Antes de tudo, nesta segunda-feira (8), a EA liberou, pela primeira vez no FIFA 22, os Desafios de Montagem de Elenco de Icons. Decerto, eles são jogadores já aposentados que fizeram história no futebol e nos seus clubes/seleções. A saber, ex-atletas como Pelé, Ronaldo, Cafu, Henry, Van Persie, entre muitos outros.

Sendo assim, o FIFA 22 os homenageia com três cartas especiais, uma carta relevante ao seu auge, chamada de prime. Bem como uma de quando o jogador não estava no auge, chamada de mid. E, por fim, mas não menos importante, uma referente ao começo de sua carreira, chamada de baby.

De fato, em todo FIFA, a EA libera DMEs de Icons para os jogadores realizarem. No jogo atual, eles decidiram abrir com dois: um desafio que disponibiliza carta baby do nigeriano Jay-Jay Okocha, ex-craque do PSG, e outro que proporciona a carta mid do alemão Miroslav Klose, maior artilheiro das copas do mundo e ídolo da Alemanha.

Foto: Futbin
Foto: Futbin

A conclusão do desafio de Okocha está saindo por volta de 500K nas três plataformas, enquanto o de Klose está por aproximadamente 215K. A realização do desafio de ambos não vale a pena. Isso porque o preço do nigeriano no mercado está quase 200K mais barato, enquanto o preço do alemão está quase 20K mais barato, segundo o Futbin.

Além dos Icons, a EA também liberou nesta segunda um DME que proporciona um pacote garantia de um Icon versão baby, por aproximadamente 500k.

Foto destaque: Divulgação/Fifa Ultimate Team