A Seleção Argentina de Futebol é também conhecida como La Albiceleste e conquistou ao longo de sua história muitos títulos, incluindo três Copas do Mundo, sendo a atual campeã do torneio.

Durante os anos conquistou também, Copas Américas e medalhas de ouro nos Jogos Olímpicos como os principais títulos. Até a Copa do Mundo de 2022, a Argentina jogou 18 vezes o torneio, ficando de fora apenas em quatro oportunidades.

Em 1938 ficou de fora por não concordar que a competição acontecesse novamente na Europa, em 1950 e 1954, foram problemas políticos da AFA que deixaram a Albiceleste de fora e em 1970 não se classificou pelas Eliminatórias.

A Seleção Argentina conquistou a Copa do Mundo de 2022 e também a Copa América de 2021, antes disso, o último título havia sido a Copa América de 1993, 28 anos antes, sendo esse o maior jejum de sua história.

Seleção Argentina de Futebol: história, títulos e recordes
Icon Sport

História da Seleção Argentina

A história da Seleção Argentina pode ser separada em três competições principais, a Copa do Mundo, a Copa América e as Olimpíadas, com os títulos conquistados e perdidos contando a história da Albiceleste.

Copa do Mundo

Em Copas do Mundo, a Argentina chegou à seis decisões do torneio, tendo conquistado a competição em três oportunidades, em 1978, 1986 e em 2022. As derrotas em finais aconteceram em 1930, 1990 e em 2014.

As vitórias foram sobre a Holanda em 1978, na Copa do Mundo disputada na própria Argentina, depois em 1986, no México, venceu a Alemanha Ocidental na final e por último em 2022, vencendo a França na decisão na disputa no Catar.

As derrotas, aconteceram para o Uruguai em 1930, no próprio Uruguai, depois em 1990 na Itália, perdeu para a Alemanha Ocidental e depois novamente contra a Alemanha, foi derrotada no Brasil em 2014.

Ao todo, participou de 18 edições de Copa do Mundo, tendo ficado de fora em apenas quatro oportunidades, em apenas uma delas não conseguiu classificação.

Copa América

A Argentina é quem mais conquistou títulos da Copa América, ao lado do Uruguai, ambas seleções venceram a competição em 15 oportunidades. Em 13 dos 15 títulos conquistados nessa competição, a Argentina venceu de forma invicta o torneio.

As conquistas invictas aconteceram em 1921, 1925, 1927, 1929, 1941, 1945, 1946, 1947, 1955, 1959, 1991, 1993, 2021. Tendo vencido outras duas vezes em 1937 e 1957, nessas oportunidades acabou perdendo pelo menos uma partida.

Na última Copa América, em 2021, disputada no Brasil, a Argentina voltou a vencer uma competição oficial após 28 anos sem levantar uma taça. Na decisão, venceu os donos da casa por 1 x 0, gol marcado por Di Maria.

Olimpíadas

Nos Jogos Olímpicos, a Seleção Argentina já conquistou a medalha de ouro em duas oportunidades e mais duas vezes a medalha de prata. Primeiro em 1928, em Amsterdã, conquistou a prata e depois em 1996, em Atlanta mais uma vez ficou em segundo.

As medalhas de ouro foram conquistadas de forma consecutiva, em 2004, em Atenas e em 2008, em Pequim. A Argentina é também a principal vencedora de medalhas de ouro em Jogos Pan-Americanos, tendo vencido sete vezes.

Em 1928, na final, acabou derrotada para o Uruguai, depois perdeu mais uma vez a chance da medalha de ouro em 1996, ao enfrentar a Nigéria de Kanu e Okocha na decisão do torneio olímpico.

Em 2004, conquistou pela primeira vez a medalha de ouro nas Olimpíadas de Atenas, ao vencer o Paraguai na decisão por 1 x 0, gol marcado por Carlitos Tévez. Na Olimpíada seguinte, em Pequim, defendeu o título e se vingou na Nigéria, 1 x 0, gol de Di Maria.

Primeiro jogo da Seleção Argentina

O primeiro jogo da Seleção Argentina de Futebol foi um amistoso contra o Uruguai, no dia 16 de maio de 1901.

A partida foi disputada em Montevidéu e terminou com vitória da Argentina por 3 x 2 e ficou marcada como o primeiro jogo entre seleções fora das ilhas britânicas.

Primeiro título da Seleção Argentina

A Seleção Argentina venceu seu primeiro título em 1921, no Campeonato Sul-Americano de Futebol, hoje conhecido como Copa América. O torneio teve apenas quatro participantes, Argentina, Brasil, Uruguai e Paraguai.

A disputa da competição aconteceu na Argentina, com todos os jogos acontecendo no Estadio Sportivo Barracas em Buenos Aires. A Seleção Argentina venceu os três jogos que fez, marcou cinco gols e não sofreu nenhum, tendo melhor ataque e melhor defesa.

O artilheiro do torneio foi Julio Libonatti, da Argentina com três gols marcados, um gol em cada partida, sendo decisivo para o título. As vitórias foram de 1 x 0 sobre Brasil e Uruguai, ambas com gol de Libonatti e 3 x 0 sobre o Paraguai, com um dos gols sendo dele.

Vá além do futebol:

Todos os títulos da Seleção Argentina

  • Copa do Mundo: 3 (1978, 1986, 2022)
  • Copa das Confederações: 1 (1992)
  • Copa América: 15 (1921, 1925, 1927, 1929, 1937, 1941, 1945, 1946, 1947, 1955, 1957, 1959, 1991, 1993, 2021)
  • Campeonato Pan-Americano: 1 (1960)
  • Olimpíadas: 2 (2004, 2008)
  • Jogos Pan-Americanos: 7 (1951, 1955, 1959, 1971, 1995, 2003, 2019)
  • Superclássico das Américas: 4 (1923, 1939-1940, 1940, 1971)
  • Copa dos Campeões da CONMEBOL–UEFA: 2 (1993, 2022)
Seleção Argentina de Futebol: história, títulos e recordes
Icon Sport

Recordes da Seleção Argentina

  • Jogador com o maior número de jogos: Lionel Messi, 180 partidas
  • Maior artilheiro:  Lionel Messi, 106 gols
  • Maior artilheiro em Copas do Mundo: Lionel Messi, 13 gols
  • Maior artilheiro em Eliminatórias para a Copa do Mundo: Lionel Messi, 31 gols
  • Treinador com o maior número de jogos: Guillermo Stábile, 127 jogos
  • Maior vitória: Argentina 12 x 0 Equador (1942)
  • Maior derrota: Tchecoslováquia 6 x 1 Argentina (1958), Bolívia 6 x 1 Argentina (2009), Espanha 6 x 1 Argentina (2018).

Jogadores que mais defenderam a Seleção Argentina

  • Lionel Messi: 180 (2005–Presente)
  • Javier Mascherano: 147 (2003–2018)
  • Javier Zanetti: 145 (1994–2011)
  • Ángel Di Maria: 134 (2008–Presente)
  • Roberto Ayala: 115 (1994–2007)
  • Diego Simeone: 106 (1988–2002)
  • Nicolás Otamendi: 105 (2009–Presente)
  • Sergio Agüero: 101 (2006–2021)
  • Oscar Ruggeri: 97 (1983–1994)
  • Sergio Romero: 96 (2008–2018)
  • Diego Armando Maradona: 91 (1977–1994)
  • Ariel Ortega: 88 (1993–2010)
  • Gabriel Batistuta: 78 (1991–2002)
  • Carlos Tévez: 76 (2004–2015)
  • Juan Pablo Sorín: 76 (1995–2006)
  • Gonzalo Higuaín: 75 (2009–2018)
  • Américo Gallego: 73 (1975–1982)
  • Juan Sebastián Verón: 73 (1996–2010)
  • Gabriel Heinze: 72 (2003–2010)
  • Daniel Passarella: 70 (1976–1986)

Maiores artilheiros da Seleção Argentina (jogos oficiais)

  • Lionel Messi: 106 gols
  • Gabriel Batistuta: 56 gols
  • Sergio Agüero: 41 gols
  • Hernán Crespo: 35 gols
  • Diego Armando Maradona: 34 gols
  • Gonzalo Higuaín: 31 gols
  • Ángel Di Maria: 29 gols
  • Luis Artime: 24 gols
  • Leopoldo Luque: 22 gols
  • Daniel Passarella: 22 gols
  • Herminio Masantonio: 21 gols
  • José Sanfilippo: 21 gols
  • Lautaro Martínez: 21 gols
  • Mario Kempes: 20 gols
  • René Pontoni: 19 gols
  • Jorge Carrascosa: 19 gols
  • Norberto Méndez: 19 gols
Seleção Argentina de Futebol: história, títulos e recordes
Icon Sport

Todos os técnicos da Seleção Argentina

  • Ángel Vázquez (1924-1925)
  • José Millán (1926-1927)
  •  Francisco Olazar e Juan José Tramutola (1929-1930)
  • Felipe Pascucci (1934)
  • Manuel Seoane (1934-1937)
  • Ángel Roca (1938-1939)
  • Guillermo Stábile (1939-1960)
  • Victorio Spinetto (1960-1961)
  • José d'Amico (1961)
  • Juan Lorenzo (1962-1963)
  • Alejandro Galán (1963)
  • Horacio Torres (1963-1964)
  • José Minella (1964-1968)
  • Renato Cesarini (1968)
  • Humberto Maschio (1968-1969)
  • Adolfo Pedernera (1969)
  • Juan Pizutti (1969-1972)
  • Omar Sívori (1972-1974)
  • Vladislao Cap (1974)
  • César Menotti (1974-1983)
  • Carlos Bilardo (1983-1990)
  • Alfio Basile (1990-1994)
  • Daniel Passarella (1994-1998)
  • Marcelo Bielsa (1999-2004)
  • José Pekerman (2004-2006)
  • Alfio Basile (2006-2008)
  • Diego Maradona (2008-2010)
  • Sergio Batista (2010-2011)
  • Alejandro Sabella (2011-2014)
  • Gerardo Martino (2014-2016)
  • Edgardo Bauza (2016-2017)
  • Jorge Sampaoli (2017-2018)
  • Lionel Scaloni (2018-Presente)
Seleção Argentina de Futebol: história, títulos e recordes
Icon Sport

Convocação Seleção Argentina para a Copa América 2024

Depois de relembrar a história, os títulos e os recordes da Seleção Argentina, aproveite para ler outros conteúdos sobre futebol: