Heptacampeão brasileiro, tricampeão pan-americano, segundo colocado do ranking e maior nome do ciclismo nacional na atualidade. Henrique Avancini é um fenômeno!

Carioca natural de Petrópolis, o ciclista se destacou recentemente ao faturar duas provas da Copa do Mundo de mountain bike. Sem dúvida um dos melhores do planeta!

Quer saber tudo sobre a carreira do esportista? Então fique por aqui! Reunimos informações como início na modalidade, títulos, curiosidades e muito mais.

Quem é Henrique Avancini?

Quem é Henrique Avancini
Avancini é um ciclista profissional de mountain bike

Henrique da Silva Avancini é um ciclista profissional brasileiro especialista na modalidade mountain bike. Ele nasceu na cidade de Petrópolis, Rio de Janeiro, no dia 30 de março de 1989. O carioca tem 1.76m de altura e pesa 67kg.

Estamos falando do maior ciclista do Brasil na atualidade. O atleta faturou títulos internacionais, construiu uma hegemonia impressionante em solo nacional e está cotado a brigar por uma medalha nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

Avancini foi o primeiro brazuca da história a vencer uma etapa da Copa do Mundo de mountain bike. Em casa, notabilizou-se por vencer o Campeonato Brasileiro de MTB em todas as categorias: do júnior até o elite.

Até a data da publicação deste texto, Henrique ostenta o segundo lugar do ranking individual de cross-country da União Ciclística Internacional.

Biografia de Henrique Avancini

Biografia de Henrique Avancini
Henrique começou a pedalar com oito anos de idade

Inspirado pelo pai Ruy Avancini, ciclista de longa data, Henrique começou a pedalar com oito anos de idade. Sua família era dona de uma loja de bikes. Então não demorou para que a paixão pelo esporte surgisse de forma natural.

Sua primeira bicicleta foi montada com peças abandonadas da oficina. E sua primeira tentativa no guidão foi um pouco traumatizante: seu pai havia esquecido de ensinar como utilizar o freio. Henrique, portanto, pedalou até atingir uma roseira.

O início com o pé esquerdo não atrapalhou sua ascensão como ciclista. O pequeno Avancini começou a rodar para todos os lados e a disputar suas primeiras competições regionais.

História de Henrique Avancini

História de Henrique Avancini
Carioca é heptacampeão brasileiro

O garoto já se mostrava um prodígio desde cedo. No mesmo ano em que montou sua primeira bike, já venceu um campeonato mirim na cidade de Engenheiro Paulo de Frontin, no Rio. Posteriormente, subiu para a categoria júnior e frequentou campeonatos internacionais como o Pan-Americano e o Mundial de MTB.

Em 2009, com 20 anos, deu um salto enorme em sua carreira ao entrar para o ISD Cycling Team, um time profissional de mountain bike da Ucrânia. Três anos depois, já figurava entre os atletas da categoria elite.

Entre 2012 e 2014, Avancini defendeu a equipe da Caloi, empilhando diversas taças nacionais e ganhando cada vez mais destaque nos eventos internacionais. Em 2015, mais um upgrade na trajetória: foi contratado pela Cannondale Factory Racing. Ele compete ao lado do colega alemão Manuel Fumic até hoje.

Leia mais sobre ciclismo!

Henrique Avancini campeão mundial

Henrique Avancini campeão mundial
Em 2020, Avancini faturou duas etapas da Copa do Mundo

Considerando todas as categorias, Henrique é heptacampeão brasileiro, tricampeão pan-americano e uma vez campeão sul-americano de mountain bike. Faltava uma vitória mundial. E ela finalmente veio em 2018.

Avancini cravou o primeiro lugar no Campeonato Mundial Maratona em Auronzo do Cadore, na Itália, tornando-se o primeiro sul-americano a confirmar esse feito.

Com um tempo vieram as primeiras vitórias na Copa do Mundo de MTB. O carioca venceu duas provas no aclamado torneio – uma na categoria XCO e outra na short track – ambas na cidade de Nove Mesto, República Tcheca, em 2020.

Com as performances arrasadoras, o ciclista chega cotado para vencer o Campeonato Mundial de MTB e brigar por uma medalha na Olimpíada do Japão. De quebra, subiu para o segundo lugar do ranking individual de cross-country da União Ciclística Internacional.

Principais títulos de Henrique Avancini

  • 7x Campeonato Brasileiro
  • 3x Jogos Pan-Americanos
  • 1x Campeonato Sul-Americano
  • 1x Campeonato Mundial Maratona
  • 1x Prova da Copa do Mundo (short track)
  • 1x Prova da Copa do Mundo (XCO)

Bicicleta do Henrique Avancini

Bicicleta do Henrique Avancini
Cannondale Scalpel High-Mod 2020

A atual bike de Avancini é uma Cannondale Scalpel High-Mod 2020. O principal destaque da “máquina” é a suspensão FlexPivot, feita em carbono, durável e muito flexível. O quadro também merece destaque, pois pesa 1.900 gramas e é um dos mais leves do mercado. Veja a seguir as especificações completas da bicicleta:

  • Quadro: Novo Carbono BallisTec Hi-Mod, 100mm, Proportional Response Tuned, FlexPivot Chainstay, PF30-83, Tapered Headtube, Speed Release 12mm thru axle, Ai Offset, Stash compatível
  • Garfo: Lefty Ocho Carbon, 100mm, Chamber Damper com lockout remoto, OppO Spring System, direção cônica, 55mm offset
  • Suspensão traseira: Fox Float DPS Factory EVOL, 100mm, lockout remoto, rebote ajustável
  • Caixa de direção: Integrada, 1-1/8 to 1.5″, rolamento selado
  • Movimento central: Cannondale Alloy PressFit30
  • Corrente: Shimano XTR, 12 velocidades
  • Pedivela: Shimano XTR, BB30a, 34d
  • Cassete: Shimano XTR, 12 velocidades
  • Câmbio traseiro: Shimano XTR
  • Trocadores: Shimano XTR, 12v
  • Rodas: aros HollowGram 25, Superlight Hi-Impact Carbon, 28h, 25mm IW, tubeless ready, raios DT Swiss Competition Race, straight-pull
  • Cubos: Lefty 60 (dianteiro) e DT Swiss, 12×148 (traseiro)
  • Pneus: Schwalbe Racing Ray EVO, 29 x 2.25″, SnakeSkin, Addix Speedgrip, tubeless ready (dianteiro); Schwalbe Racing Ralph EVO, 29 x 2.25″, SnakeSkin, Addix Speed, tubeless ready (traseiro)
  • Freios: Shimano XTR disco hidráulico, rotores 160mm RT86 Ice Tech
  • Manoplas: Prologo
  • Guidão: Cannondale 1 Flat, Carbon, 31.8mm, 9° back, 760mm
  • Selim: Prologo Dimension NDR, trilhos Tirox
  • Canote: Cannondale DownLow Dropper, roteamento interno, 31.6, 100mm
  • Mesa: Cannondale 1, 7075 Alloy, 1-1/8″, 31.8, 7°
  • Stash Kit (Fabric 8-in-1 Mini Tool e Dynaplug ferramenta para reparo de punção tubeless), hastes de válvula Tubeless 

Curiosidades de Henrique Avancini

curiosidades Henrique Avancini
Ciclista é também amante da música!
  • Seu apelido de infância era Cavadeira (pois era magrelo e dentuço)
  • Sua esposa se chama Belle, com quem teve uma filha, Liz
  • Seus pratos preferidos são pizza, salada e risoto
  • Faz 4-5 sessões de treinos por dia
  • Seus eventos preferidos são Copa do Mundo, CIMTB e Brasil Ride
  • Seus hobbies são ouvir música, praticar trekking e cozinhar
  • Seus gêneros musicais preferidos são MPB, rap e rock
  • Torce para o Vasco da Gama
  • Tem uma tatuagem no joelho que relembra uma queda de 70km/h no México
  • quebrou cinco dedos e três costelas
  • Seu local preferido de pedalar é Petrópolis

Agora que você conhece a história de Henrique Avancini, que tal dar uma olhada em outros conteúdos interessantes aqui na Esportelândia?

Sugestões de outros textos:

*Última atualização feita em 10 de outubro de 2020