Parece claro que o heptacampeão mundial Lewis Hamilton ainda não superou sua derrota no GP de Abu Dhabi em 2021. O britânico comunicou em entrevista recente à GQ que foi: “roubado”.

Decisões um tanto questionáveis aconteceram na última prova da Fórmula 1 de 2021, com o Safety Car parando uma volta antes do previsto regulamento. Isso acabou prejudicando Lewis e favorecendo Verstappen com pneus macios.

Lewis Hamilton bate na tecla do roubo em 2021 e aponta lição paternal

Lewis Hamilton (2)
Icon Sport

Após temporadas de domínio brutal, a Mercedes decaiu após a derrota de Hamilton em 2021. A equipe não conseguiu brigar com a Red Bull Racing nos anos seguintes e viu Verstappen se tornar tricampeão mundial.

É fato que até os dias atuais o heptacampeão mundial não esqueceu do ocorrido em 2021. Lewis concedeu entrevista à GQ e falou sobre o fardo daquela temporada e uma lição que tirou da situação com seu pai:

Fui roubado? Obviamente. Quero dizer, você conhece a história. Mas acho que o que foi realmente lindo naquele momento, a lição que tiro disso, foi que meu pai estava comigo.

Passamos por essa enorme montanha-russa da vida juntos, com altos e baixos. E no dia que mais doeu, ele estava lá, e a forma como ele me criou foi sempre em pé, com a cabeça erguida”, comentou o heptacampeão mundial.

Em outro trecho da entrevista, Lewis afirmou estar em paz com o ocorrido. Mas ainda sentir quando revê a corrida:

Se eu assistir a um clipe disso, ainda sinto. Mas estou em paz com isso. Meus fãs estavam realmente decididos em relação a isso.

A princípio não consegui entender, mas percebi que não é fácil se relacionar com alguém que sempre termina em primeiro.

É inspirador. Mas nunca houve uma história de superação até agora”, completou o piloto da Mercedes.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por GQ (@gq)

Siga no mundo do automobilismo e confira também nossos outros conteúdos: