Joseph Blatter, Daniel Burley Woolfall, João Havelange e mais: saiba quem foram os 9 presidentes da FIFA em toda a história

Você conhece todos os presidentes da FIFA desde 1904? João Havelange e Joseph Blatter são os mas conhecidos, principalmente por terem se envolvido em escândalos de corrupção. Mas e os outros? Quem foram? Quando estiveram no poder?

Mataremos sua curiosidade agora! Reunimos todos os cartolas da história da entidade e, de quebra, te explicamos como funcionam as eleições. Segue o fio!

Como funcionam as eleições para presidente da FIFA

Jules Rimet é o criador da Copa do Mundo
Jules Rimet foi o terceiro presidente da FIFA

Antes de listar todos os presidentes da FIFA, vamos te explicar como funcionam as eleições na entidade máxima do futebol. Elas acontecem de quatro em quatro anos. Os interessados podem concorrer à vaga desde que atendam a uma série de requisitos.

Os principais são: ter jogado ou treinado um clube por dois anos, ter sido membro de alguma associação de futebol (no presente ou no passado) e ter a candidatura apoiada por pelo menos três federações nacionais.

Após atender aos requisitos, os candidatos começam suas campanhas e a corrida por apoio. Podem votar todos os 211 países membros.

Para ser eleito no primeiro turno, o candidato precisa acumular 2/3 dos votos. Caso isso não aconteça, as eleições vão para o segundo turno. Nessa nova situação, o cartola que atingir mais de 50% dos votos é eleito o novo presidente da FIFA.

Uma vez no poder, os presidentes podem se reeleger quantas vezes quiserem – basta vencer as eleições. Joseph Blatter, por exemplo, ficou 17 anos no poder.

Todos os presidentes da FIFA

  • Robert Guérin (1904-1906)
  • Daniel Burley Woolfall (1906-1918)
  • Jules Rimet (1921-1954)
  • Rodolphe Seeldrayers (1954-1955)
  • Arthur Drewry (1955-1961)
  • Stanley Rous (1961-1974)
  • João Havelange (1974-1998)
  • Joseph Blatter (1998-2015)
  • Gianni Infantino (2016-presente)

Robert Guérin

presidentes da fifa

  • Período: 1904-1906
  • Duração: 2 anos
  • País: França

Criada em 1906 por França, Bélgica, Dinamarca, Holanda, Espanha, Suécia e Suíça, a FIFA teve como primeiro presidente o francês Robert Guérin.

Ele foi eleito no congresso inaugural da entidade, que reuniu membros de todas as nações participantes. Na época, Guerín trabalhava como jornalista no Le Matin e secretário na União das Sociedades Francesas de Esportes Atléticos, órgão que foi extinto em 1919.

Além de ter ajudado a fundar a FIFA, Robert também participou da criação do primeiro estatuto da entidade. Ele ficou apenas dois anos no poder e foi substituído por Daniel Burley Woolfall em 1906.

Daniel Burley Woolfall

como funciona eleicoes na fifa

  • Período: 1906-1918
  • Duração: 12 anos
  • País: Inglaterra

Continuamos a lista de presidentes da FIFA com Daniel Burley Woolfall. O dirigente inglês, ex-cartola da Football Association, foi eleito em 1906, substituindo Robert Guérin.

Woolfall reformulou o regulamento da FIFA e aprovou regras de uniformes a nível internacional. Naquela época, apenas clubes jogavam com camisas, calções e meiões padronizados.

Outro feito importante de Daniel foi ter organizado a primeira competição expressiva entre seleções da história: os Jogos Olímpicos de 1908, em Londres. O torneio foi vencido pelo Reino Unido.

Foi no mandato do inglês que os primeiros membros não-europeus entraram na FIFA: África do Sul, Argentina, Chile e Estados Unidos. Woolfall morreu após 12 anos de mandato.

Jules Rimet

jules rimet

  • Período: 1921-1954
  • Duração: 33 anos
  • País: França

Isso te soa familiar, né? Além de dar nome à antiga taça da Copa do Mundo, Jules Rimet também foi o terceiro presidente da FIFA. O mandato do francês durou 33 anos e foi o mais longo da história da entidade.

Ele esteve no poder entre 1921 e 1954, quando, no período, elevou o número de nações participantes de 12 para 85 e criou a Copa do Mundo.

Talvez seja por isso que Rimet seja considerado o cartola mais importante de todos os tempos, pois fundou um evento de futebol que posteriormente se tornaria aclamado no mundo inteiro.

Jules faleceu em 1956, dois anos após deixar a presidência.

Rodolphe Seeldrayers

Rodolphe Seeldrayers

  • Período: 1954-1955
  • Duração: 1 ano
  • País: Bélgica

Em 1954, Rodolphe Seeldrayers chegou para quebrar a hegemonia entre ingleses e franceses no alto escalão da FIFA. Seu mandato, entretanto, não durou muito tempo, se tornando o mais curto da história do órgão.

Seeldrayers era o vice-presidente na época. Ele assumiu o cargo após a renúncia do colega Jules Rimet, mas ficou poucos mais de um ano no poder. Rodolphe faleceu em 1955 enquanto ainda exercia a função.

Por mais que tenha acumulado pouco tempo na presidência, o dirigente já havia contribuído com projetos quando era a segunda voz mais importante da casa.

Embora achasse que todas as modalidades esportivas, incluindo o futebol, deveriam ser praticadas apenas por amadores – e não profissionais – o belga ajudou a organizar edições de Jogos Olímpicos e outros eventos importantes. Leia mais sobre futebol:

Arthur Drewry

Arthur Drewry

  • Período: 1956-1961
  • Duração: 5 anos
  • País: Inglaterra

Foi incumbido a Arthur Drewry a missão de suceder Rodolphe Seeldrayers. O cartola inglês assumiu de forma interina em 1955 e foi eleito presidente da FIFA em 1956.

Com experiência prévia na administração da Football Association, Drewry supervisionou a Copa do Mundo de 1958, vencida pelo Brasil, mas acabou falecendo no exercício do cargo três anos depois. Arthur foi sucedido por Stanley Rous.

Stanley Rous

Stanley Rous
Stanley Rous
  • Período: 1961-1974
  • Duração: 13 anos
  • País: Inglaterra

Continuamos a lista de presidentes da FIFA com Stanley Rous, o sexto dirigente da história da entidade. O inglês ficou 13 anos no poder e pôde assistir seu país natal conquistando a Copa do Mundo de 1966.

Rous enfrentou muita resistência durante seu mandato, pois apoiava o apartheid sul-africano. O cartola queria que o país continuasse disputando Copas do Mundo e sendo membro da entidade, mesmo ciente das atrocidades cometidas pelo regime de segregação racial.

Rous foi derrotado pelo brasileiro João Havelange nas eleições de 1974, muito em função do descontentamento de confederações africanas, asiáticas e americanas.

João Havelange

João Havelange
João Havelange
  • Período: 1974-1998
  • Duração: 24 anos
  • País: Brasil

João Havelange foi o único presidente não-europeu da FIFA. O brasileiro ficou 24 anos no poder, tendo organizado seis Copa do Mundo e criado Mundiais em outras categorias como infanto-juvenil, juniores e feminino.

Embora tenha sido um dos grandes responsáveis pela popularização da Copa a nível global, Havelange teve sua carreira manchada por esquemas de corrupção.

Em 2012, confirmou-se que o brasileiro recebeu propina da empresa de marketing International Sport and Leisure (ISL) para que a mesma pudesse deter o monopólio das operações dentro da FIFA.

Antes de morrer em 2016, com 100 anos de idade, Havelange renunciou ao cargo de presidente honorário da instituição.

Joseph Blatter

Joseph Blatter
Joseph Blatter
  • Período: 1998-2015
  • Duração: 17 anos
  • País: Suíça

Após alguns anos exercendo a função de secretário da FIFA, Joseph Blatter foi eleito presidente em 1998. Ele assumiu o lugar de João Havelange e ficou 17 anos no poder.

O suíço ganhou quatro reeleições e, assim como seu predecessor, contribuiu com o aumento da influência de federações africanas e asiáticas, que começaram a ter maior poder de decisão dentro da entidade.

Blatter também foi condenado por corrupção, após ter sido comprovado que o cartola recebeu subornos durante seu mandato. Ele renunciou ao cargo em 2015 e recebeu 12 anos de banimento pelo Comitê de Ética.

Gianni Infantino

Gianni Infantino
Gianni Infantino
  • Período: 2016-presente
  • Duração: 5 anos até o momento
  • País: Suíça/Itália

Finalizamos a lista de presidentes da FIFA com Gianni Infantino, atual líder do órgão. O dirigente de dupla nacionalidade (suíça e italiana) foi eleito em 2016 para o lugar de Joseph Blatter.

Uma de suas principais contribuições até o momento foi ter lutado pelos direitos das mulheres no Irã, que agora podem ir aos estádios para assistirem a partidas de futebol entre homens.

Infantino é atualmente investigado por corrupção. A justiça da Suíça está apurando se há irregularidades em negociações realizadas entre o cartola e o procurador-geral suíço Michael Lauber.

Chegamos ao fim do texto, pessoal! Espero que tenham gostado de conhecer um pouquinho da história dos personagens que já presidiram a FIFA. Um grande abraço e até a próxima!

*Última atualização feita em 16 de abril de 2021

Salvar