Casemiro é renomado por suas habilidades defensivas, destaque em recuperação de bolas e eficácia em desarmes.

Ele é amplamente considerado um dos melhores volantes defensivos de sua geração, e sua inclusão na FIFA FIFPro World XI em 2022 atesta sua qualidade. Confira a história do capitão da Seleção Brasileira.

História de Casemiro

Casemiro é um dos melhores defensores do mundo
Casemiro é um dos melhores defensores do mundo

Carlos Henrique Casimiro, conhecido como Casemiro e nascido em 23 de fevereiro de 1992, é um jogador de futebol brasileiro que atua como volante defensivo no Manchester United, clube da Premier League, e é o capitão da Seleção Brasileira.

O início da carreira de Casemiro se deu no São Paulo, onde progrediu pelas categorias de base. Sua habilidade defensiva chamou a atenção do Real Madrid, que o contratou por empréstimo em janeiro de 2013. Posteriormente, o Real Madrid efetivou sua contratação por £5,1 milhões, tornando-o membro do elenco principal no Santiago Bernabéu.

No início de sua passagem pelo Real Madrid, ele foi emprestado ao FC Porto por €15 milhões para ganhar mais tempo em campo. O Real Madrid optou por readquiri-lo por €7,00 milhões na janela de transferências de verão de 2015.

Desde então, Casemiro desempenhou um papel crucial no sucesso do Real Madrid, contribuindo para diversas conquistas. Em 2022, após conquistar sua quinta Liga dos Campeões com o Real Madrid, Casemiro transferiu-se para o Manchester United por uma taxa de €70,65 milhões. Em sua primeira temporada no clube, ele conquistou a EFL Cup.

Casemiro é um membro da seleção brasileira desde 2011, representando o Brasil em duas Copas do Mundo (2018 e 2022) e em quatro edições da Copa América. Durante sua trajetória internacional, ele conquistou a Copa América de 2019 e foi vice-campeão na edição de 2021.

São Paulo

Casemiro começou na base do São Paulo
Casemiro começou na base do São Paulo

No período de 2003 a 2010, durante sua carreira na juventude, Casemiro, nascido em São José dos Campos, São Paulo, se desenvolveu nas categorias de base do São Paulo. Desde os 11 anos, ele assumiu a função de capitão nas equipes de base.

Já entre 2010 e 2013, Casemiro continuou a trilhar um caminho de sucesso. Sua estreia na Série A aconteceu em 25 de julho de 2010, quando enfrentou o Santos em uma partida fora de casa, mesmo cenário em que marcou seu primeiro gol como jogador profissional, em 15 de agosto, contribuindo para um empate por 2 a 2 contra o Cruzeiro.

Em 7 de abril de 2012, em uma partida válida pelo Campeonato Paulista daquele ano, Casemiro marcou o primeiro gol na vitória por 2 a 0 sobre o Mogi Mirim na Arena Barueri.

Importante destacar que esse período também foi marcado pela conquista da Copa Sul-Americana pelo São Paulo, com Casemiro contribuindo com uma única aparição como substituto em uma vitória em casa por 5 a 0 sobre a Universidad de Chile no segundo jogo das quartas de final, em 7 de novembro.

Real Madrid

Casemiro é considerado uma lenda do Real Madrid
Casemiro é considerado uma lenda do Real Madrid

No período de 2013 a 2015, ocorreram os primeiros sucessos e o empréstimo ao Porto para Casemiro. Em 31 de janeiro de 2013, o jogador foi emprestado ao Real Madrid na Espanha, sendo inicialmente designado para o time B na Segunda Divisão.

Já no período de 2015 a 2016, Casemiro consolidou seu papel como titular. Em 5 de junho de 2015, ele retornou ao Real Madrid, que ativou sua cláusula de recompra, e dois meses depois seu contrato foi estendido até 2021.

Em 13 de março de 2016, ele marcou seu primeiro gol competitivo pelo Merengues, cabeceando um escanteio de Jesé aos 89 minutos em uma vitória por 2 a 1 sobre o Las Palmas.

Casemiro se tornou um titular sob o comando de Zinedine Zidane, acumulando 11 aparições na Liga dos Campeões daquela temporada. Na final contra o Atlético de Madrid, ele jogou os 120 minutos completos, ajudando o Real Madrid a conquistar seu 11º título em uma disputa de pênaltis após um empate em 1 a 1.

De 2016 a 2022, Casemiro foi uma peça fundamental para o sucesso prolífico do Real Madrid. Na temporada 2016-17, ele se destacou na final da Liga dos Campeões contra a Juventus, marcando um gol de longa distância e ajudando sua equipe a vencer por 4 a 1.

Além disso, em 8 de agosto, ele contribuiu com um gol na vitória por 2 a 1 sobre o Manchester United na Supercopa da UEFA de 2017.

Na Liga dos Campeões de 2017-18, Casemiro fez 12 aparições e marcou um gol, enquanto o Real Madrid conquistava o terceiro título consecutivo e o 13º no geral na competição. Em agosto de 2021, ele renovou seu contrato até junho de 2025.

Um outro destaque significativo ocorreu quando Casemiro foi o Homem do Jogo na vitória do Real Madrid na Supercopa de 2022, quando derrotaram o Eintracht Frankfurt por 2 a 0.

Porto

A passagem pelo Porto foi importante para o crescimento do defensor
A passagem pelo Porto foi importante para o crescimento do defensor

No dia 19 de julho de 2014, Casemiro foi cedido por empréstimo ao Porto por uma temporada. Durante sua passagem pelo clube português, ele participou de 41 jogos no total e marcou quatro gols.

Entre suas conquistas, destaca-se um gol de falta em 10 de março de 2015, que contribuiu para uma vitória por 4 a 0 em casa sobre o Basel nas oitavas de final da Liga dos Campeões da UEFA.

Manchester United

Casemiro é um pilar do Manchester United desde que chegou
Casemiro é um pilar do Manchester United desde que chegou

Sua estreia pelo clube aconteceu como substituto em uma vitória fora de casa na Premier League contra o Southampton em 27 de agosto. Em 22 de outubro, ele marcou seu primeiro gol na Premier League com um cabeceio aos 94 minutos, empatando a partida em 1 a 1 fora de casa contra o Chelsea.

Em 26 de fevereiro de 2023, o Manchester United conquistou a EFL Cup, sendo o primeiro título de Casemiro no clube e o primeiro troféu do United desde 2017. Casemiro marcou o primeiro gol da partida, que terminou 2 a 0 contra o Newcastle United na final, e essa atuação lhe rendeu o Troféu Alan Hardaker.

Carreira internacional

A estreia de Casemiro na seleção principal do Brasil ocorreu em 14 de setembro de 2011, em um empate sem gols contra a Argentina, quando ele tinha 19 anos. O técnico Dunga o convocou para a equipe brasileira na Copa América de 2015, mas ele não entrou em campo, pois o Brasil foi eliminado nas quartas de final, no Chile.

Em 5 de maio de 2016, seu nome foi anunciado na lista de 23 jogadores que representariam o Brasil na Copa América Centenário, realizada nos Estados Unidos.

Em maio de 2018, Casemiro foi selecionado pelo técnico Tite para a Copa do Mundo da FIFA de 2018 na Rússia. Ele fez sua estreia no torneio em 17 de junho, jogando por 60 minutos no empate por 1 a 1 na fase de grupos contra a Suíça.

Em maio de 2019, seu nome figurou na lista de 23 jogadores da seleção brasileira para a Copa América de 2019, realizada em solo brasileiro. Na última partida da fase de grupos, contra o Peru, no Estádio Arena Corinthians, ele anotou seu primeiro gol internacional, abrindo o placar na vitória por 5 a 0.

Em 9 de junho de 2021, ele recebeu a convocação para a Copa América de 2021. No terceiro jogo da fase de grupos, ocorrido em 23 de junho, ele foi responsável por marcar o gol da vitória nos últimos momentos da partida, após um escanteio cobrado por Neymar, ajudando a equipe a vencer a Colômbia por 2 a 1.

Em 7 de novembro de 2022, Casemiro foi chamado para a Copa do Mundo de 2022 no Catar. Em 28 de novembro, marcou o gol decisivo na segunda partida da fase de grupos contra a Suíça.

Estilo de jogo

Casemiro em ação contra Lionel Messi
Casemiro em ação contra Lionel Messi

Casemiro é um jogador versátil que desempenha o papel de volante defensivo, mas também pode atuar em posições mais recuadas no meio-campo e ocasionalmente como zagueiro central.

Ele é reconhecido por sua inteligência, força física, agilidade, agressividade e abordagem determinada nos desarmes, combinados com uma incrível taxa de trabalho e habilidade técnica. Ele é conhecido por equilibrar suas equipes, oferecendo sólido suporte defensivo aos colegas mais ofensivos e, após recuperar a posse de bola, distribui passes precisos.

Além disso, ele é um meio-campista completo com um poderoso chute de longa distância, habilidades de distribuição confiáveis e a capacidade de se projetar ofensivamente, fazendo corridas sem a bola e iniciando jogadas.

Ele se destaca por suas rápidas reações, excelente posicionamento, leitura de jogo e antecipação, o que o torna essencial como volante defensivo, cortando contra-ataques e protegendo a linha defensiva.

Sua tenacidade em campo, ilustrada por desarmes decisivos e resistência, lhe rendeu o apelido de “O Tanque” pelo Marca. Além de suas habilidades técnicas, ele se destaca por seu espírito competitivo, mentalidade, consistência e determinação em campo.

Títulos

O brasileiro tem 5 Champions League em seu currículo
O brasileiro tem 5 Champions League em seu currículo

São Paulo

  • Copa São Paulo de Futebol Júnior: 2010
  • Copa Sudamericana: 2012

Real Madrid

  • La Liga: 2016–17, 2019–20, 2021–22
  • Copa del Rey: 2013–14
  • Supercopa de España: 2017, 2019–20, 2021–22
  • UEFA Champions League: 2013–14, 2015–16, 2016–17, 2017–18, 2021–22
  • UEFA Super Cup: 2016, 2017, 2022
  • FIFA Club World Cup: 2016, 2017, 2018

Manchester United

  • EFL Cup: 2022–23

Brasil

  • Copa América: 2019

Prêmios Individuais

  • Equipe da Temporada da UEFA Champions League: 2016–17, 2017–18
  • Equipe da Temporada da UEFA La Liga: 2019–20
  • Equipe do Torneio da Copa América: 2021
  • FIFA FIFPRO World 11 Masculino: 2022

Você ama outros esportes? Aqui no Esportelândia também falamos sobre: