 1978, aos 28 anos, iniciou sua tentativa de nadar de Havana a Key West, mas enfrentou desafios climáticos após cerca de 42 horas no mar.

Em 1979, aos 30 anos, durante o que seria sua última prova “competitiva”, Nyad realizou uma façanha notável: nadou 164 km, sem proteção contra tubarões, das Bahamas à Flórida, estabelecendo um recorde mundial de natação de longa distância.

Apesar de encerrar suas competições, especialistas da Conferência Global de Natação em Águas Abertas de 2011 destacaram sua resistência mental como um fator crucial em atividades extremas como as maratonas aquáticas.

Travessia Cuba a Flórida

Nyad, renomada nadadora e aventureira, empreendeu uma série de tentativas épicas para nadar de Cuba até a Flórida. Começando em 2010, aos 60 anos, ela se preparou intensamente para a missão, treinando na ilha caribenha de St. Maarten e posteriormente em Key West, Flórida.

Em 2011, enfrentou desafios climáticos e físicos durante sua primeira tentativa, interrompida após 29 horas devido a fortes correntes e dores nos ombros e asma.

Em sua terceira tentativa, em setembro de 2011, Nyad nadou por 41 horas, mas foi forçada a parar devido a picadas de águas-vivas e correntes desviando seu curso.

O espírito perseverante a levou a outras tentativas em 2012 e 2013, enfrentando tempestades, águas-vivas e desafios físicos, mas foi na quinta tentativa, em agosto de 2013, que ela finalmente completou a jornada, nadando cerca de 180 km em 53 horas de Havana até Key West.

Embora sua conquista tenha sido notável, a validade da travessia foi questionada, especialmente após a Associação Mundial de Natação em Águas Abertas (WOWSA) se recusar a certificar a natação devido a registros incompletos e relatos conflitantes da equipe de Nyad.

O Livro Guinness de Recordes Mundiais revogou sua conquista e, em 2023, uma investigação mais aprofundada continuou a levantar dúvidas sobre a certificação da natação.

História que virou filme

Recentemente, a Netflix lançou um novo filme emocionante baseado em eventos reais, intitulado ‘Nyad'.

Sob a direção de Elizabeth Chai Vasarhelyi e Jimmy Chin, e com Annette Bening como protagonista, o filme retrata a incrível jornada de Diana Nyad, uma nadadora de longa distância dos EUA.

Em 2013, aos 64 anos, Nyad realizou um feito notável ao nadar desde Havana, Cuba, até Key West, Flórida, nos Estados Unidos.

O enredo gira em torno da determinação de Nyad em se tornar a primeira pessoa a atravessar a nado o percurso entre Cuba e os EUA aos 64 anos.

Com o apoio de sua melhor amiga e uma equipe dedicada, a atleta enfrenta mais de 160 km de desafios aquáticos nessa jornada épica. Veja o trailer do filme.