Antes de mais nada, Nico Erik Rosbergou simplesmente Nico Rosberg, é um ex-piloto de automóveis alemão que atuou na Fórmula 1 sendo uma das estrelas da equipe da Mercedes. Acima de tudo, sua estreia aconteceu no ano de 2006, no GP de Barém, pela Williams. Na ocasião, ele terminou na 7º colocação.

O COMEÇO DA CARREIRA

No início de 2003, quando tinha apenas dezessete anos de idade, Nico se tornou o piloto mais jovem da história a andar num carro de Fórmula 1.

Ajudado pelos contatos do pai, o ex-campeão Keke Rosberg, passou sem dificuldades pelas principais categorias de base, conquistando inclusive o título da GP2 Series em 2005. Sua estreia na Fórmula 1 veio na temporada seguinte.

A EXPERIÊNCIA NA FÓRMULA 1

Em 2006, Nico foi contratado pela Williams.  Logo na primeira corrida, terminou em 7º e ainda marcou a volta mais rápida. Entretanto, a equipe não tinha mais a performance de antes, e Rosberg sofreu bastante no seu ano de estreia.

Marcou somente quatro pontos, envolveu-se em vários acidentes e perdeu boa parte de sua reputação. Iniciou a temporada de 2007 em baixa, mas se recuperou com louvor, fechando o ano como um dos principais destaques.

No Grande Prêmio da Austrália de 2008, conseguiu seu primeiro pódio na categoria, com um 3º lugar. O segundo pódio veio no Grande Prêmio de Singapura de 2008, primeira corrida realizada à noite, ficando em 2º lugar, atrás do piloto espanhol Fernando Alonso.

Em 23 de novembro de 2009 a equipe Mercedes anunciou a contratação do piloto alemão para a temporada de 2010. Com um desempenho regular, conseguiu pontuar em 15 das 19 corridas disputadas. Conquistou assim três pódios e terminou a temporada em 7º lugar no campeonato de pilotos.

No dia 14 de abril de 2012, durante os treinos classificatórios para o o Grande Prêmio da China, Rosberg conquistou a primeira pole position da carreira. Com uma boa largada e um rendimento constante, conseguiu se manter em primeiro durante quase toda a prova, alcançando sua primeira vitória na categoria.

Na etapa seguinte, durante treinos livres do Grande Prêmio do Barém, chegou a marcar o melhor tempo durante a terceira sessão. O mesmo desempenho, no entanto, não foi alcançado no treino classificatório e o piloto ficou com o 5º lugar no grid de largada.

O piloto perdeu muitas posições durante a largada, mas conseguiu se recuperar durante a corrida, alcançando a linha de chegada na mesma posição em que largou.

O auge de sua carreira

A equipe Mercedes seguiu dominante. Rosberg venceu as quatro primeiras corridas da temporada 2016 – Austrália, Barém, China e Rússia. Somando-se as três últimas provas de 2015, alcançou sete vitórias consecutivas, assim igualando as marcas de Michael Schumacher Alberto Ascari.

Mais uma vez disputando o título com o companheiro de equipe, Lewis Hamilton, desta vez sagrou-se campeão mundial ao chegar em 2º lugar na última corrida em Abu Dhabi.

O fim de 2016 ainda rendeu emoções. Nico Rosberg anunciou a sua aposentadoria da Fórmula 1 após o título.

CURIOSIDADES DE NICO ROSBERG

Nico casou-se em julho de 2014 com sua namorada de longa data Vivian Sibold. Em agosto de 2015 nasceu a primeira filha de ambos.

Foto destaque: Reprodução / Hoje em Dia